Google+ Badge

sábado, 13 de fevereiro de 2016

Identificados outros envolvidos em roubo de joias

Identificados outros envolvidos em roubo de joias (Foto: Reprodução)
(Foto: Reprodução)
A Polícia Civil identificou cinco pessoas envolvidas no roubo a uma ótica no início da manhã de sexta-feira (12), no centro de Altamira, sudoeste do Pará. Duas delas - um adulto e um adolescente - já foram capturadas e estão recolhidas à disposição da Justiça. A informação foi divulgada no portal Agência Pará neste sábado (13).
Durante o assalto, joias, relógios e óculo avaliados em R$ 200 mil foram roubados. Parte dos objetos foi recuperado durante as investigações realizadas pela equipe de policiais civis da Superintendência da Polícia Civil da Região do Xingu. 
Segundo o delegado Vinicius Dias, titular da Superintendência, dois dos cinco assaltantes estavam com armas de fogo e, segundo testemunhas, renderam dois clientes e funcionários, para depois saquear as joias.Após o crime, os policiais civis foram até a loja para coletar as imagens do sistema de câmeras de monitoramento. Com pesquisas no banco de imagens da Seccional de Polícia e investigações, os policiais civis identificaram de início dois suspeitos de envolvimento no crime. (Pararijos NEWS)

Há 13 anos o Paysandu estreava na Libertadores. Robgol relembra

Há exatos 13 anos, o Paysandu realizava um feito histórico para o futebol do Norte do país. A estreia do dia 13 de fevereiro de 2003 na Copa Libertadores da América, a primeira competição internacional do Papão, era o começo de uma participação lembrada com saudosismo pelos torcedores bicolores. E o início não poderia ter sido melhor: vitória por 2 a 0 diante do Sporting Cristal, em Lima, capital do Peru, para delírio da Fiel.
Em entrevista ao programa Conexão Papão, da rádio Liberal AM, na manhã deste sábado, o ex-atacante Robgol, autor do primeiro gol daquele jogo aos três minutos do segundo tempo, relembrou o começo da participação do Paysandu no torneio.
Sabíamos do nosso potencial, mas a Libertadores não é uma competição fácil. Muitos pensavam que a nossa estreia seria um desastre, um time qualquer na competição, mas mostramos o contrário. Acho que aquele grupo, até hoje, sente saudade de tudo aquilo (...)
Robgol
- Depois de 13 anos daquela estreia, daquele primeiro jogo do Paysandu em uma competição internacional, fico orgulhoso e feliz de ter participado desse momento histórico que fica na memória de cada um de nós. No lance do gol, o Iarley cruzou, eu corri na direção da bola e, de peixinho, cabeceei no canto esquerdo do goleiro. Com certeza vou levar isso para o resto da minha vida. Fui o primeiro jogador a marcar um gol do Norte em uma Libertadores, e ainda por cima com a camisa do Paysandu.
Aquele resultado abriu caminho para uma campanha praticamente impecável, a melhor de um clube brasileiro na Libertadores. Foram cinco vitórias – com destaque para o 1 a 0 contra o Boca Juniors, dentro do Estádio La Bombonera -, dois empates e apenas uma derrota, 70,83% de aproveitamento. Robgol fala da força daquele elenco, que contava, ainda, com jogadores como Sandro Goiano, Vanderson, Iarley e Vélber.
- É uma conquista individual para aquele grupo formado em 2003, que conquistou não só o carinho do torcedor do Pará, mas do Brasil. Sabíamos do nosso potencial, mas a Libertadores não é uma competição fácil. Muitos pensavam que a nossa estreia seria um desastre, um time qualquer na competição, mas mostramos o contrário. Acho que aquele grupo, até hoje, sente saudade de tudo aquilo, das viagens, treinamentos, concentrações... Foi um grupo forte, lembrado para sempre pela torcida. (Pararijos NEWS)

Quatro ficam feridos em explosão de embarcação

Quatro ficam feridos em explosão de embarcação (Foto: Diário do Pará)
No fundo do barco, havia uma grande quantidade armazenada de combustível líquido, além de botijões de gás. (Foto: Diário do Pará)
Uma embarcação de médio porte, que fazia o transporte de mudanças de uma família pegou fogo na tarde deste sábado (13), às margens do rio Maratauira, em Abaetetuba, nordeste paraense.
De acordo com o Corpo de Bombeiros, das sete pessoas que estavam na embarcação, quatro sofreram queimaduras e foram encaminhadas para um hospital em Belém, com quadro de saúde estável.
Ainda segundo os Bombeiros, no fundo do barco havia uma grande quantidade armazenada de combustível líquido, além de botijões de gás, e devido a algum vazamento do gás ou gasolina no ambiente a explosão ocorreu no momento de ligar a embarcação.
O incêndio foi combatido pelo quartel de Abaetetuba.
Muitos curiosos de aglomeraram às proximidades do local do acidente. (Foto: Diário do Pará)
Na manhã deste domingo (14), técnicos se deslocarão até a área do acidente para a realização da perícia. 
O Hospital Metropolitano de Urgência e Emergência (HMUE) confirmou que recebeu, na tarde deste sábado (13), quatro pacientes vítimas de queimaduras provenientes do município de Abaetetuba. Todos estão em estado grave recebendo tratamento na unidade.
(DOL/Pararijos NEWS)
Festa continua no barracão da escola Bole Bole (Foto: Reprodução /Facebook)
O título continua sendo comemorado com muita festa pelos integrantes da Associação Carnavalesca Bole Bole. (Foto: Reprodução /Facebook)
O título de campeã do Carnaval de Belém, anunciado neste sábado (13), na Aldeia Amazônica, no bairro da Pedreira, continua sendo comemorado com muita empolgação pelos integrantes da Associação Carnavalesca Bole Bole.
O troféu foi levantado com muita emoção pelos integrantes da agremiação. (Foto: Reprodução / Facebook)
Além de lotar as arquibancadas no momento da apuração das notas, os carnavalescos seguiram para o barracão da escola, no bairro do Guamá, para festejar e comemorar o título.
Centenas de pessoas se concentram no local para comemora o título. 
(DOL/Pararijos NEWS)

Tentativa de resgate de presos é fracassada

Tentativa de resgate de presos é fracassada (Foto: Divulgação/Polícia Civil)
Edivaldo Sobreira (camisa amarela) daria fuga aos presos Cleiton Benício (camisa preta) e David Araújo (de branco) (Foto: Divulgação/Polícia Civil)
Ontem, em uma ação rápida e articulada, policiais civis e agentes prisionais conseguiram evitar um resgate de presos da cadeia pública do município de Capanema, no nordeste do Estado. Os detentos pretendiam fugir no momento da visita de familiares, segundo informou o delegado Augusto Damasceno, superintendente da Polícia Civil de Capanema.
Ainda de acordo com o delegado, “um homem, identificado como Edivaldo Sobreira, de 35 anos de idade, estava parado em uma rua, que fica por trás da cadeia pública de Capanema. Edivaldo Sobreira estava dentro de um carro modelo Gol, cor vermelha, com placa de Belém, esperando o momento exato para dar fuga aos encarcerados”. 
Os presos que seriam resgatados foram identificados como David Macambira Campelo Araújo, 23, e Cleiton da Silva Benício, de 29 anos de idade. O restage só não deu certo porque policiais civis identificaram o veículo do suspeito e passaram a segui-lo. Ele saiu do local quando percebeu a viatura se aproximando.
O carro foi abordado em um posto de combustíveis, na saída do município, próximo ao bairro Almir Gabriel. Dentro do veículo estava Edivaldo Sobreiro, usando identidade falsa. O motorista do carro e os presos, que seriam resgatados, foram conduzidos à Delegacia de Polícia Civil de Capanema, para prestarem esclarecimentos. (Pararijos NEWS)

Dieimi Sherllon, a menina-mulher


  

Aos 21 anos, a nova modelo do Bella da Semana é um exemplo da perfeição! Inteligente, humilde e com um bumbum que para até os trânsitos mais caóticos do mundo, a menina-mulher Dieimi Sherllon está aqui para distribuir bondade a todos os fãs do Bella da Semana – e que bondade! Ela é do tipo que vai ao estádio para assistir futebol, deixa toda a timidez de lado quando está entre quatro paredes, e não desiste dos objetivos, por mais difícil que o caminho possa ser. A todos vocês apresentamos agora nossa nova modelo: dona de um bumbum redondinho, seios naturais, sem silicone, e jeitinho encantador! Para ver mais, cancele todos os compromissos de hoje e aprecie Dieimi Sherllon.
Ela nasceu em 25 de junho de 1994, em Anita Garibaldi (SC). Atualmente mora em Lages (SC). E é do signo de  câncer. Ele conta que a ideia de se tornar modelo era mais mais “um sonho alimentado de esperanças e oportunidades que não me deixam desistir e me fazem ir em busca de todos os objetivos.”
Ela já participou de vários concursos de beleza, inclusive um para o “Menina Fantástica”’ (da Rede Globo).”Então, participei de concursos na minha cidade, como o ‘Miss Lages’; de concurso que elege rainha e princesas da Festa Nacional do Pinhão, também em Lages; além do ‘Menina Fantástica’, da Globo. Apesar de não ter conquistado os títulos, esses concursos me trouxeram visibilidade e oportunidades.”
Para melhorar ela adora futebol e torce para o Internacional de Lages e é musa do time! Ah, Dieimi Sherllon, assim você conquita a gente de vez. (Pararijos NEWS)

Intervenção continua em cartório de Belém

Intervenção continua em cartório de Belém (Foto: Elcimar Neves/Arquivo)
Luziel Guedes é o interventor (Foto: Elcimar Neves/Arquivo)


O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) negou pedido de liminar ao notário Walter Costa. Ele foi afastado, por 9 dias, de suas funções junto ao Cartório do 2º Ofício de Registros de Imóveis do Pará, por decisão do Tribunal de Justiça do Pará (TJPA).
Segundo o processo, o afastamento provisório do titular do cartório se fundamentou no Processo Administrativo Disciplinar (PAD), instaurado pela Corregedoria de Justiça da Região Metropolitana de Belém (RMB). O objetivo é apurar evidências de irregularidades apontadas pela Secretaria de Planejamento, Coordenação e Finanças do TJPA, referentes à falta de recolhimento dos valores devidos ao Fundo de Reaparelhamento do Judiciário (FRJ) e ao Fundo de Apoio ao Registro Civil (FRC).
INFORMAÇÕES
Em seu despacho negando o pedido do notário, o ministro Luiz Cláudio Allemand determinou a expedição de ofício ao TJPA, para que preste informações sobre o caso. Na mesma decisão que determinou o afastamento da Walter, o presidente do TJPA, desembargador Constantino Guerreiro designou o notário Luiziel Guedes para responder pelo serviço, como interventor.
(Diário do Pará/Pararijos NEWS)

sexta-feira, 12 de fevereiro de 2016

Viviane Araújo rebate críticas a selfie em desfile

Viviane Araújo rebate críticas a selfie em desfile (Foto: Reprodução Facebook)
(Foto: Reprodução Facebook)
Um selfie de Viviane Araújo tem dado dor de cabeça para a modelo: por causa da foto feita durante o desfile no Carnaval 2016, a escola de samba Mancha Verde perdeu ponto na avaliação de um dos jurados (tirando nota 9,9 ao invés da nota 10).
A notícia repercutiu nesta sexta-feira (12) e um usuário do Instagram criticou a rainha de bateria. Viviane Araújo respondeu no post, afirmando: “Aff!!! Eu nunca soube disso em São Paulo! E até porque, quando eu tirei a foto, vários diretores viram e não falaram nada comigo, inclusive alguns diretores da bateria tiram foto junto comigo”.
A Mancha Verde foi campeã do grupo de acesso e retorna ao grupo especial em 2017. Viviane Araújo é rainha de bateria da escola há oito anos.
Mesmo comemorando a vitória nas redes sociais, a modelo não participará do desfile das campeãs do carnaval de São Paulo, por motivos profissionais, segundo postagem dela no Instagram nesta sexta-feira (12)
Veja documento com o comentário do jurado.
(DOL/Pararijos NEWS com informações UOL)

Governo quer ferrovia do grão no Pará


Sem conseguir entregar a pavimentação de uma rodovia que promete revolucionar o escoamento de grãos do País, a BR-163, o governo decidiu agora assumir um compromisso bem mais complicado: construir uma ferrovia de 1.140 quilômetros, estimada em R$ 10 bilhões, bem ao lado do traçado da estrada, informou ontem o portal do jornal “O Estado de S. Paulo”.
O plano prevê que os trilhos comecem a ser lançados em Lucas do Rio Verde, no coração da soja do Mato Grosso, e avancem rumo ao norte do País, até chegarem em Itaituba, no Pará, onde está em construção um polo logístico, nas margens do Rio Tapajós. Na semana passada, o governo sinalizou que não pretende transformar a “Ferrogrão” em mais um plano logístico mirabolante e fixou um pagamento de R$ 33,791 milhões para o consórcio Estação da Luz Participações (EDLP), que elaborou estudos técnicos para apoiar a elaboração do edital e do leilão da ferrovia.
A avaliação oficial é de que o produtor rural passaria a ter duas opções para escoar sua carga, a rodovia e a ferrovia, para chegar aos portos da região Norte do País. Por meio dos rios amazônicos, o caminho ficará mais curto e, consequentemente, mais barato. A realidade atual, porém, é bem diferente. Para os produtores da região, a promessa era de que a BR-163, em seu trecho paraense, estaria asfaltada até o fim do ano passado e, diante dessa expectativa, o planejamento era escoar a maior parte da produção do Mato Grosso por esse caminho. As condições da estrada, no entanto, não permitiram que essa estratégia se realizasse e as principais saídas continuarão a ser os Portos de Paranaguá (PR) e Santos (SP), a mais de 2 mil km de distância.
O presidente da Associação dos Produtores de Soja e Milho do Brasil (Aprosoja), Almir Dalpasquale, afirmou ainda que o escoamento da produção não evoluiu em relação à safra passada. “Vamos continuar a escoar a maior parte dos grãos por caminhões, pelos portos do Sudeste e Sul. O governo não cumpriu a promessa de entregar a BR-163 ao menos asfaltada e maior parte da produção não vai sair pelos portos do Arco Norte, como planejávamos”, afirmou.
Dados do Ministério da Agricultura apontam que, mesmo com todas as dificuldades, o agronegócio tem buscado as rotas do Norte.
Há cinco anos, 8% do total de soja e milho destinado ao mercado internacional saía pela região. No ano passado, os embarques chegaram a 20%. A maior parte desse volume, no entanto, foi obrigada a sair por outras vias que não a BR-163. Entre a promessa de uma nova ferrovia e a conclusão da estrada, os produtores cobram a solução mais imediata, que é a conclusão do asfaltamento da BR-163.
A obra foi retomada e, até agora, estava a cargo do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit). Porém, o trecho foi incluído na lista de vias a serem concedidas na segunda etapa do Programa de Investimentos em Logística (PIL), anunciado em meados de 2015. A entrada da rodovia no plano de concessões foi o argumento que faltava ao Dnit para deixar de lado as obras, que vinham dragando os poucos recursos que a autarquia ainda detém.
O setor privado não abre mão do apoio estatal. “Queremos que os contratos do Dnit sejam mantidos e depois repassados ao concessionário”, disse o presidente /executivo da Associação Nacional de Usuários de Transportes (Anut), Luis Henrique Teixeira Baldez.
Além da interrupção das obras, os transportadores estão preocupados com o valor da tarifa de pedágio prevista para a rodovia, depois de concedida. A proposta do governo prevê tarifa de até R$ 22,30 na praça de Novo Progresso (PA). Se percorrer todo o trecho concedido, o gasto chegará a R$ 98,10. Esses são preços para carros de passeio, mas caminhões pagarão mais.
Além disso, os valores são de janeiro de 2015. Atualizado, o gasto nas sete praças de pedágio previstas no trecho chega a R$ 110,00.
O governo calculou um preço alternativo, mais baixo, considerando que haverá redução do tráfego caso a ferrovia seja mesmo construída. Nesse caso, o pedágio máximo passará de R$ 10,05 para R$ 9,73 para cada 100 km. “É praticamente o mesmo preço”, disse Baldez.
A Anut pretende propor ao governo que reveja totalmente o modelo dessa concessão. A entidade defende que a previsão de duplicar o trecho seja excluída do cálculo da tarifa, o que reduziria o preço a praticamente metade. O contrato contemplaria um gatilho, que seria acionado em caso de a demanda aumentar demais.
O governo já sinalizou que esse deve ser mesmo o caminho a ser seguido. “Do jeito que está, o usuário está pagando por uma duplicação que pode ficar ociosa”, disse Baldez. “É jogar dinheiro fora.” Procurado pela reportagem, o Ministério dos Transportes não se manifestou até o fechamento desta matéria. (Pararijos NEWS)

Corte do Orçamento adiado para março

Sem condições de garantir o cumprimento da meta fiscal deste ano, a presidente Dilma Rousseff decidiu adiar para março o anúncio do contingenciamento definitivo das despesas do Orçamento deste ano. Até lá, a equipe econômica pretende construir uma proposta mais ampla de medidas de reforma fiscal, que inclui a introdução de uma banda de flutuação da meta de superávit primário das contas do setor público, a economia que o governo faz para o pagamento dos juros da dívida pública.
Se aprovada pelo Congresso ainda este ano, a reforma fiscal abre, na prática, o caminho para a redução da meta fiscal de 0,5% do Produto Interno Bruto (PIB). Dessa forma, a presidente decidiu preservar os programas sociais do governo, já que um contingenciamento maior, que seria necessário para garantir o cumprimento da meta, estimado em torno de R$ 50 bilhões a R$ 60 bilhões, atingiria áreas consideradas prioritárias para o governo. Fontes informaram que o governo quis evitar um corte que aprofundasse a recessão econômica. (Pararijos NEWS)

Pararijos NEWS


Após polêmica, Ximbinha fica com dívida milionária

Após polêmica, Ximbinha fica com dívida milionária (Foto: )
A repercussão negativa das inúmeras brigas e rompimentos envolvendo o cantor Ximbinha da banda XClaypso teriam começado a afetar também a vida financeira do cantor. Segundo o site Jetss, com uma dívida avaliada em mais de R$ 500.000,00, o ex-marido de Joelma luta agora para quitar o que deve o quanto antes.
Mesmo ainda ganhando muito dinheiro com os shows que realiza no país, Ximbinha estaria com dificuldades em dar conta de tantas cartas de cobrança, que chegam diariamente para ele em seus muitos endereços.
O site afirma que o montante das dívidas do cantor correspondem a dois empréstimos que Ximbinha possui em seu nome, um de R$ 200 mil e outro de R$ 300 mil, fora os protestos de títulos por conta de quatro cheques sem fundo, cujos valores somam R$ 4,9 mil. O músico tem ainda problemas para cumprir o pagamento de um apartamento comprado na planta, em Belém. Ximbinha deve para uma incorporadora cerca de R$ 130 mil.
Com o nome Cledivan de Almeida Farias prestes a ser enquadrado no SPC/Serasa, Ximbinha ainda amarga as dívidas de suas empresas em sociedade com Joelma.
O site afima ainda que até dezembro, quando a Calypso chegou ao fim, todos os cachês de shows da banda foram direto para o pagamento de despesas feitas anteriormente em nome das empresas.
A situação de Ximbinha teria se complicado realmente quando o cantor decidiu forma a XCalypso, onde precisou colocar parte da banda no nome de Thábata Mendes, que saiu com uma mão na frente e outra atrás.
Thábata porém, ainda possui 10% da XCalypso, e até que o contrato seja desfeito nas juntas comerciais segue com seu voto de silêncio após ser proíbida de comentar sua saída da banda.
O site afirma que a cantora, que chegou a gravar em estúdio, ainda não recebeu pelo trabalho. Apenas os pagamentos pelos shows que participou. (Pararijos NEWS)

Carro capota na BR-316 durante chuva

Carro capota na BR-316 durante chuva (Foto: Reprodução/Twitter)
(Foto: Reprodução/Twitter)
Um carro particular capotou no quilômetro 8 da rodovia BR-316, em Ananindeua, Região Metropolitana de Belém, na tarde desta sexta-feira (12).
De acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF) duas pessoas estavam no veículo no momento do acidente e tiveram ferimentos leves. O carro teria derrapado na pista molhada e em seguida capotado.

O veículo atingiu uma árvore, que caiu com o forte impacto.

O automóvel já foi retirado o local e o trânsito flui normalmente.
(DOL/Pararijos NEWS)

Claudia Leitte não será mais a rainha de bateria da Mocidade

Claudia Leitte desfilou como rainha de bateria por dois anos seguidos (Reprodução/ Instagram)
Claudia Leitte usou o Instagram para informar os seguidores que não será mais rainha de bateria da Mocidade Independente de Padre Miguel. A cantora, que desfilou pela escola de samba nos últimos dois anos, deve ser substituída por Anitta em 2017.
“O desfile foi perfeito! A bateria mais quente, mais linda e mais emocionada entoou um canto de liberdade e alegria. Cada ala espalhou força, beleza e cultura como nenhuma outra”, escreveu Claudia Leitte na rede social.
“Meus parceiros da Mocidade, vocês não só respeitaram o fato de eu ser uma rainha atípica, mas, escolheram-me, colocaram-me num posto no qual a confiança vale mais que ouro e dura para além de um carnaval! Jamais esquecerei desse amor! Jamais deixarei de ser Mocidade Independente de Padre Miguel! Foram dois anos de emoções incontáveis e inesquecíveis! Muito obrigada! Hoje eu me despeço em êxtase, mas desejo passar a coroa para a próxima rainha e que ela seja tão feliz quanto eu fui! Deus abençoe minha escola querida!”, concluiu Claudia Leitte, se despedindo da escola de samba. (Pararijos NEWS)

Justiça bloqueia bens de prefeito e autoridades

Justiça bloqueia bens de prefeito e autoridades (Foto: Agência Pará)
Alice Viana, da Sead, é uma das que tiveram os bens bloqueados. (Foto: Agência Pará)
A Justiça estadual acatou pedido do Ministério Público do Estado do Pará (MPPA) e deferiu medida liminar de indisponibilidade de bens do prefeito de Marabá, João Salame Neto; da secretária de Estado de Administração, Alice Viana Soares Monteiro, e do delegado de Polícia Civil, Alberto Henrique Teixeira de Barros, determinando o bloqueio de ativos financeiros em suas contas no valor de R$ 202.559,10, assim como averbação nas suas matrículas de imóveis e veículos em seus nomes.
Segundo o MPPA, o órgão detectou que o delegado de polícia foi cedido pelo Estado do Pará com ônus, mas acumulou o subsídio de secretário municipal, com os vencimentos de delegado de Polícia Civil, recebendo duas remunerações, mas exercendo apenas uma delas. Já João Salame Neto, mesmo tendo conhecimento de que a cessão do delegado de Polícia Civil foi com restrições para o Estado do Pará, durante o período em que exerceu o cargo de secretário municipal, renumerou-o com o subsídio de secretário municipal.
A atual Secretária de Estado de Administração também consta no processo por ter sido a autoridade que cedeu. No mesmo despacho, a Juíza de Direito respondendo pela 3ª Vara Cível de Marabá determinou a notificação das partes para manifestação prévia. (Pararijos NEWS)

Dilma faz viagem a São Paulo para se encontrar com ex-presidente Lula

Dilma Russeff recebe um abraço do ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva durante festa da reeleição em Brasília (Foto: Eraldo Peres/AP)
A presidente Dilma e o ex-presidente Lula, em
imagem de arquivo (Foto: Eraldo Peres/AP)

A presidente Dilma Rousseff viajou na tarde desta sexta-feira (12) para São Paulo para se encontrar com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

A viagem não estava prevista na agenda oficial de Dilma, divulgada nesta quinta (11) pela Secretaria de Comunicação Social, mas, desde o fim da manhã, já havia expectativa entre assessores do ex-presidente de que o encontro ocorreria.

Geralmente, os encontros entre Dilma e Lula ocorrem em momentos de crise política no governo. Principal conselheiro político da presidente, o petista costuma ir a Brasília para se reunir com ela no Palácio da Alvorada.

De acordo com o Blog do Camarotti, interlocutores de Dilma acreditam que o encontro desta sexta servirá para diminuir o ambiente de intriga criado no entorno dos dois. Segundo o blog, há um incômodo de Lula pelo silêncio da presidente depois das denúncias relacionadas ao apartamento triplex, em Guarujá (SP), e ao sítio em Atibaia frequentado pelo petista. Os dois imóveis são alvo de investigação da Operação Lava Jato.

Na maioria das vezes, somente os dois participam dos encontros, mas, em algumas ocasiões, eles são acompanhados por poucos interlocutores. Na manhã desta quinta, o ex-presidente também se reuniu com os diretores do Instituto Lula para avaliar o cenário político.

Na última quarta (10), Lula divulgou um vídeo para parabenizar o PT pelos 36 anos do partido. Em um trecho da gravação, ele afirmou que a legenda cometeu erros ao longo de sua história e avaliou que a sigla vive uma "adversidade momentânea".

Dia de mobilização
Para este sábado (13), está previsto o dia nacional de mobilização contra o mosquito Aedes aegypti, transmissor dos vírus da zika, da dengue e da febre chikungunya. Dilma viajará para o Rio de Janeiro (RJ), o vice-presidente Michel Temer estará em Curitiba (PR) e 28 ministros do governo em outras cidades do país.

Ao todo, segundo o Ministério da Defesa, cerca de 220 mil militares percorrerão 356 municípios (as 27 capitais e 329 cidades consideradas endêmicas) para orientar a população sobre a importância de eliminar os criadouros do mosquito. (Pararijos NEWS)

Homem que queimou esposa com água fervente é preso

Homem que queimou esposa com água fervente é preso (Foto: Via/WhatsApp)
Raimundo é suspeito de jogar água fervente contra a esposa e o filho, de apenas 7 anos. (Foto: Via/WhatsApp)
A Polícia prendeu na manhã desta sexta-feira (12) Raimundo Antônio Ferreira dos Santos, de 64 anos, suspeito de jogar uma panela de água fervendo sobre a esposa no último domingo (7). Segundo a Polícia Civil, Raimundo estava sendo monitorado desde a noite de ontem pelos policiais, que cumpriram na manhã de hoje um mandado de prisão preventiva.
Ainda de acordo com os policiais, Raimundo está recolhido na Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (DEAM) e deverá ser encaminhado para o Presídio Estadual Metropolitano III, em Marituba.
O vítima, de 32 anos, teve 65% do corpo queimado e continua internada no Hospital Metropolitano de Urgência e Emergêcia (HUME), em estado grave. O filho do casa, de 7 anos, também foi atingido pela água fervente, mas recebeu atendimento e já teve alta médica.
(DOL/Pararijos NEWS)

Monica Iozzi diz adeus a programa com pegadinha

Monica Iozzi diz adeus a programa com pegadinha (Foto: Reprodução)
(Foto: Reprodução)
Depois de muito ensaio, Monica Iozzi finalmente se despediu do "Vídeo Show" (Globo) nesta sexta-feira (12), apesar dos pedidos para que continuasse à frente da bancada, compartilhada com o amigo Otaviano Costa.
O adeus teve muito choro, com direito a compilação dos melhores momentos e recadinhos "rancorosos" da equipe do programa, que fez o que a apresentadora faz de melhor e a sacaneou em rede nacional.
"Monica é a pessoa mais difícil de lidar que existe no mundo", declarou anonimamente um dos colegas. "Toda hora ela tira o ponto", reclamou outra. Maquiadora e figurinista estavam entre as críticas mais vocais. "Ela entra no ar sempre se maquiando, parece que a gente não faz o nosso trabalho", confidenciou a primeira. "Horas e horas montando o figurino para ela chegar aqui mal-humorada e não gostar de nada", completou a segunda.
O relacionamento de Monica e Otaviano conquistou espectadores e internautas. "Eu e Otaviano fomos um encontro de almas que já se conheciam", contou em entrevista ao programa "Bastidores do Carnaval". Os dois já haviam se manifestado sobre o adeus nas redes sociais.
A dupla de apresentadores se despediu do programa com estilo, dividindo os vocais em um dueto de "Encontros e Despedidas", canção de Maria Rita imortalizada na abertura da novela "Senhora do Destino". "Obrigado por tudo, querida. Eu te amo muito", concluiu Otaviano.
Vale lembrar que Monica Iozzi e Klebber Toledo trocaram beijos em um camarote da Sapucaí, no Rio de Janeiro, durante o Carnaval. 
(Folhapress/Pararijos NEWS)

Padre sugere jejum tecnológico a fiéis


Ao absenteísmo de carne durante a quaresma, um sacerdote de Belém acrescenta uma penitência mais afinada com os tempos atuais: um jejum tecnológico de quarenta dias afastado do Facebook e do WhatsApp. A recomendação do Frei Arilson Lopes, da Paróquia dos Capuchinhos, foi feita durante a homilia da Quarta Feira de Cinzas. Segundo ele, essas redes sociais contribuem para traições e o afastamento das famílias. O pároco conta que resolveu orientar os fiéis dessa forma, após observar casos de infidelidade por meio das redes sociais. “Acompanho casais, onde o ‘zap’ é usado para infidelidade virtual. O homem muitas vezes está do lado da mulher e está no ‘zap’ traindo com outra. Até mesmo em uma roda familiar, as pessoas não conversam mais, porque cada um está no celular. Isso atrapalha a convivência familiar!”, reitera.
O religioso disse que, durante a missa, foram citados vários exemplos de sacrifícios,para homens, mulheres e para a família em geral, mas cada um sabe aquilo que será o seu sacrifício pessoal. “Não são explicações minhas. Sou apenas um intérprete do que Deus me orienta, para que possa orientar o povo. Eu só faço jogar a semente, cada um coloca em prática aquilo que Deus colocou em seu coração. Para uns, é deixar de usar as redes, para outros ajudar um necessitado, para outros fazer jejum’, avalia. (Pararijos NEWS)

Estação 1ª de Maracajá é bicampeã no Carnaval

Estação 1ª de Maracajá é bicampeã no Carnaval      (Foto: Adriano Magalhães/Agência Belém)
A Estação 1ª de Maracajá conquistou o bicampeonato do Carnaval de Mosqueiro. (Foto: Adriano Magalhães/Agência Belém)
A Estação 1ª de Maracajá foi a grande campeã do Carnaval de Mosqueiro, distrito de Belém. Com o enredo "Da Feliz Lusitânia ao Rancho não Posso me Amofinar, a Estação comemora 400 anos de Belém do Grão Pará", a escola conquistou os jurados e o público, levando para casa o bicampeonato.
Durante o desfile, os jurados avaliaram quesitos como bateria, enredo, samba-enredo, alegoria, fantasia, evolução, harmonia, comissão de frente, mestre sala e porta bandeira, e porta estandarte.
Confira a classificação final das escolas de samba:
- Estação 1ª de Maracajá, 1º lugar;
- Agremiação Carnavalesca Pele Vermelha, 2º lugar;
- Universidade de Samba Piratas da Ilha, 3º lugar;
- Universidade de Samba do Mosqueiro (UNISAM), 4º lugar.
CARNAVAL DE BELÉM
Neste sábado (13), acontece a apuração das notas do Carnaval de Belém. A festa está marcada a partir das 9h, na Aldeia Cabana.
(DOL/Pararijos NEWS com informações da Agência Belém)

Andressa Suita volta a malhar

 Andressa mostra a barriga sarada e fala que é difícil manter o shape Andressa mostra a barriga sarada e fala que é difícil manter o shape
Andressa Suita aproveitou o fim do Carnaval para tomar coragem e voltar a malhar. “Treinei! Voltar nunca é fácil, mas vamos que vamos”, escreveu ela em legenda de foto em que aparece de top e barriga sarada de fora em seu perfil no Instagram, ontem. O corpo em forma da mulher de Gusttavo Lima chamou a atenção e seguidores se derreteram nos comentários. “Não tem nada pra secar aí não”, escreveu um deles e outro completou: “Mulher gostosa e perfeita”. As informações são do Ego.
Antes de sair para descansar, a mulher de Gusttavo Lima posou no clima do Carnaval para uma campanha de moda ao lado da blogueira Mirella Mascarenhas, em Goiânia. Nas fotos, além de exibir looks estampados, recortados e floridos, a modelo caprichou nos brilhos para a maquiagem e no sorrisão.
Ao EGO, ela revelou que aproveitará os dias de Carnaval para descansar, mas que sonha em desfilar na avenida. “Meu carnaval vai ser mais tranquilo esse ano, vou aproveitar pra descansar um pouco, sair da folia (risos). Tenho muita vontade de entrar na avenida, este ano não conseguir pelos compromissos de trabalho, e não deu pra me dedicar, mas tenho muita vontade, quem sabe no próximo ano”, promete a modelo.
(Pararijos NEWS)

Gêmeas dão à luz com 6 minutos de intervalo nos EUA

As irmãs gêmeas Stephanie Edginton e Nicole Montgomery deram à luz com apenas alguns minutos de intervalo no mesmo hospital em Voorhees, no estado de Nova Jérsei (EUA).
Gêmeas deram à luz com 6 minutos de intervalo nos EUA (Foto: Reprodução/Facebook/Virtua Hospital)Gêmeas deram à luz com 6 minutos de intervalo nos EUA (Foto: Reprodução/Facebook/Virtua Hospital)
As filhas das gêmeas nasceram com apenas seis minutos de intervalo, na última segunda-feira, no hospital Virtua, em Voorhees.
A filha de Stephanie, que nasceu primeiro, vai se chamar Cora. Nicole também teve uma menina, que ganhou o nome de Louisa. (Pararijos NEWS)

Bruno junto com Betinho


Com a proximidade do próximo compromisso do Papão no Parazão, o técnico Dado Cavalcanti começa a reduzir a carga de treino. Na agenda de adversários, está a equipe do São Raimundo querendo dar uma largo passo rumo à classificação; no planejamento do Papão, a vitória em Santarém sela o passaporte às semifinais da taça Cidade de Belém, primeiro turno do Estadual. Esse seria um cenário contrário ao Paysandu do ano passado, que não conseguiu classificação à segunda fase do primeiro turno.
Na manhã de ontem, o técnico Dado Cavalcanti comandou treino técnico e tático, com um pequeno jogo logo no início, no estádio da Curuzu. Em seguida, realizou coletivo para trabalhar os setores do ataque e da defesa, bem como contra-ataques.Com duas vitórias em dois jogos, sem sofrer gols, o Paysandu se prepara para visitar o São Raimundo, no Colosso do Tapajós, em Santarém, às 17 horas de domingo, e o técnico Dado Cavalcanti segue experimentando formações. No treino de ontem, o comandante bicolor lançou o volante Lucas e colocou um ataque com Bruno Veiga e Betinho no time titular.
A movimentação foi marcada pelas variações promovidas por Dado, que também contou com o retorno do volante Ricardo Capanema, recuperado de um edema na coxa direita. “Em se tratando de (Ricardo) Capanema, tudo pode acontecer e ele pode jogar sim, neste domingo”, frisou Cavalcanti. (Pararijos NEWS)

Bando arromba e rouba banco em São Francisco

Bando arromba e rouba banco em São Francisco (Foto: Divulgação)
Um dos assaltantes ainda tentou encobrir o rosto para não ser identificado. Bando está foragido. (Foto: Divulgação)
Uma quadrilha, formada ainda não se sabe por quantos criminosos, na noite de domingo (07), arrombou a agência do Banco do Brasil (BB) de São Francisco do Pará, município do nordeste paraense, e roubou dinheiro de 2 cofres. O valor não foi informado pela gerência do Banco. Os assaltantes ainda conseguiram levar 3 revólveres calibre 38 e mais 20 munições intactas do mesmo calibre. As armas de fogo eram de vigilantes e estavam guardadas com as munições, dentro de uma das salas do prédio.

A agência bancária é localizada no centro de São Francisco do Pará, próximo de uma praça pública, onde algumas pessoas costumam estacionar seus veículos para ouvir músicas, muitas das vezes em alto volume. Por esse motivo, não foi possível que os moradores daquela área ouvissem a porta de trás do Banco do Brasil sendo arrombada. Já dentro do estabelecimento, os criminosos teriam usado um maçarico para abrir os 2 cofres. O alarme também não foi acionado porque o sistema foi desativado pelos assaltantes.

O crime só foi comunicado à Polícia Civil 3 dias depois, quando por volta de meio-dia, o gerente da agência, que não se identificou, compareceu na delegacia de São Francisco do Pará e informou o ocorrido para o delegado Idernério Pamplona, da Polícia Civil. Imagens captadas por uma câmera do circuito interno registraram o momento em que um dos envolvidos no arrombamento tenta virar a câmera. Ele quase encobriu o rosto usando a própria camisa, mas não conseguiu.

(Pararijos NEWS/Tiago Silva/Diário do Pará)

Supostas irregularidades envolvendo São Raimundo e São Francisco não têm fundamento, diz Federação


Os azulinos, que foram derrotados pelos santarenos, esperavam uma definição do TJDOs azulinos, que foram derrotados pelos santarenos, esperavam uma definição do TJD
Apesar do rumor de uma possível anulação de dois jogos do Campeonato Paraense deste ano, os regulamentos da Federação Paraense de Futebol (FPF) e da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) não deixam brecha para uma ação na Justiça Desportiva. Essa possibilidade surgiu com a escalação de dois jogadores que haviam levado cartão vermelho ainda na segunda divisão do Paraense, a Segundinha, do ano passado, mas não cumpriram a suspensão automática de um jogo e, por isso, teriam sido escalados irregularmente na primeira divisão do Parazão deste ano. O primeiro caso era o do atacante Buiú, do São Francisco, que atuou no empate da primeira rodada contra o Tapajós (2 a 2); e, o segundo, seria o do zagueiro Edílson Belém, que jogou na vitória do São Raimundo contra o Clube do Remo, na última rodada (1 a 0). Em reunião na manhã de ontem, a diretoria do Clube do Remo decidiu não recorrer à Justiça Desportiva.
A irregularidade teria começado ainda no ano passado. É que o atacante Buiú, jogando pelo Vila Rica, foi expulso na penúltima rodada da primeira fase do grupo A2 da Segundinha, em partida contra a Desportiva, no dia 18 de outubro. Como ele e outros quatro jogadores do Vila Rica saíram de campo com cartão vermelho, o time sequer jogou a última rodada perdendo por W.O. para o Bragantino e, por isso, o atleta não cumprira a punição de um jogo sem entrar em campo. Já este ano, o atacante fora contratado pelo São Francisco, estreando na vitória contra o Clube do Remo, no dia 3 de fevereiro, segunda rodada do torneio.
O zagueiro Edilson Belém viveu situação semelhante. Atuando pelo Pinheirense na Segundinha do ano passado, ele recebeu cartão vermelho na derrota para o São Raimundo por 2 a 1, dia 25 de outubro, última rodada da primeira fase do grupo A1. Seu time fora eliminado da competição. Já este ano, Edilson foi contratado justamente pelo São Raimundo, e estreou pela equipe na primeira rodada, no empate por 2 a 2 contra o Tapajós, no dia 30 de janeiro, jogo de abertura do Parazão deste ano. Em resumo: como receberam cartão vermelho e não cumpriram a punição de um jogo que prevê o Regulamento do Campeonato Paraense de Futebol Profissional da 2ª Divisão de 2015, teriam jogado irregularmente a primeira divisão do Parazão deste ano, assim com o artigo 214 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, por incluir “atleta que não tenha condição legal de participar de partida, prova ou equivalente”.
A brecha dava a possibilidade a Clube do Remo e Tapajós e a qualquer torcedor de ingressar com ação na Justiça Desportiva visando à anulação das partidas. Nestes casos, o São Raimundo perderia um ponto do jogo e, o São Francisco, perderia o total os três pontos da vitória. Além disso, o TJD iria avaliar individualmente o caso de cada jogador para saber se haveria penalidade. Como já não existe a reversão de pontos no futebol brasileiro, o Tapajós manteria um ponto alcançando no empate com o São Francisco, e Clube do Remo não receberia ponto algum, mas a anulação dos pontos poderia mudar a classificação na tabela da competição.
Tais ações teriam como base o Regulamento do Campeonato Paraense de Futebol Profissional da 2ª Divisão de 2015, a Segundinha. É que o documento diz que penalidades advindas de cartões amarelos não permanecem na primeira divisão do Parazão, excetos as provenientes de cartões vermelhos, como foi o caso dos dois jogadores, conforme o texto do artigo 31, parágrafo quarto. “Os cartões aplicados aos atletas nas partidas do ‘PARAENSE DA 2ª DIVISÃO DE 2015’, não prevalece (sic) para a 1ª Fase do ‘PARAENSE de 2016’, exceto o Cartão Vermelho, bem como as penalidades aplicadas pela Justiça Desportiva”.
Acontece que, no Regulamento Geral das Competições 2016 da FPF, um artigo esclarece o caso. Como Segundinha e Parazão são competições diferentes, esses cartões não são acumulados. De acordo com o artigo 42, parágrafo segundo, “atletas transferidos de um clube para outro partícipe de competições diferentes não carregam para o novo clube cartões recebidos na competição de origem”. No Regulamento Geral das Competições da CBF, o entendimento é o mesmo da FPF. O parágrafo segundo do artigo 43 repete o texto da legislação esportiva do Pará. As escalações de Buiú e Edilson, portanto, não descumprem os regulamentos estadual e nacional.
Regulamento da Segundinha não vale para o Parazão
Consultado pela reportagem de O LIBERAL, o assessor jurídico da FPF, Cristino Mendes, confirmou que esse artigo deixa claro que o caso dos jogadores de São Francisco e São Raimundo não se caracterizam como irregularidade. “O regulamento da Segundinha não pode nortear outra competição”, reitera o assessor. “Esse artigo mata a questão.” Apesar do entendimento claro da legislação, a ação pode ser impetrada na Justiça Desportiva e, a partir de então, a interpretação é do TJD. As partes que se sentirem prejudicadas, o que inclui clubes, diretores e torcedores, podem ingressar na Justiça Desportiva. Apenas em casos “absurdos”, como definiu Cristino Mendes, a FPF “pode tomar uma decisão e pedir para o tribunal homologar”. Mas esse não é o caso, como ele reitera.
Processualmente, há duas possibilidades na Justiça Desportiva. A primeira é a denúncia do Ministério Público, que deve ser feita num prazo máximo de 30 dias a partir da partida, à Procuradoria do Tribunal de Justiça. A segunda são as medidas inominadas e liminares, impetradas pelos clubes ou pessoas interessadas, num prazo máximo de dois a partir do jogo, como explicou o presidente do TJD, Marcelo Lavareda. Isso significa que, nessa modalidade, os prazos dos dois clubes, Remo e Tapajós, estão esgotados. “O Tribunal acolhe, verifica a admissibilidade, encaminha à Procuradoria e, então, ao relator”, completou o presidente. Caso até o término do prazo alguma denúncia do MP chegue ao TJD, serão cerca de 15 dias para que haja um parecer sobre a matéria.
Presidente do clube do Remo confirma desistência do “caso”
Por telefone, o presidente do Clube do Remo, André Cavalcanti, diz que considera a atuação dos jogadores legal. Depois de uma reunião junto à diretoria jurídica do clube, ficou decidido que o Remo não entrará com nenhuma denúncia ou ação perante o Tribunal de Justiça Desportiva. “O Remo comunga dessa tese: analisando o caso, vimos que não procede por ser a Segundinha e o Parazão campeonatos diferentes. Portanto, não vamos recorrer à Justiça”, explicou o presidente. A reportagem de O LIBERAL tentou contato com a diretoria do Tapajós, mas, até o fechamento desta edição, não obteve resposta. (Pararijos NEWS)

Ministro estará em Belém para ação contra o Zika

Ministro estará em Belém para ação contra o Zika (Foto: Agência Brasil)
(Foto: Agência Brasil)
O Ministro de Planejamento, Valdir Simões, estará em Belém neste sábado (13), para participar de ações de combate ao mosquito transmissor do zika, da dengue e da chikungunya. O ato faz parte do Dia Nacional de Mobilização para o Combate ao Aedes aegypti, realizado pelo Governo Federal em Todo o país.
Segundo a Agência Brasil, diversos ministros do governo viajarão à diferentes cidades para conversar com prefeitos, governadores e bater em portas de casas da população para mobilizar o maior número possível de pessoas no combate ao mosquito.
O Ministério do Planejamento ainda não divulgou o horário em que Valdir estará em Belém, mas confirmou a presença do ministro. Em todo o país, cerca de 220 mil militares das Forças Armadas participarão da ação, acompanhando os agentes de saúde no trabalho de conscientização.
Outros cidades que deverão participar da ação são Salvador, que recebrá o ministro da Saúde, Marcelo Castro, Manaus, que receberá Ricardo Berzoini, da Secretaria de Governo, e Santos, que contará com a presença de Helder Barbalho, ministro dos Portos.
Segundo o Ministério da Saúde, foram escolhidas para participar da ação as cidades com a presença de unidades militares e os com maior incidência do mosquito Aedes aegypit.
(DOL/Pararijos NEWS)

Pararijos NEWS


Pescador acha um cadáver

Homem de aproximadamente 30 anos tinha cabelos curtos e parecia ter a pele morenaHomem de aproximadamente 30 anos tinha cabelos curtos e parecia ter a pele morena
Um corpo foi encontrado na baía do Guajará, ontem à tarde, e levado por um pescador até o Portal da Amazônia. A causa da morte ainda é desconhecida, mas a principal suspeita é de afogamento. O homem, de aproximadamente trinta anos, vestia apenas sunga e provavelmente morreu durante o feriado de carnaval, avaliaram os bombeiros.
O inspetor Ronald e o guarda Lelis, da Guarda Municipal de Belém (GMB), conversaram com o pescador que levou o corpo até a margem. Admilson Araújo contou que se preparava para pescar quando viu o cadáver boiando na baía do Guajará, próximo ao Portal da Amazônia.
O corpo já estava em avançado estado de decomposição. O homem tinha cabelos curtos e parecia ter a pele morena. A suspeita dos bombeiros é que ele estivesse em alguma praia durante o feriado prolongado de carnaval.
Uma equipe do 21º Batalhão do Corpo de Bombeiros foi acionada para retirar o cadáver do rio. De acordo com o sargento Silvio Prata, não há registro de desaparecimento na baía do Guajará. “Não há mais detalhes sobre o afogamento, mas por causa de onde o corpo foi encontrado, existe a possiblidade de ele ter desparecido na ilha de Cotijuba, pela proximidade, e até Mosqueiro. Não fomos acionados para fazer buscas, então existe a possibilidade de essa pessoa ter desaparecido no carnaval e a família nem estar sabendo”, explicou.
A equipe do Instituto Médico Legal (IML) foi acionada para retirar o corpo do Portal da Amazônia. Apenas depois da necropsia será possível determinar a causa da morte. (Pararijos NEWS)

quinta-feira, 11 de fevereiro de 2016

Centenas de famílias perdem casas em reintegração

Centenas de famílias perdem casas em reintegração (Foto: Wellington Hugles)
(Foto: Wellington Hugles)
Dezenas de famílias foram retiradas e tiveram as moradias demolidas de uma área de ocupação no município de Tucuruí, sudeste paraense, nesta quinta-feira (11). A reintegração de posse foi realizada com auxílio da Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e outras instituições.
As casas haviam sido construídas em uma área ociosa da Prefeitura de Tucuruí, atrás do estádio municipal da cidade, o “Navegantão”. A retirada das famílias e das casas do terreno começou às 6h da manhã de hoje.
Muitas famílias que tiveram as casas demolidas reclamam da falta de políticas de moradias populares ou distribuição de terras.
Elas afirmam ainda que milhares de famílias receberam promessas de ganhar a casa própria após fazer cadastros em supostos programas do Governo, antes das eleições, mas nada foi cumprido.
(DOL/Pararijos NEWS com informações Wellington Hugles/Diário do Pará)

Escola vence o carnaval carioca pela 18ª vez

Com a quadra lotada, Mangueira comemora vitória no carnaval do RioCom a quadra lotada, Mangueira comemora vitória no carnaval do Rio
A Mangueira venceu o carnaval carioca pela 18ª vez com 269,8 pontos. A escola homenageou a cantora Maria Bethânia, que já passou pelo sambódromo uma vez, quando a escola fez desfile sobre os Doces Bárbaros ems 1994. Em segundo lugar ficou a Unidos da Tijuca, com 269,7 pontos. A Portela ficou em terceiro lugar, também com 269,7 pontos. A Estácio de Sá, que voltou ao carnaval da elite neste ano, foi rebaixada com 265 pontos. A escola exaltou São Jorge na avenida.
Na busca pelo título do Grupo Especial, que havia sido conquistado pela última vez em 2002, a Mangueira celebrou os 50 anos de carreira da cantora baiana, fechando a noite com um desfile de luxo e sofisticação, além da presença de muitos artistas. Já o enredo da Unidos da Tijuca foi “Semeando sorriso, a Tijuca festeja o solo sagrado”. A quadra da verde e rosa, na Zona Norte do Rio, já estava cheia, mas ficou completamente lotada conforme o título se aproximou. Lá estava o carnavalesco Leandro Vieira. “Desconfiaram muito de mim, mas eu me empenhei para comemorar hoje”, disse o carnavalesco.
O presidente Chiquinho da Mangueira já havia destacado paro o G1, antes do início da apuração, o trabalho do novo carnavalesco, Leandro Vieira, do coreógrafo da comissão de frente, Junior Scarpin, e do mestre de bateria, Rodrigo Explosão. “A gente acreditou em um novo carnavalesco que foi muito competente, veio do Grupo de Acesso. A Mangueira jurou a juventude com a tradição, respeitando a comunidade”, disse Chiquinho.
Lado religioso de Bethânia foi inspiração
O lado religioso da cantora Maria Bethânia foi uma inspiração forte para o carnavalesco Leandro Vieira. Nascida em Santo Amaro da Purificação, Bethânia é de família católica e iniciada no candomblé. A comissão de frente era formada por 15 bailarinas negras com um figurino ousado, que fazia parte da coreografia e deixava os seios à mostra, como guerreiras Oyá – orixá relacionada à valentia.
A primeira porta-bandeira, Squel, apareceu “careca”, com uma touca de látex que cobria a cabeça. Ela se apresentou vestindo uma fantasia grandiosa representando o Axé do candomblé.
O carro abre-alas, que representa Oyá e Oxum, orixás muito presentes na vida de Bethânia, lançava jatos de água numa destaque fantasiada de Oxum, a deusa que habita as águas doces.
Muitos artistas, amigos e parentes de Bethânia, participaram do desfile - além da própria cantora. Um dos carros alegóricos veio estrelado, cheio de cantores e atores. Entre eles estavam Caetano Veloso, irmão de Bethânia, e o filho dele Tom.
Sábado - As seis melhores mais bem colocadas voltam à Sapucaí no sábado (13), a partir de 21h, para o Desfile das Campeãs.
Tuiuti - A escola Paraíso do Tuiuti subiu para a elite do Carnaval carioca após conquistar o título de campeã da Série A, com 269,9 pontos na soma total. O anúncio aconteceu ontem, na apuração realizada na praça da Apoteose, no Rio, após a Mangueira ser anunciada como campeã do Grupo Especial. (Pararijos NEWS)

Dois homens foram presos e dois ficaram feridos após confusão no Carnanindeua

 ::Luís Souza “achou” pistola na rua e acabou na delegacia ::  André Felipe Pimentel confessou tentativa de homicídio ::Luís Souza “achou” pistola na rua e acabou na delegacia :: André Felipe Pimentel confessou tentativa de homicídio
Dois homens ficaram feridos e outros dois foram presos, na madrugada de ontem, após uma troca de tiros durante a programação do Carnanindeua, em Ananindeua.
A confusão começou às 3h, na avenida Dom Vicente Zico (arterial 18), no Coqueiro. Segundo a polícia, um rapaz identificado apenas como Adriano foi atingido por um disparo na boca e fugiu do local. O amigo dele, André Felipe dos Santos Pimentel, tentou revidar a agressão, atirando contra Rafael Luiz Moura Cruz, a quem ele atribuía o disparo. André acabou preso depois de ferir Rafael, que é filho de um sargento da Polícia Militar. Ele foi flagrado pela cabo Maria de Fátima Cardoso dos Santos, da PM, guardando a arma após o disparo.
Rafael estava perto de uma estação de som do evento, de costas para André Felipe, quando sofreu a tentativa de homicídio. O tiro passou perto da cabeça do rapaz, deixando-o desnorteado. Ele foi socorrido pelo sargento Raimundo Nonato Ferreira dos Santos. Em depoimento, a vítima da tentativa de homicídio disse que ouviu alguém gritar “Atira, atira! É o filho do Cruz!”, e negou ter qualquer participação no baleamento de Adriano, jovem que a polícia ainda tenta identificar.
Antes da prisão de André Felipe, a polícia apreendeu outra arma, uma pistola ponto 40. Luís Cláudio Oliveira de Souza, de 20 anos, disse ter encontrado a pistola, com registro SZH-83430, da Polícia Militar, após a confusão ocorrida na esquina da Arterial 18 com a SN3. A via estava cheia de foliões.
Em depoimento ao delegado Adelino Sousa, da Seccional Urbana da Cidade Nova, Luís Cláudio disse que ficou “muito alegre” por ter encontrado a arma. “A alegria durou pouco, porque logo depois fui abordado pela PM, que me revistou e encontrou a arma”, disse.
A polícia apurou que a pistola encontrada com Luís pode ser a mesma usada minutos antes para atingir Adriano, dando início à sequência de episódios que resultou na prisão de André Felipe. Dentro da pistola havia onze munições intactas.
A arma apreendida com André Felipe era um revólver calibre 32, com numeração raspada, contendo seis munições (cinco intactas e uma deflagrada). O jovem confessou que tentou matar Rafael, repetindo a acusação de que ele atirou contra o rapaz de prenome Adriano, sem dar mais detalhes sobre o crime.
André Felipe foi autuado por porte ilegal de arma e por tentativa de homicídio.  Luís Cláudio também foi autuado, mas por porte ilegal de arma de fogo de uso restrito, crime inafiançável.
“Resta agora buscar o tal Adriano, amigo do André Felipe, que foi ferido. O André já tinha cumprido pena por roubo em 2015. O Luís Cláudio, aparentemente, nunca foi preso”, disse o delegado Adelino. Enquanto aguardavam transferência, na carceragem da Unidade Integrada Pro Paz do Icuí, os dois fizeram uma oração e logo em seguida começaram a cantar funk. (Pararijos NEWS)

Área da Cosanpa é ocupada


Dezenas de pessoas invadiram um terreno da Companhia de Saneamento do Pará (Cosanpa), na Marambaia, próximo do canal Água Cristal. A ocupação começou na madrugada do último domingo, 7, quando homens e mulheres quebraram o muro da Companhia e iniciaram o corte de árvores e do imenso matagal existente no local. Na manhã de ontem, os ocupantes continuavam a desmatar a área, que ainda apresenta água empoçada com suspeita de funcionar como criadouro do mosquito Aedes aegypti. Em nota, a Cosanpa informou que no local funciona uma estação elevatória de tratamento de esgoto, e que, já no domingo, um representante da Companhia se reuniu com os invasores, que teriam se comprometido em não invadir o local. Mas, como o acordo não foi cumprido, a Cosanpa pretende acionar os órgãos de segurança pública para efetuar a desocupação pacífica.
Em sua grande maioria, os ocupantes se identificam como moradores do próprio bairro da Marambaia e como trabalhadores do mercado informal, sem condições de continuar pagando aluguel. Eles justificam a ocupação em razão do abandono do terreno e ao fato de a área, por ser abandonada, servir de foco de doenças, a exemplo de malária e da dengue, e ainda como local de desova de cadáveres.
O pedreiro Rodrigo Soares Santos, de 29 anos, arrumava seu lote, ontem pela manhã, em meio a outras pessoas que conversavam e, até tomavam café no local, após improvisarem um fogo com tijolos. Rodrigo contou que é a primeira vez que ele participa de uma ocupação. Casado e com uma filha de 6 anos de idade, ele contou que mora de aluguel num quitinete próximo do terreno, no valor de R$ 400,00, por mês. Para ele, a invasão é irreversível.
“Eles (a Cosanpa) têm de liberar ao menos a frente (da área) para a moradia, já é alguma coisa. Se eles não trabalharem com sabedoria e liberarem a frente e até o meio (do terreno), vai ser todo tempo isso. Vão construir o muro, de novo, e vão quebrar, de novo. Vai ficar nessa’’, disse Rodrigo Santos.
De início, os invasores informaram que cada ocupante chegava e delimitava sua área, mas devido ao crescente número de pessoas foi preciso criar o traçado das ruas entre os lotes. Porém, essa tentativa de organizar o espaço só está acontecendo na parte inicial e até o meio da área. Nos fundos do terreno, os invasores disseram que quem chega faz o que quer. “Cada um vai dominando até lá dentro, entedeu?”, disse um rapaz, que não quis se identificar.
‘’A gente é assim. Vem para conquistar. Nosso objetivo é ganhar a causa. Se a gente for pensar baixo, a gente não consegue melhoras. A maioria mora de aluguel, é tudo pai de família. São pessoas humildes, não têm uma renda fixa. A ideia é ocupar para morar. A área é grande e até para um vigia é perigoso ficar aí sozinho’’, comentou o pedreiro Rodrigo Santos. Ele informou que os lotes estão sendo organizados com 5 metros de frente por 15 metros de fundo.
“Não é porque a gente quer, é porque a gente precisa’’, assegurou o vendedor ambulante Gustavo Anderson Silva, 31 anos. Ele disse morar numa vila na rua São Franciso, também na Marambaia. “Estou desempregado. Sou casado, mas não tenho filhos. Eu pago R$ 300,00 reais de aluguel. Mês passado, vendi minha geladeira para pagar o aluguel por falta de condições’’, afirmou Gustavo. (Pararijos NEWS)

Comerciante se envolveu com a namorada de um detento e acabou assassinado com seis tiros


 Hudson Almeida da Costa atirou no próprio pé e foi capturado por policiais militares no hospital Hudson Almeida da Costa atirou no próprio pé e foi capturado por policiais militares no hospital
O comerciante Anderson Costa Ferreira Batista, de 31 anos, foi assassinado com seis tiros e teve a moto roubada, na madrugada de ontem, em Marituba, Região Metropolitana de Belém. Um dos latrocidas, Hudson Almeida da Costa, de 19 anos, foi capturado por policiais militares no Hospital Metropolitano de Urgência e Emergência (HMUE) e confessou o crime. A moto da vítima foi recuperada e devolvida ao pai dela. Hudson disse que o crime foi encomendado, de dentro da cadeira, por um presidiário que identificou como “Alemão”, pois a namorada dele estava com Anderson.
A namorada de Anderson, que terá a identidade preservada, disse que por volta de 4h30 a ex-namorada dele, identificada como “Shirlei” ou “Shirlene”, começou a bater na porta da casa do comerciante. O casal estava dormindo. Anderson perguntou quem era e, quando se levantou para ver, a mulher tentou arrombar a porta da casa com o pé. Anderson evitou e a ex tentou entrar quebrando uma janela com pedradas, mas depois fugiu.
Ainda de acordo com a namorada de Anderson, ele pegou a moto e tentou ir atrás da ex, enquanto ela ficou em pé, perto da porta, esperando o comerciante voltar. Foi quando ela notou que dois homens estavam em pé num canto escuro da rua da Piçarreira, onde Anderson morava. Os dois se aproximaram, pediram cigarros e então sacaram revólveres de calibre 38. Eles entraram na casa e disseram que não iam matar, “só roubar”. Os dois pegaram os celulares do casal e viram o capacete da vítima. “Ele vai voltar”, disseram.
Quando Anderson voltou para casa, aproximadamente 20 minutos depois, foi recebido com um tiro no peito e tentou fugir, mas foi baleado novamente no peito, duas vezes na cabeça e mais duas vezes em outras partes do corpo. Hudson acabou atirando no próprio pé. Os criminosos pegaram a moto em seguida e fugiram.
A namorada tentou socorrer, mas Anderson já estava morto. Ela então ligou para o 190, o Centro Integrado de Operações (Ciop). A perícia no corpo foi feita e o Instituto Médico Legal (IML) fez a remoção, como relatou a testemunha ao delegado Antônio José de Souza Lima, da seccional de Marituba. (Pararijos NEWS)

Bola parada na chuva pode ser a saída bicolor

Bola parada na chuva pode ser a saída bicolor (Foto: Fernando Torres/Paysandu)
(Foto: Fernando Torres/Paysandu)
O último treino da Quarta-feira de Cinzas, no bom gramado do campo do Kasa, em Ananindeua, foi debaixo de um aguaceiro pesado. A chuva caiu sem dó nem piedade e o técnico bicolor Dado Cavalcanti não aliviou na atividade.
Para alguns jogadores, como o lateral-esquerdo Raí, foi o momento de ser melhor apresentado à famosa ‘chuva da tarde’ de Belém. Alertado sobre o clima chuvoso no início do ano, o atleta avaliou que esse tipo de treino, por mais desgastante que seja, acaba por ser a melhor preparação para os jogos. “Esperamos sim que não chova, porque o nosso time é leve e se aproveita melhor do campo seco, mas estamos nos preparando o melhor possível para jogar nesse clima. É complicado jogar debaixo de chuva assim, mas esperamos fazer um bom resultado lá em Santarém”, argumentou.
Raí apontou que o treino com ênfase em bola parada é muito importante nessas situações. “O professor treina muito a bola parada, especialmente defendendo. Demos uma ênfase agora por conta dos últimos jogos, quando não nos saímos muito bem nos lances de defesa e quase nos complicamos, mas felizmente conseguimos nos recuperar. Em jogos com gramado encharcado, um lance de bola parada muitas vezes é o que define a partida”, explicou Raí.
O lateral não tem muitas informações sobre a equipe do São Raimundo, mas afirma que é preciso respeitar os vice-líderes do Grupo A2. “O respeito precisa haver, como sempre é. Eles estão bem, vão brigar pela classificação. Aqui todo mundo está treinando forte para vencer”, avisou o jogador.
(Taion Almeida/Diário do Pará/Pararijos NEWS)

Vítima executa um assaltante

Diego (acima) e o comparsa usavam facão para assaltar condutoresDiego (acima) e o comparsa usavam facão para assaltar condutores
Um motociclista não identificado reagiu a uma tentativa de assalto, na madrugada de ontem, e conseguiu matar um dos assaltantes e ferir outro. Diego Cruz do Nascimento, de 28 anos, e um comparsa faziam furtos e roubos ao longo da avenida Independência, no bairro da Cabanagem, quando encontraram o homem armado, perto da rua 10 de Junho.
Diego e o comparsa estavam com um facão e aproveitavam para atacar condutores distraídos. Quando tentaram roubar o motociclista, o condutor sacou uma arma e atirou. O comparsa de Diego foi atingido, mas conseguiu escapar. Já Diego, baleado, tombou na 10 de Junho. (Pararijos NEWS)

EDITAL



Chuva forte derruba árvores na Alça Viária

Chuva forte derruba árvores na Alça Viária (Foto: Celso Rodrigues/Diário do Pará)
(Foto: Celso Rodrigues/Diário do Pará)
Árvores tombaram durante a forte chuva que caiu na tarde desta quarta-feira (10), no km 10 da Alça Viária, na Região Metropolitana de Belém.
Algumas delas caíram sobre a rodovia, atrapalhando o trânsito.
Agentes da Polícia Rodoviária Estadual (PRE) retiraram partes menores dos vegetais que estavam na pista para organizar o trânsito até a chegada do Corpo de Bombeiros Militar.
De acordo com a PRE, no início da noite, o trânsito fluia normalmente. (Foto: Celso Rodrigues/Diário do Pará)
(DOL/Pararijos NEWS)

Foto oficial deixa nítida a ausência de negros

A foto oficial do almoço com os indicados ao Oscar 2016 ressaltou ainda mais a ausência de pessoas negras da premiação - o que tem gerado polêmica e promessas de boicote ao evento, que será realizada no dia 28 de fevereiro.
Astros como Will Smith e Spike Lee anunciaram que boicotarão a edição deste ano. Reese Witherspoon e Sylvester Stallone também declararam que podem estar ausentes na cerimônia.
"Você precisa se adaptar ou desaparecer. A diversidade é necessária", disse Stallone, indicado como melhor ator coadjuvante por "Creed", longa dirigido por Ryan Coogler e protagonizado por Michael B. Jordan, ambos negros.
Tom McCarthy, diretor de "Spotlight - Segredos Revelados", lembrou que a presidente da Academia, Cheryl Boone Isaacs, está fazendo um grande trabalho em implantar mudanças e que "tem fé na comunidade cinematográfica para ser mais inclusiva e progressista".
Confira a foto oficial ampliada: 
(Pararijos NEWS)
(DOL/Pararijos NEWS com informações da Folhapress)

quarta-feira, 10 de fevereiro de 2016

Atiradores matam dois jovens

Matheus Belém dos Santos, de 18 anos, e Marcos Júnior Soares Chagas, de 23 anosMatheus Belém dos Santos, de 18 anos, e Marcos Júnior Soares Chagas, de 23 anos
Um duplo homicídio ocorreu à beira do canal Água Cristal, no bairro da Marambaia, em Belém, no final da tarde de ontem. Segundo testemunhas, nove jovens estavam à beira do canal quando um carro preto com passageiros encapuzados e uma motocicleta deram várias voltas no canal até que abordaram o grupo, que foi alvo de vários tiros. A maioria dos jovens conseguiu fugir, mas Matheus Belém dos Santos, de 18 anos, e Marcos Júnior Soares Chagas, de 23 anos, foram atingidos e morreram na hora. Um tombou ao lado do outro, no asfalto.
O crime ocorreu por volta das 18 horas, quase na esquina com a passagem União. O pai de Marcos, bastante abalado, disse que o filho não tinha envolvimento com crimes e que foi morto “de laranja”. “Ele estava trabalhando de carroceiro, ajudando a fazer a minha mudança, quando parou para conversar aqui”, afirmou o tio da vítima. Os policiais civis da Divisão de Homicídios (DH), que estiveram no canal, confirmaram que Marcos era empregado numa empresa terceirizada que prestava serviço para um órgão público. Marcos deixou esposa e dois filhos pequenos.
Já o pai de Matheus disse que foi avisado do crime quando estava na parada de ônibus, indo para o trabalho. Segundo ele, momentos antes, o filho jogava bola no outro lado do canal. Matheus residia próximo ao local em que foi morto. “Eu me tornei evangélico e não sei mais o que acontece aqui fora. O meu filho não trazia problemas para casa. Se ele tinha problemas, ele resolvia sozinho”, disse o homem quando questionado se o filho recebia ameaças ou estava envolvido em problemas. A mãe e o irmão de Matheus choravam, inconsoláveis. O pai de Matheus não conhecia a outra vítima do crime.
Logo após o crime, três equipes da 3ª Companhia do 1º Batalhão da Polícia Militar chegaram ao local, seguidos de policiais civis da Divisão de Homicídios e de peritos do Centro de Perícias Científicas Renato Chaves (CPCRC), que iniciaram a investigação do duplo homicídio. De acordo com o delegado Dauriedson Bentes da Silva, o local em que ocorreu o crime é uma zona vermelha, onde são comuns os assaltos à beira do canal. Muitos curiosos cercaram a área para observar os cadáveres até a remoção para necropsia no Instituto Médico Legal (IML). (Pararijos NEWS)

Moradores improvisam pneus para conter maré do rio Amazonas no AP


Barreira com pneus foi colocada por moradores na região do Aturiá, em Macapá (Foto: John Pacheco/G1)Barreira com pneus foi colocada por moradores na região do Aturiá, em Macapá (Foto: John Pacheco/G1)
O medo de ter a casa destruída pela força da maré do rio Amazonas na orla de Macapá motivou um grupo de moradores da região do Aturiá, na Zona Sul, a improvisar um muro de contenção feito com pneus de carro que foram recolhidos de borracharias e lixeiras.
O objetivo é conter o avanço das águas sobre as residências até o término das obras do muro de arrimo na região, que são de responsabilidade do governo estadual, com previsão inicial de entrega para 2014. A construção atrasou e, desde fevereiro de 2015, está parada.
A Secretaria de Estado da Infraestrutura (Seinf) informou que tem recursos previstos e habilitou documentação para retomar a obra, porém, aguarda liberação do dinheiro por parte do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).
O muro começou a ser erguido em outubro de 2013 (Foto: Jéssica Alves/G1)Obras do governo deveriam ser entregues em 2014, mas pararam em 2015 (Foto: Jéssica Alves/G1)
Na ocasião em que a reportagem do G1 foi ao local da construção, na manhã desta segunda-feira (8), o aposentado Adenor Sanches da Costa, de 81 anos, estava trabalhando no muro improvisado que tem cerca de 30 metros de extensão.
Ele contou que a iniciativa surgiu em parceria com outros vizinhos e que o avanço da maré motivou a decisão. O trabalho é feito de forma voluntária, e, segundo o idoso, teria sido inspirado em modelos semelhantes de barreiras de contenção usadas por ribeirinhos de ilhas na região entre o Amapá e o Pará. "Aqui não tem engenheiro, não", brinca o morador.
"A água quando vai bater nos pneus, eles vão afundar, mas é só colocar pedra dentro dele e depois outro por cima. Não é algo definitivo, mas não dá para ninguém ficar aqui esperando ir para o fundo e perder tudo por causa desse muro que não chega", falou Costa. (Pararijos NEWS)
Adenor Sanches mora há 25 anos no Aturiá e ajuda na barreira de pneus (Foto: John Pacheco/G1)Adenor Sanches mora há 25 anos no Aturiá e ajuda na barreira de pneus (Foto: John Pacheco/G1)
O idoso saiu do interior do estado e há 25 anos mora no Aturiá. Ele disse que quando chegou à região o rio era distante da casa onde vive, e, por isso, nem chegou a imaginar que a água alcançaria a residência. Ele morava com dez filhos na orla, mas hoje mora com dois. Segundo ele, os demais foram embora por causa do risco de desabamento do imóvel.
Sobre a possibilidade de precisar remover os pneus em caso de ordem do poder público, o aposentado disse que o fará quando for minimizado o risco de invasão da água. "De que adianta me pedirem para tirar? Eu tiro sim, mas me deem condições de viver decente. Ou com um muro que 'preste' ou aluguel social", falou.
Everaldo Cardoso, de 25 anos, disse que saiu da casa de madeira há menos de duas semanas quando o imóvel começou a balançar e horas depois foi levado pelo rio. Nenhuma das pessoas que morava na residência ficou ferida, assim como nenhum bem material foi perdido.
"Tive que ficar aqui, porque tentei sair várias vezes, mas não encontrei lugar para morar. O governo tenta pagar aluguel, mas atrasa muito, e ninguém quer mais alugar quando sabe que o dinheiro é vindo do aluguel social", falou Cardoso.
Avanço do rio Amazonas
De acordo com a Defesa Civil Municipal, são pelo menos 200 casas com alto risco de desabamento pela força do Amazonas no Aturiá. O início do período chuvoso combinado com a alta da maré e fortes ventos são fatores que deixam a instituição em alerta.
Perigo constante
Estudos do Instituto Estadual de Pesquisas Científicas e Tecnológicas (Iepa) apontam que no período entre 2010 e 2015, o rio Amazonas invadiu cerca de 30 metros o bairro Araxá, causando a retirada de 120 famílias da área nesse período. Casos de desabamentos de imóveis no Aturiá acontecem desde 2008, quando o primeiro muro de arrimo que protegia a região foi destruído pela força do rio.