Google+ Badge

sexta-feira, 29 de janeiro de 2016

Merendeira do Pará ganha prêmio nacional

Merendeira do Pará ganha prêmio nacional (Foto: Divulgação/ MEC)
A receita de Arlete da Silva (centro da foto) foi considerada a melhor da região Norte. (Foto: Divulgação/ MEC)
A merendeira Maria Alerte da Silva, do município de Parauapebas, no sudeste paraense, foi a vencedora da região Norte no concurso Melhores Receitas da Alimentação Escolar, realizado ontem. Ela venceu com o prato arroz de cuxá com charque. Arlete foi uma das escolhidas entre mais de 2 mil inscritas. A merendeira e as vencedores das outras regiões levaram para casa o prêmio de R$ 5 mil e uma viagem para o Chile, com direito a acompanhante.
Anteontem, na 4ª e última etapa do concurso, as merendeiras prepararam a receita para um júri. Além dos critérios considerados nas etapas anteriores, como viabilidade na alimentação escolar, valorização de hábitos locais e criatividade, foram avaliados aroma, apresentação, sabor, textura e cor do prato. “O nível das receitas foi altíssimo. As participantes aliaram técnica ao sabor e aos nutrientes que um prato deve ter”, disse a chef de cozinha e jurada Renata Carvalho.
O secretário executivo do Ministério da Educação (MEC), Luiz Cláudio Costa, destacou a importância do trabalho das merendeiras nas escolas do País. “Para muitas crianças, esse é o único alimento do dia”, disse, ao ressaltar que serão investidos este ano, no Programa Nacional de Alimentação Escolar,
R$ 3,9 bilhões. O concurso foi promovido pelo MEC, em parceria com o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).
Prato garantiu o título de uma das melhores merendas escolares do Brasil. (Foto: Divulgação/ MEC)
Confira a receita de arroz de cuxá com charque:

• 1 Ramo/maço de Cuxá, molho
• 320 Gramas (g) de Arroz, tipo 1, cru
• 100 Gramas (g) de Cebola, crua
• 100 Gramas (g) de Pimentão, verde, cru
• 100 Gramas (g) de Tomate, vermelho, maduro, cru
• 4 Unidade média de Alho, cru
• 1 Ramo/maço de Folha de coentro, crua
Corte o charque em pedaços pequenos e deixe ferver por 20 minutos para retirar o excesso de sal. Em seguida escorra e reserve.
Em uma panela refogue o charque já dessalgado. Acrescente o alho, a cebola, tomate, pimentão, 3 unidades de pimenta de cheiro e o cuxá cortado em pedaços pequenos. Mecha bem. Acrescente o arroz, o sal e a água e deixe cozinhar em fogo médio até que o arroz esteja cozido.
(Diário do Pará/Pararijos NEWS)

quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

Trio é morto em apartamento


Três pessoas foram assassinadas a tiros dentro de um apartamento, anteontem à noite, no município de Santa Izabel do Pará, nordeste do Estado. As vítimas - dois homens e uma mulher - foram baleadas várias vezes com arma de calibre ponto 40 e há indícios de que integrassem uma quadrilha especializada em roubos a bancos. Dois homens numa moto foram vistos na cena do crime e fugiram logo em seguida. O imóvel foi totalmente revirado, como se os assassinos estivessem procurando por algo. Isso leva a Polícia Civil à linha de investigação de acerto de contas. Dois suspeitos já foram identificados.
Os dois homens na moto chegaram ao bairro Santa Lúcia, num conjunto de prédios conhecido como “Carandiru”, com acesso pela rodovia PA-140, entre 20h e 21h. Uma das vítimas, Ivaneide Tavares de Azevedo, de 35 anos, morava no último bloco, em um apartamento no segundo andar. Testemunhas disseram que ela estava na frente do bloco (no térreo) conversando com o companheiro, identificado apenas pelo prenome Cristiano, e com um homem identificado como “Zé Pequeno”, as outras duas vítimas. Os dois criminosos já chegaram atirando.
Ivaneide, Cristiano e “Zé Pequeno” correram para dentro do apartamento e foram perseguidos pelos dois atiradores. “Encontramos farta munição ponto 40. Só a Ivaneide foi morta com cinco tiros na cabeça. Havia marcas de tiro por todo o apartamento, que ficou revirado. Entraram para matar e encontrar algo. Deve ter ocorrido alguma desavença na facção e estamos investigando. A solução desse caso ainda poderá levar à prisão dos demais membros da quadrilha”, explicou o delegado Paulo Henrique Ribeiro Júnior, da delegacia de Santa Izabel.
Inicialmente, apenas os corpos de Ivaneide e de “Zé Pequeno” foram encontrados pelas poucas pessoas que correram para tentar ajudar depois que os assassinos fugiram. A mulher foi morta no sofá e “Zé Pequeno” foi executado no quarto. O filho de Ivaneide, que preferiu não ter o nome divulgado, chegou a comentar que Cristiano havia conseguido escapar. “O namorado dela também estava com eles, mas fugiu”, disse. Nem mesmo os peritos criminais tinham conhecimento do terceiro corpo. (Pararijos NEWS)

Papão lança novo manto


O Paysandu lançou, na noite de ontem, o novo uniforme a ser utilizado na temporada 2016. Com a presença de convidados, jogadores e os 800 torcedores que adquiriram a nova camisa do Paysandu, o clube revelou sua própria marca de material esportivo: Lobo. Procurando trazer novas fontes de renda para o clube a longo prazo, o presidente do clube, Alberto Maia, adiantou que a nova marca deve lançar uma série de produtos no decorrer do ano. A nova camisa  já estará disponível hoje à tarde, no espaço Sócio Torcedor, na sede social do clube. E mais: deverá ser mais barata que a do ano passado.
O Paysandu prossegue na fusão entre clube e empresa. “O nosso maior cliente é o torcedor”, declarou Alberto Maia.  Os torcedores que compraram a camisa ainda na pré-venda receberam, na noite de ontem, os kits, com o novo uniforme e um DVD com o documentário “Paysandu: 100 anos de Payxão”.
Com o kit em mãos, o casal Tiago e Cláudia Alaveron ainda analisava a nova camisa, que tem tons de azul em degradê. “Estamos satisfeitos. Está aprovado”, disse Cláudia, que é professora. Ela e os demais torcedores acompanharam o desfile das novas camisas. Subiram à passarela com o uniforme feminino as panicats Arícia Silva e Mari Gonzalez, a Baianinha. Trajando o uniforme masculino, desfilaram os jogadores Leandro Cearense, Emerson e Bruno Veiga. “Estou ansioso para a estreia, mas não para desfilar”, brincou Cearense. (Pararijos NEWS)

Justiça determina o bloqueio de R$ 9 mi do Estado

Justiça determina o bloqueio de R$ 9 mi do Estado  (Foto: Diário do Pará/Arquivo)
Inspeção feita no Hospital Municipal de Santarém constatou precárias condições de atendimento´. (Foto: Diário do Pará/Arquivo)
A Justiça de Santarém determinou o bloqueio on-line de R$ 9.012.674,99 da conta bancária da Secretaria de Saúde do Estado do Pará (Sespa), para pagamento da dívida referente ao repasse para a saúde do município. A decisão foi dada mediante uma Ação Civil Pública (ACP) ajuizada pelo Ministério Público do Estado (MPE) e foi proferida, na última segunda-feira, pela juíza da 6ª Vara Cível, Karisse Assad.

A ação foi ajuizada no dia 16 de dezembro passado. Além do bloqueio, a Justiça deu prazo de 10 dias para que o Governo do Estado comprove o repasse do valor para Santarém. Se não o fizer, terá o valor bloqueado transferido ao Fundo Municipal de Saúde de Santarém. O MPE apresentou, na ação, um relatório de vistoria realizada no Hospital Municipal de Santarém, no último dia 21, com a presença do Conselho Municipal de Saúde.

Na inspeção foi comprovada a falta de medicamentos, além do relato do médico intensivista, apontando as implicações das faltas e substituições de medicamentos na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Na vistoria, feita nos setores de UTI, urgência e emergência, farmácia, almoxarifado, reanimação e hemodiálise, foi verificado o agravamento na saúde pública. (Pararijos NEWS)

quarta-feira, 27 de janeiro de 2016

Pararijos NEWS


Preço da luz cai em fevereiro

    Diretor da Aneel, André Pepitone, diz que atualizou cálculos Diretor da Aneel, André Pepitone, diz que atualizou cálculos
Com a melhora do nível dos reservatórios das usinas hidrelétricas e uma menor projeção de aumento do consumo de eletricidade, a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) reduziu ontem, os valores das bandeiras tarifárias que serão aplicadas nas contas de luz de 2016. O órgão criou ainda um novo patamar para a bandeira vermelha, que está em vigor no País desde janeiro do ano passado.
Com a mudança, o adicional cobrado hoje nas contas de luz dos brasileiros cairá de R$ 4,50 para R$ 3,00 cada 100 quilowatts-hora (kWh) consumidos. Esse é o valor que incide sobre a agora chamada bandeira vermelha 1, um desconto de 33%. Nos cálculos iniciais da área técnica da agência, chegou-se a prever que essa bandeira custaria R$ 4,00, mas o diretor do órgão relator do processo, André Pepitone, atualizou os cálculos para obter um desconto ainda maior.
Além disso, a Aneel estabeleceu que existirá uma bandeira vermelha 2, que continuará custando R$ 4,50 para cada 100 kWh consumidos. Essa bandeira só será acionada quando as térmicas mais caras do País precisarem ser ligadas, o que não ocorre desde o fim de agosto do ano passado. Na ocasião, a própria Aneel reduziu o custo da bandeira vermelha, que até então era de R$ 5,50 para cada 100 kWh. (Pararijos NEWS)

Filho assistiu à morte dos pais

Henrique Buchinger (de verde), ao lado dos pais e do irmão, mortos cruelmente, em Altamira. Segundo o delegado Rilmar Firmino, o rapaz seria o mandante do crime.Henrique Buchinger (de verde), ao lado dos pais e do irmão, mortos cruelmente, em Altamira. Segundo o delegado Rilmar Firmino, o rapaz seria o mandante do crime.
O delegado geral de Polícia Civil, Rilmar Firmino afirmou ontem que um dos presos detidos na última segunda-feira, 25, disse, em depoimento, que Henrique Buchinger tem participação na morte dos pais e do irmão mais velho em Altamira, no sudoeste do Pará, na madrugada do dia 6 de janeiro. O jovem, por sua vez, nega participação no assassinato e disse que foi vítima da quadrilha. As informações são do G1.
Ontem, foi realizada uma audiência pública em Altamira, com a presença da Secretaria de Segurança Pública para tratar do caso. Foi durante a audiência, que o delegado Rilmar Firmino falou do depoimento que indica que Henrique Buchinger seria o mandante do crime e assistiu à morte dos pais.
A Polícia Civil prendeu mais três suspeitos de envolvimento na morte do casal Luís Alves Pereira e Irma Buchinger Alves, e do filho mais velho, Ambrosio Buchinger Neto. Os presos são Anderson de Goes Moraes, 31 anos, de apelido “Galego”, Maykon Irlan de Paiva de Souza, 19, de apelido “Rato” e Renato Silva, 19 anos. O primeiro se entregou, na segunda-feira, 25, na sede da Delegacia-Geral, em Belém. O segundo foi preso na manhã de ontem, no bairro do Distrito Industrial, em Ananindeua, na região metropolitana. E o terceiro, Renato Silva, foi localizado em Altamira na tarde de ontem. Ambos estão com mandados de prisão temporária de 30 dias decretados pela Justiça. (Pararijos NEWS)

PF deflagra 22ª fase da operação Lava Jato: Triplo X

A 22ª fase da operação Lava Jato foi deflagrada na manhã desta quarta-feira pela Polícia Federal (PF). O objetivo da ofensiva, denominada Triplo X, é cumprir seis mandados de prisão temporária, dois de condução coercitiva e 15 de busca e apreensão nas cidades de Joaçaba (SC), Santo André, São Bernardo do Campo e São Paulo (SP).
De acordo com a PF, este desdobramento da operação apura a existência de uma estrutura criminosa responsável por proporcionar a investigados a abertura de empresas off-shores e contas no exterior para ocultar e dissimular o produto dos crimes de corrupção, recursos oriundos dos delitos praticados na Petrobras.
A investigação apura ainda a ocultação de patrimônio por meio de um empreendimento imobiliário, sendo que uma das empreiteiras investigadas na Lava Jato teria se utilizado do negócio para o repasse de propina a agentes envolvidos no esquema criminoso dentro da Petrobras.
Crimes de corrupção, fraude, evasão de divisas e lavagem de dinheiro são investigados na Triplo X. Os presos serão conduzidos à Superintendência da Polícia Federal em Curitiba, no Paraná. (Pararijos NEWS)

Vereador suspeito de homicídio se entrega

Vereador suspeito de homicídio se entrega  (Foto: Reprodução)
O vereador é suspeito de envolvimento na morte do pecuarista Wagner Pereira, assassinado no ano passado. (Foto: Reprodução)
A Justiça prorrogou por mais 30 dias a prisão temporária do vereador Jailton Farias, do município de Santana do Araguaia, no sudeste paraense, suspeito de envolvimento no homicídio do pecuarista Wagner Pereira da Silva, ocorrido em junho do 2015. O parlamentar esteve foragido até a última segunda-feira (25), quando se apresentou à polícia acompanhado de seu advogado.
O pecuarista foi encontrado morto dentro a própria residência, localizada da vila Mandi, no próprio município. As investigações apontaram o cunhado da vítima, Ilson Alves de Farias, como o mandante do crime. Algumas armas utilizadas no homicídio foram encontradas na propriedade do vereador, que também está sendo acusado de posse ilegal de arma de fogo.
Além deles, também foram presos Jair José de Farias, pai do vereador, e Antônio de Castro Silva, segurança e vaqueiro de Jailton. A polícia ainda busca os foragidos Odilei Farias, irmão do parlamentar, e Cássio Barcelos Legal, pistoleiro apontado como o executor do pecuarista.
(DOL/Pararijos NEWS com informações de Otávio Araújo/Rádio Clube)

Detido com mochila “recheada” de drogas


Garoto confessou que a maconha era dele. As investigações serão aprofundadas.Garoto confessou que a maconha era dele. As investigações serão aprofundadas.
O Batalhão de Polícia Rodoviária Estadual apreendeu ontem sete tabletes de maconha na rodovia PA 150, próximo ao município de Jacundá. A droga estava no bagageiro de um micro-ônibus, que foi parado para uma revista de rotina. O entorpecente estava na mochila de um adolescente de 17 anos.
Segundo o comandante do Batalhão, tenente-coronel Denner Favacho, a guarnição de policiais militares fez a revista pessoal em cada passageiro do coletivo, e em seguida, no bagageiro. Em uma das mochilas, estavam os tabletes de maconha.
A apreensão ocorreu por volta das 9h30. “A equipe da viatura 5118 do BPRV sob o comando do primeiro-sargento Uchôa e composta pelos terceiros-sargentos Gonçalves e Castro e cabo E. Marques, em uma fiscalização na rodovia PA 150, quilômetro 325, ao abordar o veículo micro-ônibus, foi feita a revista pessoal nos passageiros, com os quais nada foi encontrado. Porém, ao fazer a revista no interior do veículo fora encontrado no porta bagagem uma mochila contendo 07  tabletes de uma substância, a qual se assemelha à cannabis sativa, conhecida como maconha”, explica.  (Pararijos NEWS)

Interno tenta fugir de presídio em Santa Isabel

Interno tenta fugir de presídio em Santa Isabel (Foto: Agência Pará)
(Foto: Agência Pará)
Na tarde de terça-feira (26), um detento que não teve o nome divulgado tentou fugir do Hospital Geral Penitenciário (HGP), localizado no Complexo Penitenciário de Santa Isabel. A informação foi confirmada pela Superintendência do Sistema Penitenciário (Susipe).
O detento simulou que estava passando mal e foi encaminhado para o setor de saúde, de onde tentou a fuga. Em nota, a Susipe também informou que policiais do Batalhão de Polícia Penitenciário (BPOP), com o apoio de agentes penitenciários, impediram a ação.
O interno foi encaminhado para a Delegacia de Santa Izabel, onde foi registrada a ocorrência.
(DOL/Pararijos NEWS)

terça-feira, 26 de janeiro de 2016

Suelen luta por mais amor


Aos 23 aninhos, a gauchinha de Porto Alegre Suelen Castro protagoniza um ensaio sensual para o “Bella da Semana”, que pode ser conferido por inteiro no site (www.belladasemana.com.br) oficial. A gata é do tipo mignon, com 1,58m de altura, 89cm de busto e 92cm de bumbum, numa cinturinha de 67cm. Caloura na faculdade de Nutrição, Suelen gostaria de ver a humanidade com muito mais amor e, principalmente, carinho com os animais abandonados. Por enquanto, ela vive preocupada em manter a boa forma: “É um pouco complicado, sim, mesmo não tendo tendência a engordar me privo de muitas coisas que gosto, como comer besteiras, ingerir bebidas alcoólicas... mas quando vejo resultado, percebo o quanto alguns sacrifícios valem a pena, além de tudo isso fazer bem à  minha saúde.”
Quando o assunto é conquista, a gata se revela exigente: “Primeiramente um homem deve me tratar com respeito, querer estar comigo (mas sem me sufocar ou ficar muito na minha cola). Não mandar flores, nem ursinhos de pelúcia (risos). Gosto disso quando já estou apaixonada, no começo sou meio complicada de lidar e até hoje poucos conseguiram passar por esta etapa.” Quanto ao sexo, Suelen vai direto: “O que me deixa muito excitada são as preliminares, gosto de ser acariciada, beijada e estimulada antes de começar a relação.” E revela suas armas de conquista: “Meu jeito de menina, meu jeito de falar olhando nos olhos, o que transmite veracidade, e meu jeito um pouco desinteressado neles. Afinal, qual homem não gosta de ser esnobado?” (Pararijos NEWS)

Menino é achado morto


O corpo de Arthur Moraes Souza, de 11 anos, foi encontrado numa mata localizada no bairro Almir Gabriel, em Marituba, no terreno do cemitério Max Domini, que fica próximo do campo de futebol conhecido como “Campo do Detetive”. O tio do menino foi informado que moradores da área tinham encontrado o cadáver e foi até lá reconhecer. As roupas eram as mesmas e as pipas com as quais o menino brincava foram encontradas também. Arthur sumiu na noite de sábado (23) e o corpo já estava em avançado estado de decomposição. Como protesto, familiares e amigos interditaram a rodovia BR-316.
Mário Campos Moraes, tio de Arthur, disse que para encontrar o corpo contou com a ajuda de oito pessoas para abrir a trilha. “Me avisaram e eu vim. Reconhecemos. É ele mesmo”, lamentou.
Próximo do cadáver foram encontradas as sandálias, mas não havia sinal da arma do crime ou qualquer pista que pudesse levar ao assassino. A área onde Arthur foi encontrado é de difícil acesso e a polícia acredita que ele tenha sido levado até lá para ser desovado. O exame necroscópico poderá apontar como ele morreu e se houve violência sexual. Desesperados, os parentes do menino não acreditavam naquilo, pois a família já havia perdido um ente para a violência: um adolescente de 16 anos, que foi assassinado.
O perito criminal Nilson Barbosa, do Centro de Perícias Científicas Renato Chaves, destacou que o corpo tinha três perfurações feitas com arma branca no peito e uma nas costas. Nada de relevante foi encontrado na cena do crime. Enquanto o corpo era colocado no carro do Instituto Médico Legal (IML), familiares e amigos aplaudiam, rezavam, choravam e gritavam por justiça. Tudo sob uma forte chuva.
Ainda não se sabe o que motivou o crime, mas a família de Arthur estava mais revoltada porque dois suspeitos, ambos adolescentes, foram apreendidos, mas liberados logo em seguida por falta de provas. Eles confirmaram que estavam com Arthur, mas disseram que se separaram do menino muito antes de a ausência dele ter sido notada.
Algumas pessoas gritaram os nomes dos adolescentes várias vezes e foram repreendidas pelos policiais civis, já que esta hostilidade pode gerar consequências graves. A mãe de um dos adolescentes informou que o filho estava sendo retirado de casa porque tentaram invadir a residência dela para atacá-lo.
A delegacia do Decouville continua investigando o crime e quem tiver informações que possam levar à solução dele pode entrar em contato por meio do Disque-Denúncia (181). A ligação é gratuita e não é preciso se identificar.
Protesto provocou congestionamento
Depois que o corpo de Arthur Moraes Souza foi encontrado, moradores do bairro Almir Gabriel reclamaram que o terreno do cemitério Max Domini é todo aberto e serve de esconderijo e rota de fuga para criminosos, inclusive fugitivos do Presídio Estadual Metropolitano (PEM). A morte do garoto não seria a primeira. O protesto, que provocou mais de três quilômetros de congestionamento no sentido Marituba-Benevides, foi realizado para cobrar providências da empresa. Um cartaz com a foto do garoto era mostrado a quem estava preso no trânsito para justificar a manifestação.
Pouco tempo depois, o gerente administrativo do cemitério, Marco Antônio Sampaio, recebeu representantes da imprensa e uma comissão formada por manifestantes para informar que ontem mesmo começariam os levantamentos para o projeto e orçamento do muro da área. Ele não soube precisar o tamanho total. “A primeira providência será construir o muro. E já estamos fazendo a limpeza do lixo ao redor do muro existente. Mas pedimos que a comunidade deixe de jogar lixo no local também, até por segurança contra os mosquitos da dengue e zika”, afirmou. Com a resposta do gerente, a manifestação foi encerrada. (Pararijos NEWS)

Pararijos NEWS


Preso sétimo suspeito pela morte de família

Preso sétimo suspeito pela morte de família (Foto: Reprodução)
(Foto: Reprodução)
O suspeito, identificado como Renato Silva e Silva, 19 anos, foi preso no início da noite desta terça-feira (26), na área urbana do município, pelo delagado Vinicius Dias e sua equipe.
Ele já estava sendo investigado e tinha mandado de prisão temporária expedido por 30 dias. Renato foi encaminhado à sede da Superintendência da Polícia Civil Regional do Xingu para prestar depoimento.
Renato, é o sétimo acusado do assassinato. (Foto: Divulgação)
Os outros suspeitos são: Henrique Buchinger (irmão e filho das vítimas), Matheus de Oliveira Costa, Francisco Denis Leite, Aguinaldo Soares, Anderson Goes Moraes e Maycon Irlan Paiva de Souza.
Mais informações em instantes.
(DOL/Pararijos NEWS)

Ciop registra mais de 1 milhão de trotes em 2015

Ciop registra mais de 1 milhão de trotes em 2015 (Foto: Arquivo/Agência Pará)
(Foto: Arquivo/Agência Pará)
Mais de 1 milhão de trotes para o 190 foram registrado em 2015, conforme balanço divulgado pelo Centro Integrado de Operações (CIOp), órgão que integra as seis instituições que compõem o Sistema de Segurança Pública do Pará, na Região Metropolitana de Belém (RMB).
O Centro basicamente realiza a mediação da comunicação entre o cidadão e as forças de segurança pública (Polícia Militar, Corpo de Bombeiros Militar, Polícia Civil, Detran, Susipe e Centro de Perícias Científicas Renato Chaves), diante das ocorrências de urgência e emergência, na área de segurança pública, na RMB.
Mais de 3.427.134 chamadas foram recebidas/entrantes em 2015. Depois de recebida a ligação, a denúncia é analisada, classificada e registrada no sistema I/CAD, o qual fica disponibilizado online para os despachantes no CIOp, setor competente que aciona oportunamente as equipes (guarnições) responsáveis para atender as ocorrências, o que no ano passado totalizou 286.972 ocorrências geradas. 
Um dos altos índices em 2015 foi o de ligações falsas para o atendimento no Ciop. Registrou-se mais de 1 milhão de trotes para o 190, isto é, cerca de 35% das chamadas para o Centro foram falsas, o que acarreta prejuízo para o serviço público e demora no atendimento de um caso real. Apesar de alto, esse índice diminuiu 7% em relação a 2014.
Entre os tipos de ocorrências registradas pelos CIOP estão 39.303 (13,70%) perturbação do sossego alheio; 27.896 (9,72%) poluição sonora; 26.333 (9,18%) ameaça; 24.890 (8,67%) roubo e 23.645 (8,24%) atitude suspeita.
(DOL/Pararijos NEWS com informações da Agência Pará)

Pará quer aumentar a produção de açaí

Estado é o maior produtor de açaí, com um  milhão de toneladas do fruto no ano de 2015Estado é o maior produtor de açaí, com um milhão de toneladas do fruto no ano de 2015
Ampliar a produção do açaí em 360 mil toneladas nos próximos quatros anos. De um lado, com o uso da técnca de irrigação em novos 10 mil hectares em terra e por outro, com o manejo e o enriquecimento de 40 mil hectares em área de várzea nas regiões do Marajó e do Baixo Tocantins, já, atualmente, as principais produtoras do fruto no Estado. Com as duas iniciativas, o Pará aumentará em um 1/3 a oferta atual de açaí, o que ajudará a regular o mercado interno e, claro, gerar excedente para a exportação. Em síntese, esse é o Programa Pró-Açaí, lançado ontem, pela manhã, na sede da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Agropecuário e da Pesca (Sedap), em Belém, em parceria com a Empraba Amazônia Oriental, Ideflor e Emater Pará. Presentes à solenidade, o senador Flexa Ribiero (PSDB Pará) e o titular da Sedap, Hildegardo Nunes, prometeram envidar esforços conjuntos para garantir competitividade aos produtores paraenses, pois Estados como Minas Gerais e Bahia começam a despontar na produção do fruto.
"Nós ainda temos no açaí um processo de comercialização muito perverso quando se olha a base. Você tem um sistema de encadeamento de atravessadores no processo, que o preço pago ao produtor, muitas vezes, fica distante do preço que se trabalha na ponta'', afirmou Hildegardo. Ele observou que é necessário que o programa trabalhe também com a organização dos produtores, sobretudo os pequenos, que, em geral, produzem por meio de grupos familiares, bem como, melhorar os canais de comercialização. "Esses são uns dos desafios que temos'', afirmou Hildegardo.
O secretário pediu a atenção especial do senador Flexa Ribeiro, para buscar junto ao governo federal o que já foi conquistado para a produção do cacau no Pará, que é a inclusão do açaí na Política de Garantia de Preço Mínimo (PGPM). "Não é que a gente queira utilizar o preço mínimo, mas ele serve de balizador para que o agricultor que está lá na ponta tenha uma referência e não se deixe explorar pelo atravessador que chega para formar um preço em razão de suas conveniências''. (Pararijos NEWS)

Jon Jones se candidata para o lugar de Werdum

Jon Jones se candidata para o lugar de Werdum (Foto: Divulgação/Site Jon Jones)
(Foto: Divulgação/Site Jon Jones)
Depois das desistências de Cain Velasquez e Fabrício Werdum da luta principal do UFC 196, o evento teve uma candidatura inesperada. O ex-campeão dos meio-pesados Jon Jones demonstrou interesse em lutar na edição do Ultimate, que será promovida no dia 6 de fevereiro.
Em resposta a postagem de um seguidor no Twitter, que perguntou se Jones lutaria, ele afirmou: “Se fosse pelo cinturão linear, eu aceitaria a luta, com certeza”.
Velasquez se machucou no final de semana e, nesta segunda-feira (25), Werdum anunciou que estava lesionado também e não poderia participar do evento.
Mas, para que isso aconteça, Werdum teria que ter seu título retirado e o duelo ficaria entre “Bones” e Stipe Miocic, que foi escalado para substituir Velasquez.
(DOL/Pararijos NEWS com informações do site Tatame)

Morta após separação: Arma do crime foi deixada ao lado

Patinha morreu porque não queria mais viver com o assassino (no detalhe). Polícia pede ajuda para prendê-lo.Patinha morreu porque não queria mais viver com o assassino (no detalhe). Polícia pede ajuda para prendê-lo.
Mariane Patrícia Silva Azevedo, de 18 anos, foi assassinada com um tiro na cabeça, no final da noite de domingo, na ilha de Mosqueiro, distrito de Belém. O companheiro dela, Fernando Santos Cardoso, mais conhecido como “Fernandinho”, é o principal suspeito do crime. O revólver 38 usado no crime foi encontrado no local próximo ao corpo da vítima. Conhecida como “Patinha”, Patrícia morreu na casa onde morava, localizada no bairro Mangueiras.
Familiares de Patinha registraram a ocorrência na Seccional de Mosqueiro e a pedidos terão sua identidade preservada. Eles disseram em depoimento que não tinha um relacionamento mais intenso com a vítima, mas disseram que moça estava separada de Fernandinho. No local do crime, ele obtiveram a informação de que o rapaz era o principal suspeito do homicídio. Desde antes do término da relação, o casal vivia brigando.
As investigações foram iniciadas pelo delegado Caio Carmello Rocha Lobo, da Seccional de Mosqueiro, que também conta com informações de vizinhos da garota para ajudar a localizar o suspeito do crime, que está desaparecido desde a morte na jovem. Basta ligar para o Disque-Denúncia (181). (Pararijos NEWS)

Quenzão: “este ano vai ser pau a pau!”.

As escolas de Samba do grupo especial estão ajustando os últimos preparativos para o desfile de Carnaval na Aldeia Amazônica Davi Miguel, na avenida Pedro Miranda, Pedreira. Os desfiles ocorrerão entre os dias 29 e 31 deste mês. Nos barracões das escolas de samba, a ansiedade é grande para deixar tudo pronto para os desfiles. Quem tem acesso aos barracões de alegorias da Escola Império de Samba Quem São Eles, do bairro do Umarizal, pode ver grandes esculturas, com mais de quatro metros de altura em processo de acabamento.
O presidente do Quem São Eles, Luiz Omar Pinheiro, guarda segredo sobre o que a escola vai levar para a avenida. Dentro da escola, há uma esperança forte pela conquista do título este ano. Na busca do troféu, a agremiação mudou o formato de trabalho este ano. “Quebrando uma tradição de longos anos, começamos a nos preparar em outubro para este Carnaval. Começávamos trinta dias antes. Dessa vez, desde outubro, temos a equipe de ferreiros trabalhando; em novembro começou a decoração, a escultura, a confecção e a costura. Por conta disso, o Quem São Eles está 97% pronto”, destacou. A escola conclui a confecção de fantasias que necessitam de maiores cuidados, como a da Ala das Baianas, da Comissão de Frente e os destaques. (Pararijos NEWS)

Suspeitos de fraudar concurso são liberados

Os suspeitos detidos por tentativa de fraude no concurso do Corpo de Bombeiros no último domingo (24), em Belém, foram liberados na segunda-feira (25), após pagamento de fiança. Dos 49 detidos, apenas três continuam presos.
De acordo com a Polícia Civil, os detidos foram autuados por tentativa de fraude. Os três que seguem presos autuados ainda por falsificação de documentos, crime superior a quatro anos, sendo afiançável apenas perante ao Poder Judiciário.
Um vídeo mostra o momento que a polícia flagra o crime em uma escola no bairro do Tenoné. Os detidos usavam celulares e fones de ouvido. O gabarito da prova estava escrito no quadro. A prova não foi cancelada. 
(DOL/Pararijos NEWS)

Paloma reina na avenida


Sabe o dito popular “não mexe com quem está quieto”? Ele se aplica perfeitamente a Paloma Bernardi, estreante no posto de rainha de bateria da Acadêmicos do Grande Rio. Apresente um desafio a ela, e o jeito meigo da atriz dá lugar a uma mulher obstinada em acertar e fazer o melhor naquilo que lhe é proposto.
É assim que, desde que foi convidada para reinar à frente dos ritmistas da bateria Invocada, em julho do ano passado, ela vem se dedicando com afinco à tarefa. Começou malhando pesado três vezes por semana. De novembro do ano passado para cá, aumentou o número de idas à academia para cinco, tem acompanhamento médico para medir o percentual de gordura no corpo, faz dieta e aula de samba. E precisa?
“Faço por causa da coreografia. Sei sambar, mas a gente vai aperfeiçoando. Sambo com um pesinho de dois quilos no pé para depois me desenvolver mais. Quero fazer a paradinha junto com a bossa do mestre de bateria”, diz ela que, além do samba no pé, tem mostrado uma barriga seca de fazer inveja a qualquer musa fitness. A receita é, além de muita abdominal e dieta, contração da musculatura da barriga enquanto está dirigindo ou assistindo TV.
Com o corpão em dia, a rainha vai apostar em uma fantasia sensual, como aliás, têm sido seus figurinos nos eventos da Grande Rio, e no ensaio “Elas brincam com as cores da folia”, do site “Ego”. A fantasia do dia do desfile promete ser uma surpresa na Passarela do Samba. (Pararijos NEWS)
 

Rainhas conhecem prêmio


As candidatas do Rainha das Rainhas 2016 visitaram ontem a Mônaco Fiat, na rodovia BR-316, em Ananindeua, e conheceram o prêmio que será oferecido para a primeira colocada: um carro Fiat Palio zero quilômetro. A programação faz parte da agenda oficial de compromissos das 22 jovens, que representam os clubes sociais de Belém, e antecede o evento. Ao som da música-tema do RR, as candidatas desfilaram charme e beleza individual e coletivamente entre os carros em exposição na loja.
A visita das candidatas também foi marcada pela emoção. Entre as consultoras de vendas da Mônaco estava Samara Soares, que foi terceira princesa do Rainha das Rainhas em 1991, representando a AABB. Na ocasião, ela pôde relembrar os momentos em que se apresentou, chegando a desfilar entre as candidatas deste ano. “O Rainha das Rainhas para mim foi a realização de um grande sonho. Até hoje, quando escuto, essa música me toca muito. Não existe Belém sem o Rainha das Rainhas. Nós comemoramos os 400 anos de Belém junto com os 70 anos do Rainhas”, disse emocionada.
Pelo segundo ano consecutivo o grupo Mônaco é patrocinador do Rainha das Rainhas, oferecendo o prêmio principal. Segundo o gerente geral da Mônaco Fiat Belém/Ananindeua, André Santiago, esta é uma parceria entre grandes grupos. O Mônaco é um dos grupos mais fortes da região e que pelo segundo ano se associa ao maior evento de carnaval do Pará. Foi um convite do grupo ORM e que pretendemos manter pelos próximos anos. O Rainha das Rainhas é um evento tradicional do Pará, que tem importância não apenas para o carnaval, mas também para a cultura da região”, ressaltou Santiago.
O diretor de marketing das Organizações Rômulo Maiorana, Guarany Jr., e a professora de dança Clara Pinto, ambos coordenadores do evento, também participaram da visita. De acordo com Guarany, a programação que antecede o evento é uma forma de descontrair e diminuir o nervosismo das candidatas antes do concurso, além de evidenciar a importância dos patrocinadores que tornam possível a realização do evento há 70 anos.
“Nós buscamos, com programações como essa, trazer as candidatas para dentro das nossas casas. Hoje (ontem) elas estão aqui na Mônaco, depois estarão na MAC e ainda estarão nas ORM. É uma forma de diminuir o nervosismo e a tensão que pode acontecer antes do evento. Além disso, é também uma forma de evidenciar a importância do patrocinador. A Mônaco, por exemplo, aposta no evento há dois anos consecutivos, e através desse apoio é que o evento chega à sua marca histórica de 70 anos”, destacou.
A agenda de compromissos das candidatas continua. Hoje, dia 26, às 10 horas, as rainhas terão um bate-papo informal na Escola de Dança Clara Pinto sobre a passarela onde irão desfilar. A partir das 18 horas, as jovens estarão no Boulevard Shopping, precisamente na loja da MAC, referência em cosméticos e que apoia o concurso, juntamente com a Gold.
Amanhã, dia 27, a partir das 17 horas, as rainhas estarão na sede de O LIBERAL, na avenida Rômulo Maiorana, no bairro do Marco. No jornal, elas conhecerão as instalações, visitando a redação e se reunirão com dirigentes da empresa de comunicação. Também amanhã, às 19h30, no Hangar, será realizado o ensaio sem cronômetro para as candidatas, reunindo a professora Clara Pinto e Adenirson Lage e dirigentes de clubes. O ensaio geral com cronômetro das rainhas será na véspera do evento, na quinta-feira, dia 28, a partir das 19h30. Na grande noite do Rainha das Rainhas, no dia 29, as rainhas chegarão ao Hangar às 19 horas, de acordo com o regulamento do concurso. (Pararijos NEWS)

Flamengo entre a ficção e a realidade

Nada de imediatismo.
Será preciso muita cautela e prudência.
O título da copinha ainda está sendo saboreado pelo Flamengo. A torcida, carente no âmbito profissional, valoriza a conquista como se fosse de gente grande.
É necessário a partir de agora saber separar as coisas.
Evidente que ganhar é sempre importante, mas o objetivo número 1 da competição sempre foi revelar jogadores para o time de cima.
A tal ‘transição’ é delicada.
O Flamengo já sofreu na pele e ‘queimou’ a geração que venceu a copinha pela primeira vez há mais de 20 anos. Se desfez de todos. Lá estavam Marcelinho, Djalminha e Paulo Nunes que saíram do clube e viraram ídolo no Corinthians, Palmeiras e Grêmio.
Ninguém vingou no time campeão da copinha em 2011.
A esperança é que Muricy Ramalho possa dar o toque de sensibilidade que faltou no passado.
Ser campeão é uma coisa, revelar é outra. Transformar esses meninos em realidade é um desafio e tanto.
5 nomes parecem certos na relação de Muricy:
O goleiro Thiago, o zagueiro Léo, os meias Ronaldo e Matheus Sávio e o atacante Felipe Vizeu.
Tomara que os 5 jogadores possam amadurecer. Tomara que sejam lançados aos poucos. Tomara que o torcedor tenha a paciência necessária.
É um mundo totalmente diferente.
O título da copinha foi apenas o início de uma longa e espinhosa estrada. (Pararijos NEWS)

Autoridades debatem alternativa imediata para o acesso ao Mangueirão

Uma delegação constituída de autoridades dos principais órgãos de segurança do Estado e do município visitou o Mangueirão e as obras do entornoUma delegação constituída de autoridades dos principais órgãos de segurança do Estado e do município visitou o Mangueirão e as obras do entorno
O Campeonato Paraense de 2016 começa neste sábado, 30, com um jogo em Santarém. No domingo, 31, será vez de Remo x Águia no Mangueirão. Ontem, uma delegação constituída de autoridades dos principais orgãos de segurança da capital esteve no estádio para encontrar uma solução quanto ao acesso ao Mangueirão, já que o trânsito em frente ao estádio, na avenida Augusto Montenegro, está fechado devido às obras do BRT e só deve ser liberado no final de fevereiro.
Tudo o que foi visto e analisado ontem pelas autoridades serviu de base para formular a proposta de ação que será apresentada amanhã, na sede do Remo, a partir das 15h. De acordo com o secretário municipal de Urbanismo, Adinaldo Oliveira, as obras em frente ao Mangueirão têm previsão de conclusão para o final de fevereiro.
Uma das alternativas, que foi apresentada pelo próprio secretário municipal, é abrir um corredor alternativo pela rodovia Transmangueirão e desviar o trânsito para o anel externo do estádio até a altura dos acessos dos portões B1, A1, A2 e A3, comumente utilizados pelo público. A ideia, segundo Adinaldo Oliveira, é a única possível neste momento, uma vez que as obras do BRT são de escavações profundas e oferecem grande risco aos pedestres, motoristas e torcedores. (Pararijos NEWS)

Polícia identifica casal acusado de agressões

Polícia identifica casal acusado de agressões (Foto: Reprodução)
(Foto: Reprodução)
Foram identificados nesta terça-feira (26) os agressores e autores do roubo ao jornalista Diogo Puget, ocorrido enquanto participava de um bloco de Carnaval no bairro da Cidade Velha, em Belém. Willam Farias Sena, vulgo “rosse ou rocinho”, puxou o cordão de Diogo, e Brenda da Conceição Carvalho, autora dos golpes nas costas, estão foragidos desde o dia do crime.
A Polícia chegou a divulgar o retrato falado do agressor. Segundo a vítima, seis homens teriam participado da ação.
Willam e Brenda - que terão as prisões preventivas solicitadas à Justiça - são companheiros e moradores do bairro Barreiro. Ambos já acumulam passagem na polícia por lesão corporal e furto.


DENUNCIE
Quem tiver qualquer informação ou o paradeiro dos criminosos pode fazer a denúncia, anonimamente, pelo 181 ou na seccional do Comércio.
(DOL/Pararijos NEWS)

Assim como Cain Velásquez, Werdum também deixou o card do UFC 196

Campeão dos pesados revela que sofreu lesão no dedo do pé direito e estiramento nas costas durante os treinosCampeão dos pesados revela que sofreu lesão no dedo do pé direito e estiramento nas costas durante os treinos
O fantasma das lesões parece estar disposto a atrapalhar a realização do UFC 196. Após a saída de Cain Velásquez da luta principal, o brasileiro Fabricio Werdum também está fora do evento. O dono do cinturão dos pesados revelou uma lesão no dedo do pé direito e estiramento forte nas costas durante a preparação para o combate. As informações são do Combate.com.
De acordo com o brasileiro, a vontade de enfrentar Velásquez era grande, mas a substituição do adversário por Stipe Miocic fez a equipe tomar a decisão de deixar o card. Em um áudio enviado para alguns membros da imprensa, Werdum destacou a preparação para o combate, marcada por lesões, e afirmou que entraria no octógono mesmo sem estar em plenas condições caso Cain Velásquez não tivesse abandonado a luta pelo mesmo motivo.
“Estou com uma fissura no dedo do pé direito, mas mesmo assim vinha treinando sem chutar. Mesmo assim eu lutaria contra o Cain Velásquez. Aconteceu a mesma coisa na nossa luta no México, quando tive uma lesão na cabeça e fiquei 40 dias sem fazer sparring e lutei da mesma forma. Sexta-feira eu machuquei as costas, tive um estiramento bem forte, e fiz massagem, fui ao médico, e hoje (segunda-feira) tentei fazer sparring, mas não consegui treinar como deveria. Por isso decidi não lutar, por não estar 100% como deveria. Se o Cain lutasse, eu lutaria, porque temos uma história, e por ele ter cancelado essa luta duas vezes anteriormente. Agora ele cancelou de novo, mas ele não tem culpa, assim como eu não tenho. (Pararijos NEWS)

Após seletiva, grupo define novas integrantes

Após seletiva, grupo define novas integrantes (Foto: Reprodução/Facebook)
Grupo é marca registrada nos jogos do Clube do Remo no Campeonato Paraense. (Foto: Reprodução/Facebook)
O torcedor azulino que for ao Mangueirão no próximo domingo terá uma novidade para o gramado. As animadoras de torcida do Leão Azul ganharam novas integrantes para a temporada 2016.
Segundo a organização, o grupo recebeu mais de 100 candidatas ao longo da seletiva. “Foi realizada uma seleção onde 16 candidatas foram aprovadas e para o teste de dança e conhecimentos gerais, 11 foram realizar a prova e quatro foram aprovadas”, disse Renata Rocha, uma das responsáveis pela AnimaLeoas.
As candidatas aprovadas foram Thifany Rocha, Camila Tavares, Glenda Santos e Natália Coelho. As quatro selecionadas tiveram melhor aproveitamento nos testes realizados na última sexta-feira (22).
(Foto: Divulgação)
“Foi uma felicidade muito grande ao saber do resultado e espero representar bem o Clube do Remo”, disse Thifany Rocha.
Passada a prova, as aprovadas vão ter outro adversário pela frente: a angústia pela estreia do Remo no Parazão, no próximo domingo (31) diante do Águia de Marabá. “Será uma semana longa e a espera pelo dia do jogo é muito grande. A família e os amigos estão numa expectativa pela gente e o que queremos é que chegue logo o dia da estreia e ver o Mangueirão lotado” relata Glenda Santos.
Com a companhia do Leão Malino, mascote do Remo, as AnimaLeoas marcam presença em jogos do Clube do Remo e encantam o torcedor remista.
(DOL/Pararijos NEWS)

Preso o quinto envolvido na morte de família

 Galego confessa que participou do crime, mas nega ter matado alguma vítima Galego confessa que participou do crime, mas nega ter matado alguma vítima
O quinto envolvido no triplo assassinato em Altamira se apresentou ontem à polícia. Anderson de Goes Moraes, de 31 anos, mais conhecido como “Galego”, fugiu para a capital paraense três dias após o crime. Ele já estava com a prisão temporária decretada pela Justiça. Segundo as investigações, o motorista desempregado teve participação ativa no crime. O acusado confessou que esteve na residência da família com os outros criminosos no dia do fato, porém negou que tivesse de fato matado uma das três vítimas. Os empresários Luís Alves Pereira e Irma Buchinger Alves e o filho mais velho deles, Ambrosio Buchinger Neto, 27, foram mortos por asfixia mecânica no último dia 7, dentro de casa, na cidade de Altamira, sudoeste do Pará.
Outros quatro homens acusados de envolvimento nos assassinatos já foram presos, incluindo o filho caçula do casal, Henrique Buchinger Alves, 25, apontado pela polícia como o mandante do crime. As investigações continuam, e segundo informações preliminares, uma sexta pessoa ainda poderá ser presa a qualquer momento. A identidade desta pessoa, no entanto, não foi divulgada. Segundo o diretor de polícia especializada da Polícia Civil (PC), delegado Sílvio Maués, as investigações caminham para uma conclusão, quando deverão ser divulgados mais detalhes sobre todos os envolvidos, motivações e participação de cada um no triplo homicídio.
Anderson de Goes Moraes morava em Altamira, onde trabalhou como motorista e estava desempregado havia seis meses. Ele veio para Belém três dias após o crime e estava hospedado na casa de parentes. Convencida da participação dele nos homicídios, a Justiça acatou o pedido da polícia e decretou a prisão temporária do acusado, que é válida por 30 dias e pode ser renovada pelo mesmo período. Policiais tentaram dar cumprimento ao mandado de prisão duas vezes, porém nas duas ocasiões ele não foi encontrado. Sabendo que era procurado e que seria preso em uma questão de dias, Galego acionou um advogado e se apresentou ontem ao delegado Sílvio Maués. (Pararijos NEWS)

Requerimento aprovado pelos vereadores de Breves

O vereador Walter Carneiro (PDT-Breves) apresentou como trabalho na Câmara Municipal de Breves um Requerimento de nº 354/2015 solicitando ao prefeito municipal que envie ao Legislativo um projeto de Lei criando a corregedoria da ouvidoria da Guarda Municipal, em atendimento o que estabelece o art. 13 da Lei Federal nº13.022 de 8 de agosto de 2014, que institui normas gerais para as guardas municipais. O nobre parlamentar teve seu pedido aprovado pelos demais companheiro de parlamento. (Pararijos NEWS)

A renovação de Neymar segue emperrada


A renovação de Neymar segue emperrada
A renovação de Neymar pode demorar mais. Isso de acordo com o próprio Josep Vives, porta-voz do conselho do Barcelona, após reunião realizada na manhã desta segunda-feira. "Nestes momento, não há nenhuma novidade a respeito. O clube está muito consciente do que precisa fazer para progredir", disse o dirigente, embora tenha destacou que a situação do brasileiro requer tranquilidade e pouco burburinho.  
Enquanto isso, alguns dos clubes mais poderosos da Europa andam à espreita, como Real Madrid e Manchester United. Eles sabem que o Barcelona não pode dar ao atacante os 20 milhões de euros anuais que ele pede sem quebrar o teto salarial determinado pelo Fair Play Financeiro da FIFA, que não permite os clubes gastarem mais de 70% do orçamento com os rendimentos dos atletas.(Pararijos NEWS)
Assim, Vives explicou que a reunião de hoje "não tratou da possibilidade de contar com um novo patrocinador para a camisa, mas é algo que preocupa muito porque é estrategicamente muito importante". Essa pode ser a chave da renovação de Neymar com o clube, que também está revisando o seu vínculo com a Nike. "Também estamos com essa pendência, e além disso estamos fora do prazo", acrescentou o porta-voz.

Estado afirma que não anulará concurso dos Bombeiros

A secretária da Sead, Alice Vianna, disse que foram impressas quatro provas diferentesA secretária da Sead, Alice Vianna, disse que foram impressas quatro provas diferentes
O concurso do Corpo de Bombeiros Militar do Pará, realizado no domingo, não será anulado. A informação foi dada, ontem à tarde, pela secretária de Estado de Administração, Alice Viana. "Por todas as averiguações efetuadas pela Polícia Civil e pela organização do concurso, em conjunto com o Estado, nós não temos nenhuma informação relevante que demonstre que o concurso precisa ser anulado. Caracteriza-se mais como uma tentativa de fraude que não obteve êxito", afirmou. A secretária disse que eram quatro tipos de prova. E que foram encontrados apenas gabaritos de uma delas, a do tipo de prova verde.
Ela explicou que o número de acertos desse gabarito, em relação ao oficial, que foi divulgado ontem, foi de apenas sete. "Para o candidato ser aprovado no concurso, ele precisa ter, no mínimo, 50% de acertos, o que significa 30 questões. Não vimos nenhum indício que macule de fato a organização do certame, que foi cercado de todos os procedimentos de segurança e de cuidados necessários à garantia de transparência do interesse público", afirmou a titular da Sead. A princípio, disse a secretária, todas as datas do concurso serão mantidas. "Divulgaremos o resultado das provas objetivas no dia 22 de fevereiro, conforme prevê o edital, para a abertura da continuidade das demais fases. É um concurso longo e complexo, que demanda quatro fases de realização em caráter classificatório e eliminatório a cada fase", acrescentou.
O delegado geral de Polícia Civil, Rilmar Firmino, disse que, na verdade, Beckembauer Freitas Lima, de 38 anos e apontado como o líder do esquema, enganou as pessoas, pois, da maneira como o plano foi arquitetado, elas jamais seriam aprovadas no concurso. "O que apuramos é que o objetivo dele era praticar estelionato contra essas pessoas que almejavam aprovação no concurso de forma fraudulenta", disse. Segundo as informações divulgadas ontem, na coletiva à imprensa, realizada no prédio da Sead, Beckembauer, para fazer a prova, apresentou documento de identidade falso, mediante adulteração de foto e assinatura. É que ele não teve sua inscrição deferida no concurso por não atender a um item do concurso (ele tem mais de 27 anos de idade). (Pararijos NEWS)

Belém é 26ª cidade mais violenta do mundo

Belém é 26ª cidade mais violenta do mundo (Foto: Wagner Almeida)
Em análise de número de homicídios por 100 mil habitantes, capital paraense ocupa 9ª posição no país. (Foto: Wagner Almeida)
Entre as 50 cidades mais violentas do mundo, Belém ocupa a 26ª posição. É o que diz a pesquisa feita por uma ONG mexicana, divulgada nesta segunda-feira (25). A capital paraense está na 9ª posição no país.
O estudo detalha que das 50 cidades com maior taxa de homicídios por 100 mil habitantes em 2015, 21 são brasileiras.
Essa lista é divulgada anualmente pelo Conselho Cidadão para a Segurança Pública e a Justiça Penal, que faz a análise de número de homicídios por 100 mil habitantes, incluindo as localidades com 300 mil habitantes ou mais. Países que vivem “conflitos bélicos abertos”, como Síria e Iraque, foram excluídos.
Fortaleza é a primeira cidade brasileira a aparecer na lista, ocupando o 12º lugar. Em seguida vem Natal, em 13º, Salvador e região metropolitana, em 14º, e João Pessoa (conurbação), em 16º.
Belo Horizonte saiu da lista, mas outras três cidades foram incluídas: Feira de Santana (27º), Vitória da Conquista (36º) e Campos dos Goytacazes (39º).
Também aparecem Maceió (18º lugar), São Luís (21º), Cuiabá (22º), Manaus (23º), Belém (26º), Goiânia e Aparecida de Goiânia (29º), Teresina (30º), Vitória (31º), Recife (37º), Aracaju (38º), Campina Grande (40º), Porto Alegre (43º), Curitiba (44º) e Macapá (48º).
O estudo é feito com base em dados oficiais ou de fontes alternativas, como ONGs.
Belém está presente na pesquisa há alguns anos. Na lista divulgada em 2013, ela estava em 26ª posição e em 2014, a capital paraense caiu duas posições, ficando em 23ª.
Veja o ranking completo das cidades mais violentas:
1° - Caracas (Venezuela) - 119.87 homicídios/100 mil habitantes
2° - San Pedro Sula (Honduras) - 111.03
3° - San Salvador (El Salvador) - 108.54
4° - Acapulco (México) - 104.73
5° - Maturín (Venezuela) - 86.45
6° - Distrito Central (Honduras) - 73.51
7° - Valencia (Venezuela) - 72.31
8° - Palmira (Colômbia) - 70.88
9° - Cidade do Cabo (África do Sul) - 65.53
10° - Cali (Colômbia) - 64.27
11° - Ciudad Guayana (Venezuela) - 62.33
12° - Fortaleza (Brasil) - 60.77
13° - Natal (Brasil) - 60.66
14° - Salvador e região metropolitana (Brasil) - 60.63
15° - ST. Louis (Estados Unidos) - 59.23
16° - João Pessoa; conurbação (Brasil) - 58.40
17° - Culiacán (México) - 56.09
18° - Maceió (Brasil) - 55.63
19° - Baltimore (Estados Unidos) - 54.98
20° - Barquisimeto (Venezuela) - 54.96
21° - São Luís (Brasil) - 53.05
22° - Cuiabá (Brasil) - 48.52
23° - Manaus (Brasil) - 47.87
24° - Cumaná (Venezuela) - 47.77
25° - Guatemala (Guatemala) - 47.17
26° - Belém (Brasil) - 45.83
27° - Feira de Santana (Brasil) - 45.50
28° - Detroit (Estados Unidos) - 43.89
29° - Goiânia e Aparecida de Goiânia (Brasil) - 43.38
30° - Teresina (Brasil) - 42.64
31° - Vitória (Brasil) - 41.99
32° - Nova Orleans (Estados Unidos) - 41.44
33° - Kingston (Jamaica) - 41.14
34° - Gran Barcelona (Venezuela) - 40.08
35° - Tijuana (México) - 39.09
36° - Vitória da Conquista (Brasil) - 38.46
37° - Recife (Brasil) - 38.12
38° - Aracaju (Brasil) - 37.70
39° - Campos dos Goytacazes (Brasil) - 36.16
40° - Campina Grande (Brasil) - 36.04
41° - Durban (África do Sul) - 35.93
42° - Nelson Mandela Bay (África do Sul) - 35.85
43° - Porto Alegre (Brasil) - 34.73
44° - Curitiba (Brasil) - 34.71
45° - Pereira (Colômbia) - 32.58
46° - Victoria (México) - 30.50
47° - Johanesburgo (África do Sul) - 30.31
48° - Macapá (Brasil) - 30.25
49° - Maracaibo (Venezuela) - 28.85
50° - Obregón (México) - 28.29
(DOL/Pararijos NEWS)

Escrivão morre em acidente


O escrivão Douglas Volney Oliveira, de 32 anos, da turma de 2010 da Polícia Civil do Pará, morreu em um acidente de motocicleta, na avenida Centenário, no bairro do Bengui, na noite de sábado (23). O policial estava lotado no município de Soure, mas tinha residência em Belém, onde passava as folgas. Foi informado à imprensa, no local do acidente, que ele se desequilibrou nas tartarugas de sinalização da via e a moto virou.
Ednaldo Silva é mototaxista e trabalha em um ponto em frente a um shopping, perto do local do acidente. Ele disse que a vítima trafegava na Centenário, no sentido Júlio César-Augusto Montenegro, quando ocorreu o acidente. “Eu não cheguei a ver, mas um ciclista que passava por aqui disse que ele estava em alta velocidade e, quando passou por essas tartarugas, se desequilibrou e capotou. A moto caiu por cima dele”.
Alguns membros da Polícia Civil do Pará passavam pela avenida e pararam para socorrer a vítima do acidente. Eles se surpreenderam quando perceberam que se tratava de um colega de profissão. “Eu estava passando por aqui e vi um colega da polícia parado próximo ao acidente. Com isso, resolvi estacionar para saber se ele estava precisando de alguma ajuda. Foi quando ele disse que a vítima era o escrivão Volney. Uma pena, um rapaz tão jovem”, lamentou a delegada Vanessa Lee, da Delegacia de Prevenção e Repressão a Crimes Tecnológicos (DPRCT).
Além de colegas de profissão, amigos de Douglas Volney Oliveira foram ao local do acidente e disseram que ele estava a caminho da residência dele, na rodovia Augusto Montenegro. Eles pareciam não acreditar no ocorrido. O corpo do policial foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML), para passar por necropsia. Informações sobre o velório e o enterro não foram divulgadas. (Pararijos NEWS)

Acusado por morte da família Buchinger se entrega

Acusado por morte da família Buchinger se entrega (Foto: Antonio Melo)
(Foto: Antonio Melo)
Se entregou ontem (25), o quinto acusado de envolvimento do caso da família Buchinger, asfixiado em Altamira no último 7. O homem identificado como Anderson Goes Moraes, 31 anos, se entregou em Belém pela manhã.
De acordo com a Polícia Civil, o acusado participou ativamente do crime, entrou na casa onde ocorreu as mortes e foi piloto de fuga. A primeira pessoa a ser agarrada pelo bando foi Chiara, filha do casal assassinado e sobrevivente.
Anderson Goes Moraes participu ativamente do assassinato da família Buchinger. (Foto: Divulgação)
Ele e mais quatro pessoas, incluindo o filho do casal assassinado, estão sendo acusados do crime.
Anderson, que foi apresentado pela polícia em coletiva de imprensa na noite de ontem (25), já tinha um mandado de prisão temporária expedido, pela suspeita de participação no crime. Duas tentativas de prisão haviam sido realizadas, mas sem êxito.
O acusado disse que estava na casa no momento em que a família foi rendida, mas que não matou nenhuma das vítimas.
“Ele teve participação direta no crime, mas nega ter executado alguém. Ele também mencionou algo sobre ajuste de preços”, afirmou o diretor de Polícia Especializada, delegado Silvio Moraes, que está à frente do caso.
Desempregado há seis meses e morador de Altamira, Anderson trabalhava no município como motorista e alegou que não conhecia a família assassinada. Após 3 dias da grande repercussão do crime, o acusado partiu para Belém e estava na casa de parentes da esposa.
“Ele colaborou com as investigações e o seu depoimento se encaixa com dos outros acusados”, ressaltou o delegado Silvio Moraes.
(DOL/Pararijos NEWS com informações de Thamyres Nicolau/Diário do Pará)

Papão apresenta Lucas


Paysandu apresentou mais um reforço para temporada: o meia Lucas atuou na última temporada pelo Vasco, além do Sampaio Corrêa (MA) e Friburguense (RJ). O jogador também atuou pelo Macaé em 2013, ano em que enfrentou o Paysandu pelo Campeonato Brasileiro da Série C, quando ambos conseguiram o acesso. Naquele ano, porém, o Paysandu foi derrotado pelo Macaé na final do campeonato no estádio do Mangueirão. O meia faz um treinamento específico para o recondicionamento físico junto dos jogadores Flávio e Bruno Veiga.
O meia de 27 anos tentará ocupar a posição mais disputada dentro do Paysandu. Até agora, o clube já anunciou os meias Vélber, Celsinho, Djalma, Raphael Luz, Bruno Smith e John César. Em toda a sua carreira, iniciada em 2006 ainda no sub-20 do Friburguense, o meia marcou 26 gols. Além do título da série C do Brasileiro, Lucas foi campeão do Cariocão do ano passado quando atuava pelo Vasco. Este ano, até iniciou uma negociação com clube que o revelou, o Friburguense, mas acabou fechando com o Paysandu. (Pararijos NEWS)

PRF apreende madeira ilegal no sudeste do Pará

PRF apreende madeira ilegal no sudeste do Pará (Foto: Divulgação/PRF)
Madeira foi aprendida durante fiscalização da PRF, no sábado (23) (Foto: Divulgação/PRF)
A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu no sábado (23), no quilômetro 187 da rodovia BR-230 próximo ao município de Itupiranga região sudeste do Pará, 58 metros cúbicos de madeira que estava sendo transportada ilegalmente.
Durante a fiscalização, o condutor identificado por Tarcísico Caetano de Amorim, 39 anos informou que estava transportando madeira do tipo Acapu e Cupiuba, e segundo a Guia Florestal o volume da carga era de 40 metros cúbicos. Os agentes constataram que havia um excedente de 18, 34 metros cúbicos e o volume total transportado era de 58,34 metros cúbicos.
Como o procedimento é considerado crime ambiental, a carreta e a carga de madeira foram apreendidas, o caminhoneiro foi detido e liberado mediante a assinatura de Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO), com compromisso de comparecer em juízo em data e hora definidos pelo Poder Judiciário.
Durante as averiguações, o caminhoneiro informou que a referida madeira foi embarcada na serraria Comércio Indústria de Madeiras Oliveira, localizada no município de Uruará (PA), e seria transportada para o município de Vitória da Conquista na Bahia.
(DOL/Pararijos NEWS com informações da PRF)

segunda-feira, 25 de janeiro de 2016

Pararijos NEWS


Açaí terá aumento de 360 mil toneladas


A produção do açaí vai aumentar em 360 mil toneladas anuais nos próximos oito anos, com a expansão em um terço da área atualmente cultivada, conforme planejamento elaborado pela Secretaria de Desenvolvimento Agropecuário e da Pesca (Sedap) a partir do Programa Pró-Açaí, que será lançado hoje, em Belém. Hoje, o Pará é o maior produtor nacional de açaí, com 154 mil hectares de área plantada e manejada em 12,8 mil propriedades rurais distribuídas em todo o estado, com produção anual de um milhão de toneladas de frutos. A partir do Pró-Açaí, a Sedap vai expandir em 50 mil hectares a área cultivada com fruto no período de 2016 a 2020, gerando um ganho de 36% na produção até 2024, quando todas as novas áreas cultivadas estarão produzindo de forma plena.
O programa Pró-Açaí foi elaborado pela Sedap, em parceria com a Embrapa, Ideflor-Bio e Emater. A meta do projeto é implantar 10 mil hectares de açaizeiros nas regiões de terra firme, na forma de cultivo solteiro ou em Sistemas Agro-Florestais (SAFs). A proposta, em terra firme, é aproveitar apenas as áreas já abertas pela ação humana - como pastagens abandonadas - e envolver mil produtores rurais, de pequeno, médio e grande porte, utilizando, entre outras tecnologias, a irrigação. Já nas áreas de várzea, onde se concentra atualmente a maior parte da produção paraense, a meta do Pró-Açaí até 2020 é ampliar as técnicas de manejo e de enriquecimento em 40 mil hectares de açaizais envolvendo 10 mil produtores familiares das regiões do Marajó e Baixo Tocantins.
No ano retrasado, apenas as vendas externas do produto injetaram mais de R$ 225 milhões na economia estadual. A demanda continua crescente e a produção local não consegue atender de forma satisfatória ao aumento da procura pelo fruto, o que culmina, entre outros fatores, na carestia preço. "Um dos pontos importantes do programa é a incorporação de tecnologia ao processo. Nas áreas de terra firme, por exemplo, a ideia é triplicar a produtividade com o uso de irrigação, passando das atuais quatro toneladas de frutos por hectare, em média, para uma média de 12 toneladas de frutos colhidos por hectare", explica o diretor de Agricultura Familiar da Sedap, Luiz Pinto.
Outro aspecto observado pela Sedap para implantação do programa é a expansão da cadeia produtiva, que trará ganhos sociais com a criação de mais três mil empregos diretos e 12 mil indiretos em área de terra firme e de cinco mil ocupações produtivas diretas e de outras 20 mil ao longo da cadeia, nas áreas de várzea. O ganho social é, na opinião do secretário de Desenvolvimento Agropecuário e da Pesca, Hildegardo Nunes, o principal trunfo do programa. "A cadeia do açaí permite uma rápida incorporação de renda para os produtores familiares. É nítida a ascensão social das comunidades, especialmente as ribeirinhas, onde há extração e manejo de açaí em função do aumento da demanda pelo fruto", avalia o titular da Sedap.
O secretário explica ainda que, além da geração de emprego e renda, o programa visa promover o manejo e o enriquecimento dos açaizais de várzea, estimular o desenvolvimento sustentável das regiões produtoras, e expandir o cultivo do açaizeiro em Sistemas Agro-Florestais (SAF), com foco na recuperação de áreas degradadas em terra firme. (Pararijos NEWS)

Sem perder a majestade


Clara Paixão, a Rainha do Carnaval do Rio de Janeiro, fez um ensaio para comemorar a chegada da folia na cidade. A morena, que está ocupando o posto pelo segundo ano, mostrou por que conseguiu ser reeleita mostrando toda sua beleza e curvas em fotos com uma fantasia bem colorida e cheia de penas.
Aos 32 aninhos, Clara é mãe de uma menina de 11 e, em entrevista ao site “Ego”, no ano passado, revelou que não curte malhar: “Odeio academia! Sou filha de sambista e nasci sambando. Não há malhação melhor”, garantiu. A rainha é filha de Carlão Elegante -que era compositor da Unidos de Lucas- e da ex-passista Cristina Paixão. E, pelo jeito, sua filha, Chiara, vai pelo mesmo caminho. “Aos 2 anos e meio ela já sabia dançar gafieria e desfila na Mangueira do Amanhã, como musa da escola mirim. Acho que essa coisa do samba é mesmo DNA”, acredita a rainha.
Durante um ano como rainha, Clara Paixão cumpriu uma exaustiva agenda de trabalho. Nessa época de carnaval, rainha pela segunda vez consecutiva, ela chega a frequentar por semana -com o Rei Momo- mais de cinco eventos ligados ao tema: de blocos a bailes. “É puxado. Mas quando a genta ama o que faz, não fica cansada nunca.” (Pararijos NEWS)