Google+ Badge

sexta-feira, 2 de outubro de 2015

Maitê Proença Nua: Botafogo pode ficar a um passo da série A

Apesar do favoritismo, Ricardo Gomes prevê jogo duroApesar do favoritismo, Ricardo Gomes prevê jogo duro
Depois de uma pausa de dez dias, o Botafogo retoma o caminho rumo à Série A e enfrenta o Sampaio Corrêa, às 21h, no Maranhão. Além de deixar o acesso ainda mais perto, uma vitória mexerá com o ânimo dos marmanjos alvinegros, que, muito em breve, poderão admirar as curvas da belíssima botafoguense Maitê Proença. A atriz prometeu em um programa de TV, no início da Série B, que ficaria nua caso o time retornasse à elite. A contagem regressiva já foi iniciada.
A promessa transformou a torcida alvinegra na maior do país durante a disputa da competição. Ninguém quer perder a oportunidade de ver, novamente, a musa como veio ao mundo. Maitê já posou para uma revista masculina e fez diversos papéis em que apareceu sem roupa, mas, desta vez, a causa é mais nobre.
Segundo os matemáticos, três vitórias em dez rodadas sacramentam o acesso do Botafogo e a nudez da atriz. Entretanto, internamente, o grupo trata a partida de hoje como uma das mais difíceis da sequência final do campeonato. O Sampaio Corrêa luta para entrar no G-4 e, no Castelão, costuma ter apoio massivo da torcida.
“O jogo vai ser complicado. Esta é uma frase desgastada, mas verdadeira. Tivemos pouco mais de uma semana de trabalho, e eles também”, disse o técnico Ricardo Gomes antes de embarcar com a delegação para São Luís, na noite de quarta-feira.
(Pararijos NEWS)

Alunos de Breves participam de jogos


Aproximadamente 250 crianças de Educação Infantil e Médio, da Escola LAWTON, na Vila de mesmo nome no município de Breves, nos  dias 19 a 26 de setembro, participaram de várias atividades esportivas. As modalidades foram coordenadas pelo professor responsável pelo ensinamento Márcio Soares. Na oportunidade houve jogos como futebol, voleibol, natação, atletismo, tênis de mesa, cabo de guerra e petbol (jogos recreativos) . No local, foi homenageada a professora Neide Leão pelos 30 anos de serviços prestados à comunidade. (Pararijos NEWS)

Cantar 'Atirei o pau no gato' poderá ser proibido

Cantar 'Atirei o pau no gato' poderá ser proibido (Foto: )
A tradicional cantiga “Atirei o pau no gato” e sua influência na formação das crianças estão em debate.
Um projeto protocolado na Câmara Municipal de Sertãozinho, no interior de São Paulo, quer proibir que a canção popular "Atirei o pau no gato" seja cantada nas escolas da cidade. A proposta é de autoria do vereador Rogério Magrini (PTB), que também é humorista e conhecido como "Zezinho Atrapalhado".Ele garante, porém, que o projeto é coisa séria e visa impedir a cantiga popular que, em sua visão, estimula a maltratar os animais. Diz ainda ter um abaixo-assinado com 300 assinaturas favoráveis à proibição, que até agora não ganhou a simpatia dos demais vereadores.
O projeto está tramitando há seis meses e ainda não tem data para ir à votação. O autor defende que a tradicional cantiga seja substituída por uma nova versão desenvolvida por entidades de defesa dos animais. Essa canção é parecida com a original, mas tem um texto diferente e cuja letra diz, entre outras coisas, "Não atire o pau no gato-to".
O projeto tem entre os defensores uma ONG de Sertãozinho que cuida de cães e gatos. Diz o vereador Zezinho Atrapalhado que a ideia de proibir a música surgiu após crianças de uma creche serem vistas jogando pedras em um gato. Uma pessoa ligada à entidade teria então sugerido a lei visando combater a cultura de maltrato ao animal.
Trâmite
"Temos de proteger os animais e não maltratá-los", falou o vereador. Ele já é o autor de outros projetos polêmicos na cidade, como um que criou o Dia Consciência Branca. Mas esta proposta de proibir a cantiga tem a resistência do presidente da Câmara, Silvio Blancacco (PSDB).
Para ele, a iniciativa vai contra a liberdade de expressão. O político alega que, além disso, o projeto precisa primeiro obter os pareceres favoráveis das comissões internas do Legislativo, coisa que ainda não ocorreu, antes de ser liberado para ir a plenário.
  (Pararijos NEWS com as informações são do site R7)

quinta-feira, 1 de outubro de 2015

Presos na boca do caixa

Três pessoas que tentavam obter empréstimo de R$ 3 mil, com o uso de uma carteira de identidade falsificada, foram presas ontem à tarde, no centro comercial de Belém. O documento tinha o nome de uma cliente das lojas Riachuelo, mas a fotografia havia sido substituída pela de Guiomar Rodrigues da Silva, de 54 anos. Ela estava na companhia de Valéria Carvalho Leão, de 25 anos, e de Márcio Duarte Machado, de 31 anos. Ele usa tornozeleira de monitoramento do Sistema Penitenciário do Estado, portanto, cumpre pena em regime aberto. O trio foi autuado em flagrante pelo delegado Augusto Magalhães, da Seccional Urbana do Comércio, acusado de falsificação de documento público e associação criminosa.
A prisão foi efetuada pelo sargento Pedro Paulo Moreira e pelo cabo Miranda, do policiamento velado do 2º Batalhão da Polícia Militar. “Estávamos seguindo eles desde o Bradesco, onde fizeram uma transferência de R$ 4 mil com o uso da carteira de identidade falsa. Fomos acionados pelo banco. Isso foi um pouco antes de irem para a Riachuelo”, contou Moreira.
O funcionário da loja explicou que no sistema da loja constava que a cliente tinha registrado boletim de ocorrência e cancelado o cartão da loja porque tinha tido os documentos roubados. Além disso, quando Guiomar tentou obter o empréstimo, o sistema da loja exibiu a verdadeira fotografia da cliente que estava tendo o nome utilizado no golpe. Os seguranças acionaram a polícia, que deteve os suspeitos ainda na loja. “Tem sido comuns essas tentativas de golpe, principalmente às proximidades de períodos festivos, como o Círio e no Natal”, disse o funcionário, que pediu para não ser identificado.
Márcio já responde por assalto, segundo o delegado Magalhães, que preside o inquérito. Ele foi recolhido ao Sistema Penitenciário, assim como as duas mulheres, que foram enviadas ao Centro de Reeducação Feminino (CRF), em Ananindeua.
(Pararijos NEWS)

Gasolina já está mais cara

O reajuste do preço da gasolina e do diesel para as distribuidoras foi anunciado pela Petrobras na noite de anteontem e, menos de 24 horas depois, os postos de Belém deram início ao aumento nos preços dos combustíveis.
Anteontem, a petroleira anunciou reajustes nos preços de venda da gasolina e do diesel nas refinarias a partir da 0h de hoje. O aumento para a gasolina nas refinarias é de 6% e para o diesel, de 4%.
Ontem os belenenses começaram a pagar de R$ 0,10 a R$ 0,20 mais caro pelo litro dos combustíveis. O preço nas bombas é livre e costuma ser reajustado à medida que o combustível com preço novo chegue aos postos.
No último final de semana, estudo do Departamento de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos (Dieese-PA) verificou que o preço médio do litro da gasolina comum comercializado em Belém era R$ 3,39. Já o preço médio do litro do óleo diesel estava, em média, R$ 3,06.
Na tarde de ontem, a reportagem foi a três postos em Belém e em dois deles verificou que o repasse do aumento nas refinarias foi aplicado e variava entre R$ 0,10 a R$ 0,20 a mais no litro dos combustíveis.
Posto - Gerente de um posto de combustível que tem bandeira da Petrobras na avenida Doutor Freitas, Elias Dias disse o reajuste foi aplicado ontem, a partir das 14h, e ficou em R$ 0,15 a mais no litro da gasolina e do óleo diesel.
“Somente este mês já foram dois reajustes, mas agora foi forte e não temos como segurar mais sem repassar aos clientes. O combustível que compramos hoje (ontem) para abastecer o posto amanhã (hoje) já veio com aumento. É ruim refletir no consumidor, porque não queremos vender combustível caro, mas atender a mais clientes com menores preços. Até porque quando aumenta o preço a movimentação diminui entre 10% a 20%”, disse Dias.
Mário Chermont, proprietário do posto, mostrou o comunicado que recebeu da Petrobras, na manhã de ontem, anunciando o reajuste. “Analisamos e resolvemos aplicar até 3%, a partir da tarde, para não perder os clientes do posto”.
Consumidor - Os consumidores reclamaram da alta de preços. “Nenhum empresário de posto de gasolina vai segurar o reajuste e com certeza vai repassar para nós, consumidores. Vou aguardar os preços finais e avaliar se abastecer com álcool é melhor que com gasolina aditivada”, afirmou o engenheiro Cláudio Gomes.
O pedreiro Raimundo Araújo tem uma motocicleta e um carro. “Só uso o carro para passeio com a família e no dia a dia ando de moto para economizar. Achei esse aumento um absurdo”, criticou o pedreiro. (Pararijos NEWS)

Nasceu Sarah

Duas bebês lindas Sarah e Eva com as mamães Dynny e Zayra, filhas de Raimundo Palheta, diretor deste informativo. Elas presentes na maternidade do HRM de Breves onde Sarah nasceu. Visita importante para o fortalecimento da família que agora aumentou. (Pararijos NEWS)

Feira do Pescado acontece esse sábado

Feira do Pescado acontece esse sábado (Foto: Arquivo/Agência Pará)
(Foto: Arquivo/Agência Pará)
Neste sábado (03) é dia de mais uma Feira do Pescado, que volta ao estacionamento do Centur. Serão postas a venda mais de sete toneladas de pescado e produtos derivados, em um total de 30 itens. A Feira do Pescado no Centur vai funcionar de 8h às 14h e, no sábado (10), véspera do Cirio, uma outra feira já está programada no estacionamento do Santuário de Fátima.
Entre os produtos oferecidos na feira deste sábado estão o Xaréu com cabeça e a Sardinha, ambos vendidos a R$ 3,00 o quilo; o bacalhau em filé dessalgado, a R$ 27,00 o quilo, e o filé de dourada a R$ 14,00 o quilo. Também serão postos à venda produtos como ingredientes para paella, camarão empanado, posta de salmão e massa de caranguejo.
(DOL/Pararijos NEWS com informações da Agência Pará)

Bancários no Pará podem entrar em greve no próximo dia 6

Foto: ORM News/ArquivoFoto: ORM News/Arquivo
Os bancários no Pará podem entrar em greve a partir da próxima terça-feira (6). A decisão será tomada na assembleia da categoria que será realizada na noite desta quinta-feira (1º) na sede do Sindicato dos Bancários do Pará.
A Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) ofereceu à categoria um reajuste de 5,5% no salário, também na Participação nos Lucos e Resultados (PLR) e nos auxílios refeição, alimentação, creche e abono de R$ 2.500,00, durante a última rodada de negociação na úlitma sexta-feira (25), em São Paulo. O reajuste está abaixo da inflação, que ficou em 9,88%, em agosto deste ano.
A categoria quer reajuste salarial de 16% (incluindo reposição da inflação mais 5,7% de aumento real); PLR: 3 salários mais R$7.246,82, e Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS) para todos os bancários, entre outras reivindicações.
Caso a greve seja aprovada hoje, o prazo para o início da paralisação é de 72 horas, por isso o intervalo de 5 dias entre a assembleia deliberativa e o primeiro dia de paralisação por tempo indeterminado, que começa dia 6. Na próxima segunda-feira (5), a categoria se reune novamente em assembleia.
(Pararijos NEWS)

Zenaldo lança programa dos 400 anos


A festa dos 400 anos da fundação da Cidade de Belém teve sua programação oficial lançada ontem à noite pelo prefeito Zenaldo Coutinho, no Pólo Joalheiro, no bairro do Jurunas, e começará já no próximo dia 10. A programação traz entre atrações variadas a possibilidade de instituições e empresas participarem dos festejos da data, patrocinando eventos e também adotando monumentos e logradouros da capital paraense, entre outras ações. O lançamento reuniu autoridades, membros da Comissão Belém 400 anos, que organizou a programação comemorativa, e convidados. Durante o evento, na presença do governador em exercício Zequinha Marinho, foi distribuído o Guia de Eventos, pins e adesivos, e apresentada a logomarca dos 400 anos. Adesões e informações à programação em 3084-0715/0701 e contatos comitebelem400@gmail.
De acordo com o Guia de Eventos, no dia 10 de outubro, às 9 horas, no Ver-o-Peso, haverá apresentação pública e distribuição do Calendário Belém 400 Anos, de atividades e obras; divulgação da marca Belém 400 anos; acionamento de painel de contagem regressiva para o aniversário da cidade, na Praça Dom Pedro II; apresentação do projeto do monumento alusivo aos festejos Belém 400 Anos, a ser construído na Praça dos Estivadores; e um Banho Cheiroso na passagem do Círio Fluvial. No dia 17 será aberto o III Festival do Açaí - O Sabor de Belém, no Portal da Amazônia. Haverá evento gastronômico e folclórico de Belém no pavilhão do Brasil na Expô Milão, na Itália, no dia 30 de outubro.
No dia 21 de novembro serão lançados os projetos Minha Rua e Placas Informativas sobre pontos turísticos da cidade, às 9 horas, na Praça do Relógio. De 27 a 29, no Portal da Amazônia, às 20 horas, ocorrerá o Festival do Treme 2015, com 12 aparelhagens e 15 bandas de tecnobrega e saudade. Em dezembro, entre outras atrações, haverá festas de reveillon em Belém, Ilha do Mosqueiro, Icoaraci e Outeiro. Para janeiro, mês do aniversário de Belém - 12 de janeiro - já estão programados relançamento do livro “Belém do Grão-Pará”, de Augusto Meira Filho; show musical sobre o poema “A Cabanagem”; encerramento dos 400 dias de orações, com abraço simbólico à cidade; arte grafite nas ruas de Belém; passeio ciclístico.
No dia 12 de janeiro haverá a Grande Alvorada, com badalar de sinos de igrejas, bandas tocando em bairros e salva de fogos; missa na Catedral Metropolitana; edição comemorativa do Diário Oficial do Município; evento Parabéns, Belém!, no Ver-o-Peso; inauguração de monumentos e placa comemorativa; exposição de artes plástica no MABE; inauguração do Colégio Militar; culto evangélico na Igreja Universal do Reino de Deus; solenidade oficial de comemoração dos 400 anos, no Hangar; show Juventude 400 Anos; apresentação da Orquestra Sinfônica do Theatro da Paz; Show Popular Belém 400 anos, no Portal da Amazônia; passeio de balão a gás com direito à poesia, no Portal da Amazônia; torneio de atletismo; pré-carnaval no Portal da Amazônia e distritos e carnaval na Aldeia Cabana.
HISTÓRIA
“Os 400 anos de Belém é toda a nossa história, a vida de tanta gente que passou aqui, fez parte da história da nossa cidade e ajudou a construir essa Capital da Amazônia. Imagine os pioneiros quando chegaram, adentrando a floresta, os rios e compuseram essa cidade extraordinária, bonita, exótica, com temperos maravilhosos, uma população eclética, muito calorosa em termos de acolhida. E também uma cidade com desafios muitos grandes para a gente superar, com profundas injustiças que existem nessa cidade. Portanto, caminharmos para os 400 anos é um marco histórico e nós devemos reafirmar o amor por essa cidade, reafirmar tudo da nossa história, do que a gente construiu, e apontar para um futuro promissor, um futuro de mais construções de mais qualidade de vida”, afirmou o prefeito Zenaldo Coutinho, ao lado da vice-prefeita Karla Martins.
Como disse o gestor municipal, a Prefeitura de Belém está, em parceria com instituições civis, religiosas e militares, com um cronograma de eventos estaduais, nacionais e internacionais que ocorrerão neste período. “E associado a isso temos uma agenda de obras que mudam e melhoram a qualidade de vida da nossa cidade”. O vice-governador Zequinha Marinho destacou que “neste momento de quatro séculos de história, a sociedade precisa dar as mãos para fazer uma celebração à altura dessa grande metrópole, que é Belém”. “Não é todo dia que você vê uma cidade completando uma data como essa. E o Governo do Estado participa dessa festa juntamente com todos unidos e que amam esta terra “, completou.
“Esta é uma oportunidade que Belém ganha para redescobrir a sua história de matriz cristã e, a partir dessa história, construir um futuro promissor”, afirmou o padre Ronaldo Menezes. Durante o lançamento da programação dos 400 anos de Belém foram apresentadas algumas das obras feitas pela Prefeitura de Belém: o BRT Augusto Montenegro, revitalização da Praça dom Alberto Ramos, na Marambaia; pavimentação asfáltica e saneamento em bairros e distritos; aquisição de ônibus e lanchas escolares; reforma de escolas; implantação de coleta seletiva de lixo; cursinho pré-vestibular e construção de novas unidades de saúde. No evento de ontem, funcionaram dois totens da Cinbesa/PMB com o aplicativo Ver Belém e informações sobre a capital paraense.
Entre os participantes da festa dos 400 anos de Belém, entre os quais figura o Governo do Estado e outras instituições, a Associação Comercial do Pará (ACP) formalizou adesão ao projeto da Prefeitura de Belém, por meio da ação Mercadores de Sonhos. “Este projeto é uma exposição itinerante sobre os quase 200 anos da ACP que vai ter seu primeiro momento na Pará Negócios, de 5 a 8 de novembro, no Hangar, com a participação do prefeito.
(Pararijos NEWS)

Câmara aprova regra para aposentadoria

A Câmara dos Deputados aprovou ontem medida provisória que institui uma regra para aposentadoria que varia progressivamente de acordo com a expectativa de vida da população brasileira. As informações são do Portal G1.
Ao votar a matéria, os parlamentares também aprovaram uma emenda que autoriza a chamada “desaposentadoria”, que é a possibilidade de o aposentado que continuou trabalhando fazer novo cálculo do benefício, tomando por base o novo período de contribuição e o valor dos salários.
Essa alteração poderá gerar um rombo adicional à Previdência Social de R$ 70 bilhões em 20 anos, segundo cálculos da Advocacia-Geral da União. A MP que mudas regras para pedir a aposentadoria foi editada pela presidente Dilma Rousseff como uma alternativa à regra 85/95, aprovada, em maio, pelo Congresso Nacional quando pôs fim ao fator previdenciário.
A fórmula aprovada pelo Legislativo, na época, permitia aposentadoria integral quando a soma da idade e do tempo de contribuição atingisse 85, para as mulheres, e 95, para os homens. A presidente Dilma Rousseff vetou esse cálculo, sob a justificativa de que aumentaria o rombo na Previdência Social, e editou a medida provisória com outras regras.
Pela MP de Dilma, a fórmula para calcular a aposentadoria varia progressivamente conforme a expectativa de vida da população – que, em tese, aumenta a cada ano - começando em 85/95. Os parlamentares aprovaram uma modificação ao texto original do Executivo, para instituir uma condição mais benéfica ao trabalhador, mas que representará gasto maior aos cofres públicos.
Pela proposta da presidente, a cada ano, seria necessário um ponto a mais na soma para obter a aposentadoria. Em 2017, por exemplo, mulheres precisariam de 86 pontos e homens, de 96 – ou seja, haveria a soma de um ponto. Em 2022, seriam 5 pontos a mais.
O texto aprovado pelos deputados, porém, prevê uma escala mais longa. A primeira alta na soma, de 85/95 para 86/96, seria em 31 de dezembro de 2018. A partir daí, seria adicionado um ponto no cálculo a cada dois anos e não apenas um, conforme havia proposto a MP enviada pelo governo.
Essas alterações no texto foram feitas na comissão mista que analisou a MP antes de ela ir ao plenário. O Planalto aceitou as modificações para garantir que o Congresso mantivesse o veto de Dilma à fórmula 85/95, o que ocorreu na semana passada.
DOMÉSTICAS
O governo vai liberar até hoje o módulo para que os patrões e empregados domésticos se cadastrem no site www.esocial.gov.br. Na página, será possível imprimir a guia única com todos os tributos a serem pagos mensalmente. O primeiro vencimento da guia única será em 6 de novembro - a data será o dia 7 de cada mês, mas, quando cair no sábado ou domingo, o pagamento será antecipado para o dia útil anterior. As informações são da Agência Estado.
No entanto, os patrões que já optaram pela adesão do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para os empregados domésticos precisam recolher até o dia 7 de outubro a contribuição de 8% sobre o salário do funcionário relativa a setembro em guia separada por meio do mesmo portal ou do site da Caixa. Aproximadamente 180 mil trabalhadores domésticos estão incluídos no sistema de recolhimento opcional.
A Receita orienta os patrões sobre possíveis divergências em relação aos dados dos trabalhadores. No site, o módulo “Consulta Qualificação Cadastral” indica os procedimentos que devem ser feitos para solucionar essas divergências. Entre os dados exigidos estão nome, data de nascimento, CPF e o Número de Identificação Social (NIS)
(Pararijos NEWS)

Mototaxistas fazem protesto na Almirante Barroso

Mototaxistas fazem protesto na Almirante Barroso (Foto: Via Whatsapp)
Mototaxistas fazem protesto na avenida Almirante Barroso, no bairro do Marco, em Belém, na manhã desta quinta-feira (01). (Foto: Via Whatsapp)
Os mototaxistas regularizados e autorizados a circular na Região Metropolitana de Belém realizam um ato na avenida Almirante Barroso, em frente o Clube Monte Líbano, no bairro do Marco, em Belém, na manhã desta quinta-feira (1º), em protesto contra os mototaxistas que circulam sem regularização.
A categoria exige que a Superintendência de Mobilidade Urbana (Semob) atue para retirar de circulação os trabalhadores que atuam sem a liberação do órgão.
Os mototaxistas prometem sair pelas ruas da cidade, em direção a sede da Semob para pedir que o órgão se posicione sobre a situação.
Em nota ao DOL, a Prefeitura de Belém, por meio da Semob disse que vem realizando operações constantes para coibir o transporte irregular de passageiros em mototáxis não legalizados para garantir a segurança da população que opta pelo serviço, e que desde 2013 a Prefeitura vem regulamentando a atividade e, em dois editais, já regularizou 1650 mototaxistas. Atualmente, estão disponíveis mais 1050 vagas para quem deseja atuar de forma regulamentada.
(DOL/Pararijos NEWS com informações de Amaury Silveira)

Redução do Traslado frustra devotos

9 1

A redução de oito quilômetros do Traslado da imagem peregrina de Nossa Senhora de Nazaré nos municípios de Ananindeua e Marituba, no dia 9 de outubro, entristeceu muitos moradores que aguardavam a imagem passar próximo às suas casas. A determinação foi da Polícia Rodoviária Federal (PRF), que comunicou a Diretoria da Festa de Nazaré na sexta-feira da semana passada. A saída será da Basílica Santuário de Nazaré, em Belém, percorrendo várias avenidas e ruas de Ananindeua e Marituba até a Igreja de Nossa Senhora das Graças, na rodovia BR-316. O Traslado é a mais longa e a primeira das 12 romarias do Círio será reduzida de 55 km para 47 km.
No dia do Traslado, a comerciante Lúcia Alves, 56 anos, fecha a pequena lanchonete na praça Estrela para ver a imagem da Virgem. O trecho onde fica a lanchonete, na rua Dr. Donato Sanova, Cidade Nova V, é uma continuação da avenida Três Corações, em Ananindeua, e foi a primeiro a ser cortado. “Eu já estava me programando. Fecho meio-dia e espero ela passar. Nos anos anteriores fui ver com todos os moradores. É a única oportunidade que a gente tem para ver a santa. Agora vou ter que me deslocar daqui até a igreja”, relatou Lúcia.
Moradora da travessa WE 19, na Cidade Nova V, Rosália de Souza, 63, disse que ficou muito triste com a informação. “Todo mundo vem para cá ver a santa. Minha casa fica lotada. A gente enfeita com faixa e balões. Os vizinhos soltam fogos”, disse. “Na hora, a gente se emociona muito, não tem como não ir às lágrimas”.
Na travessa WE 35, Cidade Nova V, Antônia Martins, 60 anos, ficou indignada. A romaria não passará mais na SN 19, entre a WE 32 e a avenida Dom Vicente Zico. “Eu fiquei triste, porque todo ano o pessoal da rua arruma as coisas. Não pode ser assim. Esse pessoal da organização só faz besteira”, reclamou. Ela conta que entre um afazer doméstico e outro, para um instante para ver a imagem peregrina. “A Nossa Senhora vai junto. É ela que vai ali, não é a imagem”, aponta.
Em um dos trechos mais longos que foram cortados, que vai da avenida Arterial 5-B até toda a SN 21, evangélicos e católicos se unem na desaprovação da mudança. O eletricista Josias Trindade, 43 anos, que mora há 22 anos quase na esquina entre a Arterial e a SN 21, sempre viu a imagem peregrina e a devoção dos vizinhos. “A gente acha muito bonito a fé das pessoas. A fé e o Deus é o mesmo de todos. A rua fica movimentada e a emoção é legal”, revelou. Também na SN 21, a academia de ginástica onde trabalha a professora de Educação Física, Ingrid Pereira, 23, teve de cancelar as homenagens. “O proprietário já tinha avisado para a gente organizar uma homenagem, mas infelizmente ela não vai mais passar”, lamentou.
De acordo com a Diretoria, a mudança sugerida pela PRF não deixará de contemplar as paróquias e comunidades católicas, por onde a Imagem de Nossa Senhora de Nazaré passa.  Em Ananindeua, a procissão seguirá pelos bairros da Cidade Nova, Paar e Icuí. Depois, a imagem segue para Marituba e retorna para Ananindeua, até chegar à Igreja Matriz. As mudanças seriam baseadas em um estudo técnico de viabilidade de utilização do espaço feito pela PRF, que prevê algumas adequações. Inicialmente, o trajeto seguia direto pela WE72 até a SN24, porém, um estreitamento após a SN23 e a ocorrência de muitos veículos estacionados justificou a mudança no roteiro da procissão. Em função da largura das ruas, haverá uma derivação à direita na SN23 para dobrar novamente à esquerda na WE75 e seguir até a SN24, no bairro da Cidade Nova.
(Pararijos NEWS)

Armas para agentes de trânsito dividem opiniões

Armas para agentes de trânsito dividem opiniões  (Foto: Agência Pará)
(Foto: Agência Pará)
Polêmica. Essa é a palavra que poderia definir a opinião dos internautas sobre a proposta aprovada pela Comissão de Justiça da Câmara no dia 26 deste mês, que permite o porte de armas para agentes de trânsito. A decisão dividiu os leitores do DOL: 50,21% de posicionaram a favor da mudança, enquanto 49,79% afirmou ser contrário ao porte de armas.
“Os agentes de trânsito são totalmente despreparados para utilizar um armamento que exige uma formação especifica, muita técnica e preparo. E os agentes terão que estudar muito o código penal e saber usar de meios necessários proporcionalmente para repelir as agressões”, afirmou o internauta Allan.
A opinião foi compartilhada por Elvis Lima de Freitas. “Não sou a favor”, afirmou. “Eles sem arma já são abusados, imagine, você, eles com uma arma na mão”.
Outros diversos internautas debateram a favor do porte de armas, como foi o caso de Ivanilson. “Sim, sou a favor, pois como fazem parte da segurança pública é mais do que justo terem com o que se defender, pois arriscam suas vidas em prol de outras”, escreveu.
“O porte de arma é para segurança do agente, condutor e da sociedade. Várias vezes já abordamos bandidos armados e na maioria dos casos não sabemos se o condutor é uma pessoa do bem ou do mal”, escreveu Jammerson. “A atividade de agente de trânsito é arriscada. E diariamente essa classe tem conflitos com os usuários das vias. Concordo com o porte de arma”, completou Augusto.
(DOL/Pararijos NEWS)

Pikachu na mira do Fla


Novamente, uma informação circula, com força, dando conta de que o Flamengo seria o destino de Yago Pikachu, principal jogador do Paysandu. Emissoras de rádio cariocas e sites especializados na cobertura do Rubro-Negro discutem o assunto abertamente e há quem garanta que o paraense, de 23 anos, já assinou um pré-contrato com o gigante carioca. O lateral direito Yago Pikachu é o melhor e o mais regular jogador criado nas bases do Paysandu nos últimos anos. Na atual temporada, estourou para a imprensa nacional depois de boas jornadas no Campeonato Brasileiro da Série B e na Copa do Brasil. Além do Fla, há supostas sondagens do Grêmio-RS e do Palmeiras, que tentou levá-lo em 2013, mas recuou.
No Flamengo, a especulação é tão forte que o diretor executivo de futebol Rodrigo Caetano veio a público negar interesse e qualquer acerto do clube com Pikachu. Não é a primeira vez que Rodrigo Caetano desmente a situação publicamente. Ainda segundo fonte ligada ao clube carioca, a diretoria está receosa, pois sabe que a divulgação de qualquer acerto poderia causar um desgaste entre os clubes e tumultuar uma saída, valorizando o atleta. Yago Pikachu seria uma das novidades do Fla e se reapresentaria em janeiro do ano que vem.
Assim como Rodrigo Caetano, o representante do atleta, Carlos Lisboa, que também é pai de Yago, negou veementemente qualquer tipo de vínculo. “Ele não assinou nenhum pré-contrato. O que estou sabendo é via imprensa”, garantiu, em contato com a reportagem, por telefone, na noite de ontem.
Lisboa admitiu que Yago Pikachu é um jogador sondado frequentemente, embora as propostas ainda não tenham sido definitivas. “Há sondagens. Mas, isso não quer dizer nada. Não há nenhuma situação de contrato, nenhum pré-contrato, então a preferência continua sendo do Paysandu”, assegurou Lisboa.
O vínculo de Pikachu com o Paysandu se estende até o final desta temporada. Desde julho, o lateral direito está liberado para assinar pré-contrato com algum clube interessado, conforme as leis trabalhistas que regem o futebol.
PARÁ
Caso a informação seja confirmada, Yago Pikachu seria a aquisição para resolver um problema sério da equipe rubro-negra, que é a lateral direita. Por coincidência, o atual titular é também um paraense, Marcos Rogério Ricci Lopes, o Pará, de 29 anos. Muito criticado, o atleta tem uma sequência de jogos, mas não agrada tecnicamente.
(Pararijos NEWS)

Belém é uma das capitais mais violentas

No ano passado, Belém teve uma média de duas pessoas mortas por dia, vítimas de crimes violentos letais intencionais. A capital paraense registrou, em 2014, 734 assassinatos em números absolutos. Entre as capitais brasileiras, é a 7ª colocada nessa estimativa. A taxa de mortes para cada 100 mil habitantes de Belém foi de 77,3 em 2014, com uma variação de apenas -2,6% em relação a 2013. 
Os dados inéditos fazem parte da primeira série de levantamentos estatísticos do 9º Anuário Brasileiro de Segurança Pública, que acaba de ser divulgado pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública. O levantamento foi realizado a partir de requisições às secretariais estaduais de Segurança Pública e/ou Defesa Social com base na Lei de Acesso à Informação (LAI) e também por meio de cruzamento de informações disponibilizadas pelas mesmas secretarias em seus respectivos websites.
O anuário também analisa, de forma inédita, os gastos com segurança pública no Brasil. Nesse caso, o Estado do Pará ficou na 10ª posição, na avaliação de gastos com segurança pública, com R$ 1,8 bilhão de investimento no setor. O Pará investiu menos que Goiás, por exemplo, que tem uma população 20% menor que a paraense.
No Brasil, foram 15.932 mortes nas 27 capitais, o que equivale a 1,81 assassinato por hora, praticamente o mesmo número em comparação ao ano anterior, de 15.804 óbitos registrados por essas mesmas causas (variação de 0,8% no número de casos).
(Diário do Pará/Pararijos NEWS)

La Bündchen, enfim, nua

 Na imagem em que aparece totalmente nua, Gisele calça apenas um lado de uma bota Dior Na imagem em que aparece totalmente nua, Gisele calça apenas um lado de uma bota Dior
A edição francesa da revista “Vogue” de outubro, que comemora os 95 anos da publicação, promete causar correria às bancas. Para celebrar a data, a revista produziu quatro capas diferentes –todas protagonizadas por modelos icônicas.
Gisele Bündchen, que recentemente foi eleita a modelo mais bem paga do mundo pelo nono ano consecutivo, é uma das estrelas da edição. Fotografada pelo peruano Mario Testino, consagrado pelas produções ousadas, a brasileira aparece seminua na capa, vestindo apenas uma calcinha que exibe seu nome. No recheio, mais fotos cheias de sexy appeal. A imagem em que aparece totalmente nua, calçando apenas um lado da bota -“Desejo”, da coleção de inverno 2016 da grife Dior-,  também está dando o que falar.
Kate Moss, Kendall Jenner e Christy Turlington foram as outras escolhidas para estampar as demais capas da edição comemorativa da revista francesa.
(Pararijos NEWS)

quarta-feira, 30 de setembro de 2015

Aliado de Jatene critica governo de Zenaldo

Aliado de Jatene critica governo de Zenaldo (Foto: Bruno Carachesti)
Deputado federal Arnaldo Jordy criticou a situação da saúde em Belém, como o estado precário do Pronto-Socorro do Guamá (Foto: Bruno Carachesti)
Aliado de primeira hora do governo tucano de Simão Jatene no Pará, o deputado federal Arnaldo Jordy (PPS), não tem poupado críticas ao prefeito de Belém, Zenaldo Coutinho (PSDB). Com o chamado “fogo amigo”, Jordy despejou um carrossel de adjetivos da tribuna do Plenário da Câmara dos Deputados para definir a situação em que se encontra a saúde pública na capital paraense. 
Segundo ele, as unidades de saúde de Belém vivem, há longo tempo, uma situação dramática. O parlamentar falou sobre o resultado de um relatório recente feito pelo Sindicato dos Médicos do Pará (Sindmepa), que fez inspeções nos prontos-socorros e nas unidades básicas de saúde, particularmente nas unidades de urgência e emergência. 
De acordo com o aliado dos tucanos, o sindicato constatou que faltam, entre outras coisas, cilindros de oxigênio, seringas para injeções intramusculares e até água. “Está faltando água nas unidades básicas de saúde do Município de Belém!”, bradou Jordy da tribuna. “Esta é a síntese do relatório do Sindicato dos Médicos: dentre uma série de outros problemas, há falta de profissionais”. Jordy disse ainda que todos os programas estão reduzindo a sua eficiência. “O relatório do Sindmepa, que eu trago ao conhecimento desta Casa, é farto em situações deprimentes”.
O parlamentar fez um “apelo” ao prefeito e ao secretário de Saúde Municipal, para que providências para estancar a grave crise na saúde no município de Belém sejam tomadas.

UNIDADES
Segundo ele, não é só no pronto-atendimento que o setor está “agonizando” na capital paraense. Jordy informou que o Sindicato dos Médicos divulgou relatórios de visitas técnicas às unidades de saúde dos populosos bairros do Riacho Doce, da Sacramenta e do Telégrafo, nos quais foram registrados quadros de dificuldades que abrangem até a deficiência de materiais básicos de atendimento, como gazes, pinças e antissépticos, fazendo com que nem pequenos curativos sejam possíveis realizar.
O discurso foi sempre carregado de um tom oposicionista: “O pandemônio no setor tem também origem, segundo o Sindmepa, em uma hierarquia inexplicável, com falta de coordenação e integração dos serviços, o que colabora para a piora do atendimento à população belenense”, opina.
Procurado pelo DIÁRIO, o Sindmepa confirmou os dados divulgados por Jordy. Segundo o Sindicato, o relatório ao qual o deputado se refere é resultado de uma vistoria do Sindmepa na Unidade Municipal de Saúde do Telégrafo. A vistoria, de acordo com a assessoria do Sindicato dos Médicos, foi realizada em junho de 2015.
A reportagem do DIÁRIO tentou contato com a Secretaria Municipal de Saúde (Sesma), mas até o fechamento desta edição, não teve retorno.
(Luiza Mello/Diário do Pará/Pararijos NEWS)

Pastor evangélico confessa ser usuário de crack

Santana: Pastor evangélico confessa ser usuário de crack
Um pastor evangélico está sendo investigado pela Polícia Civil de Santana por suspeita de ligações com o tráfico de crack na cidade. Em depoimento na 2ª Delegacia de Polícia, ele confessou ser usuário da droga.
Na semana passada, ele e mais 20 pessoas, a maioria usuários, foram conduzidos à 2ª DP depois que 38 pessoas, todas vizinhos da igreja dele, foram até a delegacia pedir que a polícia fizesse alguma coisa para acabar com a baderna atrás do templo.
“Eles não aguentavam mais a fumaça do uso de drogas, cenas de sexo, brigas, era um antro”, resume a delegada Luiza Maia, titular da 2ª DP.
Usuários levados para a delegacia na semana passada
Usuários levados para a delegacia na semana passada
O antro a que se referiu a delegada ficava atrás da Igreja Pentecostal a Colheita de Deus, num terreno que o pastor Sérgio da Gama Alfaia, que se identificava como presidente da congregação, declarou ter sido uma herança de família. Os vizinhos apelidaram o lugar de Beco do Crack, próximo a Área Portuária de Santana.
Mas atrás do prédio, que realizava cultos quase todos os dias, usuários se reuniram para fumar crack, inclusive o pastor, segundo a delegada Luiza Maia. “Ele negou ser traficante, mas confessou ser usuário de pedras de crack e que a última vez que consumiu foi no dia da batida que fizemos lá”, revela a delegada.
Alguns objetos de furto e roubo. Fotos: 2ª DP
Alguns objetos de furto e roubo. Fotos: 2ª DP
O lugar é considerado pela polícia “boca de uso”. No entanto, na operação da semana passada, a polícia encontrou dezenas de celulares e outros objetos suspeitos de serem furtados, além de cachimbos e terçados. Depois de rastreamento foi confirmado que um dos celulares era roubado. A suspeita é de que havia troca de objetos por drogas.
O site SelesNafes.Com conseguiu falar com o pastor Sérgio Gama Alfaia, de 57 anos. Apesar do depoimento que deu informando que é usuário, ele negou envolvimento e disse que há 3 anos não é mais pastor da Igreja a Colheita de Deus. Ele teria alugado o prédio para outra igreja.
“Eu entreguei o cargo depois que me separei da minha esposa. Nem sabia que isso (usuários fumando) estava acontecendo lá. Eu já providenciei o fechamento do lugar e agora a polícia está investigando”, disse o pastor que disse estar morando no Bairro Fonte Nova. Apesar disso, a delegada disse que vai indiciar o pastor no Artigo 33, parágrafo 2º, que tipifica como crime ceder lugar para uso e fomentar o consumo de drogas.
(Pararijos NEWS) 

Continuam buscas por bombeiro na floresta de Carajás

Prosseguem nesta quarta-feira (30) as buscas pelo bombeiro civil que desapareceu na última segunda-feira (28) na Floresta Nacional de Carajás, sudeste do Pará. O bombeiro foi identificado como Wilson José Nascimento e trabalhava no combate ao incêndio que atinge uma área de exploração de minério de ferro desde a sexta-feira passada.
Foto: ICMbio/ArquivoFoto: ICMbio/Arquivo
O bombeiro é chefe de equipe da empresa que faz o monitoramento de incêndios na região. Cerca de 100 homens, entre bombeiros civis e miliares, e do Exército trabalham na busca. A área é de difícil acesso, inclusive para o combate ao fogo, que avança sobre a vegetação mais baixa da região.
(Pararijos NEWS)

Estudante de direito é presa por participação em assassinato de PM no Amapá


Ocorrido em 2007: Estudante de direito é presa por participação em assassinato de PM
Uma equipe do Batalhão de Operações Especiais (Bope) prendeu nesta segunda-feira, 28, Regina de Jesus Queiroz Sanches, de 29 anos, condenada por participação na morte do policial militar William Dickson, ocorrido em 2007. Regina, que é estudante do curso de direito, foi presa por determinação da juíza de execuções penais de Macapá, Fabiana Oliveira.
De acordo com o Bope, por volta das 23 horas, ela estava na Rodovia JK estava num grupo de pessoas em atitude suspeita. Durante abordagem, os policiais descobriram que havia o mandado de prisão contra ela.
Segundo a polícia, Regina, que tinha 20 anos na época do crime, foi o pivô e a isca do assassinato. O soldado, que tinha apenas 25 aos e também era estudante de direito, teria sido vítima de um crime passional. Ele era ex-namorado de Regina, e teria sido morto por ordem de Cleiton Gonçalves da Silva, o “Caçula”, com quem ela mantinha relacionamento na época.
Wagner Pereira, o "Pato", foi condenado a 19 anos por participação. Está preso desde setembro do ano passado. Foto: arquivo SelesNafes.Com
Wagner Pereira, o “Pato”, foi condenado a 19 anos por participação. Está preso desde setembro do ano passado. Foto: arquivo SelesNafes.Com
Em setembro do ano passado, a Polícia Civil prendeu Wagner Pereira Rodrigues, o “Pato”, condenado a 19 anos de prisão por participar do assassinato e ocultação do cadáver do policial, encontrado no fundo do Rio Matapi, preso a uma roda de carro. Ele morreu afogado depois de ter sido torturado em um apartamento no Bairro Universidade.
O mandante do assassinato,  Caçula, fugiu do Iapen no mesmo ano do homicídio, e morreu em Belém durante fuga após assalto a um banco. Ele teria sofrido um tiro acidental, segundo informou a Polícia Civil do Pará.  
Regina perdeu o último recurso no processo, e estava com o mandado de prisão em aberto deste o último dia 25 de setembro.
(Pararijos NEWS) 

Mais de 170 incêndios já teriam sido registrados

Mais de 170 incêndios já teriam sido registrados (Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)
Nos últimos dias, já teriam sido registrados cerca de 170 incêndios na zona urbana de Santarém. As altas temperaturas e o vento favorecem o alastramento do fogo, principalmente em terrenos baldios e áreas de vegetação.
Para combater os focos de incêndio, os Bombeiros contam com duas viaturas florestais e duas urbanas, e mais três carros de apoio, sendo um de transporte de tropa e dois, de ataque rápido. Quando o incêndio ocorre em área afastada da zona urbana, o Corpo de Bombeiros conta com o auxílio do helicóptero Águia para identificar o local exato e assim entrar com as viaturas para debelar o fogo, como ocorreu na APA (Área de Proteção Ambiental) de Alter do Chão, na semana passada.
Medidas simples podem ser adotadas pela população para evitar incêndios na área urbana da cidade, como: não tocar fogo em terreno baldio; colocar o lixo em sacos apropriados para que sejam coletados pelo serviço de limpeza urbana; não deixar fios condutores de energia desencapados; em caso de falta de energia, não deixar velas acesas, próximo a cortinas, camas, nem de produtos inflamáveis.
Ao perceber um princípio de incêndio, o correto é ligar para 193 e acionar o Corpo de Bombeiro para debelar o fogo o mais depressa possível, e assim evitar que o incêndio fuja do controle.
(Pararijos NEWS, com informações do portal O Estado Net)

Passo a passo, Roni quer conquistar vaga no time

Passo a passo, Roni quer conquistar vaga no time (Foto: Reprodução)
Após fazer sua estreia contra o Vitória-BA, Roni quer conquistar a condição de titular. (Foto: Reprodução)
Estreante com a camisa bicolor na partida do último sábado (30) contra o Vitória-BA, o meia Roni acredita que com o ritmo de jogo adquirido poderá ajudar o Paysandu na reta final da Série B do Campeonato Brasileiro. Sábado  (3), o Papão vai a Goiânia para enfrentar o Atlético-GO.
“O ritmo de jogo se conquista a cada jogo. Espero estar à disposição do Dado Cavalcante para ajudar o time em um jogo complicado, mas com grandes possibilidades de conquistar um resultado positivo”.
“A confiança é adquirida ao longo do jogo. Contra o Vitória-BA estava voltando depois de não jogar por dois meses e a partir de agora, será diferente e apesar de estar ligado, o time precisa ter cuidados para não sofrer pressão do adversário”.
Ao lado de Sérgio Manoel, Roni foi o último a chegar na Curuzu para a sequência da segundona.
(DOL/Pararijos NEWS)

Municípios do AP à beira da falência


Crise: Municípios do AP à beira da falência
A Associação dos Municípios do Estado do Amapá (Ameap) anunciou na manhã desta quarta-feira, 30, que todas as prefeituras do Estado irão paralisar suas atividades nesta quinta-feira, 1º de outubro. O gestores assinaram um documento que eles chamaram de Carta dos Municípios, que solicita dos poderes Estadual e Federal ajuda econômica para enfrentar o período de crise.
“Os prefeitos vão fazer uma paralisação de um dia para chamar atenção para as dramáticas condições financeiras em se encontram as prefeituras. Amanhã todos os municípios estarão paralisados. Apenas os serviços essenciais vão funcionar. Chegamos a uma fase da crise em que é preciso união”, enfatizou o presidente da Ameap e prefeito de Macapá, Clécio Luís.
Robson Rocha, de Santana: arrecadação do ICMS caiu em 10% e o FPM teve redução de 38%. Fotos: Cassia Lima
Robson Rocha, de Santana: arrecadação do ICMS caiu em 10% e o FPM teve redução de 38%. Fotos: Cassia Lima
Segundo os gestores, a carta reivindica ações prioritárias para os municípios tanto no âmbito estadual quanto federal. Entre as reivindicações estão os repasses atrasados da saúde, parcelas das cotas do ICMS, responsabilidade da CEA quanto à iluminação pública e apuração devida do imposto do Simples Nacional.
“O município de Santana é um dos mais afetados pela crise. Nossa arrecadação do ICMS caiu de 22% para 12% em um ano. Isso sem contar 38% de queda do FPM. Nós queremos o apoio imediato dos governos estadual e federal”, frisou o vice-presidente da Ameap, e prefeito de Santana, Robson Rocha.
De acordo com Rocha, uma portaria do governo federal determina a redução no número de agentes de endemia dos municípios. Isso significa que em Santana, que possui 96 agentes deve ter apenas 43. Em Macapá, a perda é de 130 servidores.
Elcias Borges, de Ferreirga Gomes: Nosso déficit orçamentário chegou R$ 8 milhões este ano
Elcias Borges, de Ferreira Gomes: déficit orçamentário chegou R$ 8 milhões este ano
Em Ferreira Gomes, a situação também é crítica. “Este ano nós acumulamos um déficit de mais de R$ 8 milhões no nosso orçamento. A maior dificuldade é manter o quadro de funcionários para um atendimento mínimo, mas acontece que a receita vem caindo e não temos orçamento para manter pagamentos e contratos em dia, que só aumentam com encargos, consignados e precatórios”, ressaltou o prefeito de Ferreira Gomes, Elcias Borges.
A Carta dos Municípios foi assinada por todos os 16 prefeitos. Cópias foram encaminhadas para o governo do Estado, governo federal, Poder Legislativo, Poder Judiciário, Ministério Público e bancada federal. Os gestores ainda solicitaram uma reunião com o representante de cada poder. A ideia é fazer uma grande força tarefa de mobilização para que sejam angariados recursos para o funcionamento mínimo da máquina pública dos municípios.
(Pararijos NEWS) 

Sem conclusão de obras, alunos sofrem em escola

Sem conclusão de obras, alunos sofrem em escola (Foto: Elcimar Neves)
Alunos passam em frente ao prédio da escola onde estudavam sem saber quando reforma será concluída (Foto: Elcimar Neves)
Todos os dias, a estudante Juliana Vale, de 14 anos, passa em frente ao prédio antigo da Escola Municipal Manuela de Freitas, no bairro do Guamá, em Belém. Ela, que cursa a 6ª série do ensino fundamental nessa escola, fica decepcionada porque a reforma do prédio não tem previsão de conclusão. A placa, colocada na frente da escola pela gestão do prefeito de Belém, Zenaldo Coutinho, informa que as obras iniciaram em fevereiro de 2014, com orçamento de R$ 2,4 milhões. 
Quase 2 anos depois, porém, o espaço está abandonado, cheio de mato e com restos de materiais de construção por todos os lados. São dois pavimentos levantados, sendo um principal e um anexo, ao lado. A parte de cima tem laje, mas sem telhado. O reboco da estrutura está desabando. Enquanto a obra não é concluída, os estudantes já passaram por outros espaços, que foram alugados para continuarem tendo aulas. 
Há 1 ano, os estudantes estão alocados em um prédio na avenida José Bonifácio, mas a situação desta escola também é complicada, segundo o estudante da quinta série, Yan Daniel, de 14 anos. Ele conta que, quando tem água no bebedouro, sai quente: “O bebedouro é enferrujado e a água é ruim”.
Estudantes vinculados ao programa Educação de Jovens e Adultos (EJA) tiveram de ser remanejados para outra escola próxima, por falta de espaço. Outra preocupação dos estudantes é quanto aos banheiros. No ambiente, de acordo com Yan Daniel, existe uma pia quebrada e um vaso que está interditado desde maio deste ano. 
Para o coordenador do Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Pará (Sintepp), Cleber Rezende, as escolas municipais possuem péssimas condições de infraestrutura, o que reflete na falta de qualidade da educação em Belém. Esta é uma das constantes reivindicações da categoria, que, segundo ele, não tem tido avanços junto ao prefeito de Belém, Zenaldo Coutinho. A Secretaria Municipal de Educação foi procurada, mas não se manifestou até o fechamento desta edição.
(Wal Sarges/Diário do Pará/Pararijos NEWS)

MPE denuncia 4 bombeiros



O Ministério Público do Estado do Pará (MPPA), por intermédio da Promotoria de Justiça Militar, denunciou ontem quatro militares do Corpo de Bombeiros por falso testemunho, descumprimento de missão e falsidade ideológica, crimes ligados ao incêndio ocorrido no Hospital do Pronto-Socorro Municipal Mário Pinotti em junho deste ano. Os autos de Procedimento Investigatório Criminal foram instaurados no âmbito do Núcleo de Combate à Improbidade Administrativa e Corrupção do Ministério Público, em conjunto com a 2ª Promotoria de Justiça Militar. Os denunciados são o coronel Nahum Fernandes da Silva, coronel Geraldo Pantoja de Menezes, o major Charlyston Wytting Cardoso de Souza e o primeiro-tenente Alex dos Santos Lacerda. “Denúncias veiculadas em órgão de imprensa local de que militares do Corpo de Bombeiros teriam retido um laudo constatando irregularidades no Hospital do Pronto Socorro Municipal Mário Pinotti, bem como não adotaram as medidas cabíveis a fim de interditar o referido hospital, configurando em tese, ilícito penal descrito na lei penal militar e ato de improbidade administrativa, potencializando o incêndio ocorrido no dia 25 de junho que resultou na interdição parcial do hospital em tela”, esclarece a denúncia.
Antes do incêndio, o Ministério Público Federal requisitou ao Comando Geral do Corpo de Bombeiros Militar que realizasse vistoria nas condições dos equipamentos de combate a incêndio do Hospital do Pronto Socorro Municipal Mário Pinotti. Em razão disso, o coronel Geraldo Menezes, então diretor de serviços técnicos do Corpo de Bombeiros Militar, designou o segundo-tenente Sandro da Costa Tavares e o soldado Sandro Gonçalves do Nascimento como vistoriadores. A inspeção foi realizada dia 16 de janeiro de 2014. A Secretaria Municipal de Saneamento (Sesma) deveria cumprir 24 determinações para obter a concessão do Auto de Vistoria Técnica do Corpo de Bombeiros Militar (AVCB) e solicitar nova vistoria após a conclusão de todos os serviços no prazo de até 30 dias.
O então diretor do HPSM da 14, Sérgio Amorim, após tomar conhecimento dos fatos, procurou o coronel Menezes e solicitou mais 30 dias de prorrogação para cumprir as determinações do Corpo de Bombeiros Militar. Após o esgotamento de todos os prazos, o tenente Sandro retornou ao HPSM da 14 e constatou que nenhuma das medidas exigidas no parecer de vistoria técnica havia sido cumprida pela gestão do HPSM. O oficial informou o ceronel Menezes sobre os fatos. Além disso, possivelmente duas pacientes teriam falecido em decorrência do incêndio. “Dessa forma de acordo o material probante trazido à colação, se as exigências do laudo de Vistoria Técnica tivessem sido cumpridas pela gestão do HPSM da 14, ou seja, se a Diretoria de Serviços Técnicos do Corpo de Bombeiros adotasse uma postura proativa exigindo da gestão municipal o cumprimento dessas exigências o “sinistro” seria facilmente contido por uma brigada de incêndio que não existia no momento. Isto ficou bastante evidenciado principalmente no histórico de ocorrência do comando operacional o qual concluiu e repita-se que o agravamento da situação se deu não somente pelas condições frágeis das pacientes e pela ausência de um sistema preventivo eficiente que eliminasse o risco à vida, pois a ausência de medidas passivas e ativas dificultaram o serviço das guarnições”, explica a Promotoria de Justiça Militar.
Após o incêndio, foi realizada inspeção que resultou no laudo de exame em local de incêndio elaborado pelo major Charlyston Wytting Cardoso Sousa e primeiro-tenente Alex dos Santos Lacerda. De acordo com este laudo, o incêndio havia ocorrido na sala de cirurgia 02, bloco cirúrgico por natureza físico-química, com falha no funcionamento eletromecânico da central de ar unidade interna (evaporadora). A empresa Persan Engenharia, responsável pela manutenção de ar-condicionado, havia alertado a administração do HPSM, no dia anterior ao incêndio, para a precariedade das instalações elétricas do prédio, pois, segundo representante da empresa, “os fios eram inadequados para a espessura do cabo exigido, bem como no quadro não havia disjuntores”. Essa informação, porém, não foi inserida no laudo de incêndio feito pelos major Charlyston Wytting e tenente Alex Lacerda.
(Pararijos NEWS)

Mãe e filho enganam fãs de música gospel em Belém

Mãe e filho foram presos acusados de vender pelo menos 500 ingresso para  show gospel inexistente que seria realizado no Campo da Terra Firme, na noite da última sexta-feira, 25. Maria Dalva Cardoso e Bruno Cezar Cardoso Bahia organizaram o evento “Louvor Gospel”, cuja atração principal seriam as cantoras Bruna Karla e Cassiane, que nunca souberam de tal evento. Os dois chegaram a fazer faixas, cartazes e confeccionaram 2 mil ingressos. A venda era feita numa loja de confecções do bairro, dando a ideia de legitimidade. Porém, quando o público chegou ao local, encontrou apenas com um aviso de que o evento havia sido “cancelado por motivo de força maior”, mas sem qualquer orientação para reaver o dinheiro do ingresso. Ambos foram autuados por estelionato.
O crime foi registrado, inicialmente, na Unidade Integrada Pro Paz (UIPP) da Terra Firme, onde Maria e Bruno foram levados para depor e ficaram detidos. Ambos estavam no local onde o show ocorreria, mas se recusavam a devolver o dinheiro. Pelo menos 200 pessoas tumultuavam a entrada da unidade e tentaram invadir o prédio para agredir os falsos empresários”. Foi necessário reforço policial para conter o tumulto e somente seis pessoas resolveram registrar a ocorrência com relatos diversos e alguns casos que comoveram os policiais da UIPP, como o de um ajudante de pedreiro que gastou quase o que tinha  para levar toda a família ao show: dez ingressos ao preço total de R$ 250, dinheiro conseguido após muitas horas extras de serviço. A Divisão de Investigações e Operações Especiais (Dioe) assumirá o caso.
Com a quantidade de ingressos que Bruno vendeu durante um mês ele conseguiu R$ 12,5 mil. O dinheiro, alega, seriam usadoo na reforma de uma igreja localizada em São Brás, próximo ao Terminal Rodoviário de Belém, só que nunca entregou nem um centavo ao pastor responsável pelo templo. Ao proprietário do campo, onde o show seria realizado, os acusados pagaram R$ 1,5 mil, além de R$ 920 para os propagandistas que anunciavam o show pelo bairro e mais cerca de R$ 100 para confecção dos ingressos e do material visual de divulgação. “Foi por uma boa causa”, disse Bruno.
Maria disse que entregou o dinheiro para a confecção do material, porém, não questionou o filho sobre mais detalhes do que iria fazer e nem sabia dizer quem eram os artistas que iriam se apresentar no evento, porém, chegou a ajudar na venda dos ingressos na última semana. Todo o dinheiro era entregue  a Bruno, que não prestava contas de nada. Ela disse ter se arrependido da própria ingenuidade que a levou a “enganar pessoas de bem e evangélicas”, garantindo que se soubesse tratar-se de um golpe e que resultaria na condução dela a uma delegacia, jamais teria aceitado a tarefa. Ambos nunca haviam sido presos ou processados.
“Vou correr atrás do meu prejuízo. Bati muito mais massa e carreguei muito mais aterro do que podia para bancar”, relatou o ajudante de pedreiro, que terá a identidade preservada. Ele e outras pessoas que registraram ocorrência acharam que a venda dentro de uma loja dava credibilidade ao show, mas ninguém viu propagandas mais amplas, como TV e internet. Também não desconfiaram que a artista faria um show num local tão pequeno. Na página dela no Facebook, a cantora até estava no Pará, mas em Pacajá e no dia 24. Dia 25 ela teria um show noutro local.
(Pararijos NEWS)

Jon Jones é condenado



Ontem, Jon Jones deu um passo importante para definir seu futuro. O ex-campeão dos meio-pesados, que está suspenso do UFC após se envolver em um acidente de trânsito, compareceu ao tribunal de Albuquerque, Novo México (EUA), para se declarar culpado pelo atropelamento que cometeu em abril e foi sentenciado pelo juiz Charles Brown a 18 meses de liberdade condicional.
“Assumo minha responsabilidade pelo que ocorreu. Espero que tenha uma oportunidade para me redimir dos meus erros”, garantiu o americano, que admitiu à corte estar “envergonhado” com o que aconteceu, segundo o site americano “MMA Fighting”.
O lutador, nesse incidente, além de não socorrer uma mulher grávida e fugir da polícia, tinha drogas em sua posse. Dessa maneira, além da pena de 18 meses de liberdade condicional, ele também terá que cumprir 72 horas de palestras educacionais a crianças. Segundo a publicação do site americano, o presidente do Ultimate, Dana White, estava acompanhado toda a audiência para dar apoio ao lutador, mas não quis dar nenhuma declaração.
Não ficou claro se, sob os termos da liberdade condicional, seria permitido a Jon Jones voltar a lutar imediatamente. O UFC lançou comunicado oficial em que promete revisar os termos antes de considerar reinstituir o lutador ao seu elenco. “A organização do UFC está ciente que Jon Jones chegou a um acordo com as autoridades em Albuquerque, Novo México, nesta manhã, sobre as acusações associadas a um acidente automobilístico neste ano. Como resultado, o UFC, através da firma de direito de Las Vegas Campbell & Williams, vai revisar minuciosamente o acordo antes de discutir a possível reinstituição de Jones para retornar à competição” diz o texto.
Jones também enviou comunicado oficial à imprensa: “A respeito da decisão tomada pelo tribunal hoje, estou muito feliz em poder colocar este incidente no passado. Minhas ações causaram dor e inconveniência às vidas de outros e, por isso, sinto de verdade e aceito total responsabilidade. Venho trabalhando duro durante este tempo longe do esporte para crescer e amadurecer como homem, e para garantir que nada do tipo aconteça novamente. Aprendi demais com esta situação e estou determinado a me tornar uma pessoa melhor por causa disso. Eu peço desculpas àqueles que foram afetados por minhas ações neste incidente e estou esperançoso que receberei a oportunidade de me redimir nos olhos do público, da minha família e amigos, além dos meus apoiadores. Não tenho certeza de o que o futuro guarda para mim, mas planejo continuar a fazer o trabalho necessário para ser produtivo e bem sucedido em todos os aspectos da minha vida.”
DROGAS
Ainda neste ano, Jon Jones já tinha sido flagrado em exame antidoping por uso de cocaína, mas não recebeu nenhuma suspensão, por essa droga não ser considerada para melhorar rendimento. No entanto, após mais um erro do americano, o UFC decidiu afastá-lo por tempo indeterminado.
Jon Jones era o número um do ranking peso por peso do Ultimate e um dos atletas mais bem remunerados da organização. O lutador, de 28 anos, tem 21 vitórias e apenas uma derrota na carreira. Além disso, o americano defendeu por oito vezes o cinturão dos meio-pesados. A última vez que pisou no octógono foi em janeiro deste ano, no UFC 182, em Las Vegas (EUA), quando derrotou o compatriota Daniel Cormier por decisão unânime dos juízes.
(Pararijos NEWS)

Policiais fazem desocupação de terreno de Icoaraci

Policiais fazem desocupação de terreno de Icoaraci (Foto: Wagner Almeida/Diário do Pará)
(Foto: Wagner Almeida/Diário do Pará)
Policiais Militares e da Rotam participam na manhã desta terça-feira (30) da ação de desocupação do conjunto Vila dos Inocentes, localizado na Estrada Velha do Outeiro, no distrito de Icoaraci, em Belém.
Segundo os policiais militares do local, o ato faz parte de uma ação de reintegração de posse do terreno onde o conjunto foi erguido. Ainda de acordo com os PMs, os moradores do local não apresentam resistência à desocupação.
Os policiais não souberam informar o números de famílias que moram no local.
(DOL/Pararijos NEWS)

PMDB quer sete ministérios no governo


Às vésperas de concluir sua reforma ministerial, a presidente Dilma Rousseff demitiu por telefone o ministro da Saúde, Arthur Chioro, prometeu dar sete ministérios ao PMDB e voltou a ser pressionada para substituir o petista Aloizio Mercadante na chefia da Casa Civil. O partido, que controla hoje seis ministérios, negocia com Dilma a ampliação de seu espaço no governo em troca de garantias de apoio à petista no Congresso.
Ontem, Dilma indicou cedo ao vice-presidente Michel Temer que pretende ampliar de seis para sete ministérios a cota do PMDB no governo. Já está definido que os senadores Eduardo Braga (Minas e Energia) e Kátia Abreu (Agricultura) serão mantidos. Dois deputados do partido entrarão no ministério. Para a Saúde, o mais cotado atualmente é o deputado Marcelo Castro (PMDB-PI), que é médico. A segunda pasta ainda está sendo negociada. As opções são a Cultura, o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior e o da Ciência e Tecnologia.
Do grupo de Temer, Eliseu Padilha deve continuar na Aviação Civil e Henrique Eduardo Alves no Turismo. Já Helder Barbalho, filho do senador Jáder Barbalho (PMDB-PA), deve trocar a Pesca, que será extinta, pela pasta dos Portos, que não será mais fundida com Aviação Civil. Caso deixe a Casa Civil, Mercadante pode voltar para a Educação e ser substituído por Jaques Wagner (Defesa). Para o seu lugar, iria Aldo Rebelo, hoje na Ciência e Tecnologia. Pasta que estava sendo oferecida tanto ao PMDB como ao PSB, que já comandou a área e Dilma quer atrair de volta para o governo.
A intenção de Dilma é anunciar as mudanças amanhã (1º), quando espera que o Congresso já tenha votado e mantido vetos presidenciais impostos a projetos que aumentam os gastos públicos, como o que reajusta o salário dos servidores do Judiciário. A informação é do portal da Folha. Mas, de acordo com o portal do Estadão, a conclusão da reforma ministerial precisa ser feita até hoje, ou a bancada do PMDB na Câmara poderá barrar a votação do restante dos vetos presidenciais previstos para entrar em pauta.
O líder do partido na Casa, deputado Leonardo Picciani (PMDB-RJ), já sofre pressões dos colegas por uma definição da presidente Dilma Rousseff. Sem a reforma, o processo se arrastará por mais uma semana. O mais importante é o do aumento aos servidores do Judiciário. O texto aprovado no Senado e vetado por Dilma prevê aumento de 53% a 78,56% – concedido de acordo com a função exercida por cada servidor. O aumento cria um impacto financeiro de R$ 25,7 bilhões para os próximos quatro anos e, depois desse período, passaria dos R$ 10 bilhões por exercício.
Dos nomes indicados pela bancada do PMDB para a composição do novo ministério, a expectativa maior está entre os deputados Marcelo Castro (PMDB-PI) e Manoel Júnior (PMDB-PB) para o Ministério da Saúde. Para integrantes do partido, se Dilma optar por Castro poderá desagradar ao presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), já que ele é tido como um deputado “governista”. Embora não seja uma indicação direta de Cunha, Manoel Jr. tem trânsito melhor para o presidente da Casa. Após a reforma, o partido pode ficar com sete pastas. O importante para o PMDB é que exista igualdade de indicações entre o Senado e a Câmara.
(Pararijos NEWS)