Google+ Badge

sábado, 9 de janeiro de 2016

Cota de patrocínio do Parazão é a mesma de 2015

Cota de patrocínio do Parazão é a mesma de 2015 (Foto: Sidney Oliveira/Ag. Pará)
(Foto: Sidney Oliveira/Ag. Pará)
Com a proximidade do início do Campeonato Paraense 2016, os representantes dos clubes, da Federação Paraense de Futebol (FPF) e do Governo do Estado se reuniram, na manhã de ontem, para fechar o acordo das cotas de patrocínio destinadas aos times. A reunião aconteceu na sede da Casa Civil do Governo. Até o início do regional, eles irão se encontrar de novo para assinar o que foi acordado.

Na conversa inicial, ficou acertado que os valores repassados serão os mesmos do último Parazão. Deste modo, a quantia total a ser distribuída entre as equipes é de mais de R$ 6 milhões. A Fundação Paraense de Radiodifusão (Funtelpa), detentora dos direitos de transmissão do campeonato, manterá o apoio de R$ 2,9 milhões, divididos de acordo com a cota destinada a cada agremiação.

O Banpará vai repassar a Remo e Paysandu R$ 54,5 mil reais por mês, ao longo deste ano. Já os outros times receberão mensalmente R$ 19,8 mil.

Foi feita uma solicitação por parte dos diretores dos clubes do interior para que sejam adiantadas três parcelas deste apoio, o que foi aceito por todas as partes.

Foi discutido também o aumento da taxa de manutenção do Mangueirão, que pode chegar a R$ 10 mil, dependendo do jogo. A decisão foi de manter o valor, mas alterá-lo quando as catracas eletrônicas forem instaladas no estádio. A previsão é que até fevereiro, tudo seja resolvido. Entretanto, para o Campeonato Brasileiro e Copa Verde, as taxas serão reajustas, em nova reunião com os times classificados para estas competições.

(Pararijos NEWS/Café Pinheiro/Diário do Pará)