Google+ Badge

sábado, 8 de agosto de 2015

Criminalidade diminui no mês das férias em todo o Pará


Foto: Bruno Magno (ORM News)Foto: Bruno Magno (ORM News)
Um balanço divulgado pela Segup (Secretaria de Segurança Pública do Pará), nesta sexta-feira (7), afirma que houve redução em 14% no número de homicídios registrados em todo o Estado durante o período de 1º de julho a 6 de agosto deste ano, quando foi realizada a Operação Verão 2015. Os números foram comparados com os registrados ano passado.
Foram contabilizados este ano 218 casos de homicídio, contra 254 em 2014. Já na capital paraense, a redução foi maior, 55 casos em 2014 e 26 em 2015, queda de 53%. Já em relação aos crimes de latrocínio (roubo seguido de morte), os índices foram menores em 11% em todo o Pará, com três casos a menos, permanecendo o mesmo em Belém: dois registros.
Em relação aos furtos houve redução em quase 2 mil casos: em 2014 foram 10.694 mil e em julho deste ano 8.842. Em Belém, a diminuição foi um pouco maior. Dos 3.142 mil contabilizados em 2014, reduziu para 2.286 este ano.
Os roubos também diminuíram, foram 9.806 em todo o Estado em 2014, passando para 7.920 em 2015. Em Belém foram registrados 4.922 casos em 2014 e 3.387 em 2015, declínio de 32%.
Entorpecentes - O registro de casos de tráfico de drogas aumentou em todo o Estado em 33%. Ano passado foram 430 casos e passou para 570 em 2015. Já em Belém houve uma pequena redução, de 60 para 58 casos de comércio ilegal de entorpecentes. Maconha, crack, cocaína e pasta base foram as substâncias mais encontradas.
Também durante esse período foi contabilizada a apreensão de 95 armas de fogo, enquanto nos registros de 2014 foram 106. Só em Belém foram apreendidas 22. Trinta e oito foragidos também foram recapturados em 2015, número bem maior do que o registrado em 2014, quando foram encontrados 18. Enquanto isso, a prisão de adultos em flagrante e a apreensão de menores diminuiu de 1.233 para 1.087. Em Belém foram 124 em 2014 e 89 em 2015.
Trânsito - As operações de trânsito contabilizaram redução dos acidentes com mortes, mas crescimento de 31% nos registros de alcoolemia. Foram 250 em 2014 e 327 em 2015. Centro e trinta e três motoristas apresentaram estado de embriaguez e no ano passado foram 96, um aumento de 39%.

Foto: arquivo Agência ParáFoto: arquivo Agência Pará
De acordo com o Detran Pará, em todo o Estado, 33 pessoas foram flagradas sob efeito de álcool enquanto dirigiam, saltando para 235 em 215, aumento de 613%. Somente no município de Salinas, o aumento foi de 568%, de 25 para 168 casos. Em Mosqueiro, o aumento foi de mais de 2.000%, quando em 2014 apenas dois foram pegos nessas condições e em 2015, 44.
Nas rodovias federais, houve aumento de 7% no número de pessoas que dirigiam sob efeito de álcool. Em relação aos acidentes, foram registrados 315 este ano, contra 250 em 2014. O número de mortos permaneceu o mesmo: 36.
(Pararijos NEWS)