Google+ Badge

segunda-feira, 11 de janeiro de 2016

Homicida diz que matou adolescente de 15 anos

O “patrão” de Patrick Costa teve o retrovisor quebrado e se ele ofereceu para ajudarO “patrão” de Patrick Costa teve o retrovisor quebrado e se ele ofereceu para ajudar
Patrick André Costa, 21, diz que se sente arrependido de ter efetuado o disparo que matou um adolescente de 15 anos, no dia 30 de agosto do ano passado, na avenida Augusto Montenegro. Ele disse que reconhece que matou o adolescente para garantir prestígio com o “patrão” do crime, Denilson Pinto Mafre, que foi com quem o adolescente se envolveu em uma confusão no trânsito. Patrick foi preso no Maranhão, anteontem, e já foi transferido para Belém, onde vai responder pelo delito.
Depois de quatro meses de investigação, a equipe da Divisão de Homicídios de Icoaraci, conseguiu identificar onde Patrick se escondia, ele estava na localidade chamada Bacuri, no Maranhão. O jovem disse que voltou para a cidade onde vive a família cinco dias após ter efetuado o disparo que matou o adolescente de 15 anos. “Eu senti muito medo de continuar aqui, por isso voltei para a cidade da minha família”, declarou o jovem.
Patrick assume que matou o adolescente por motivo banal. E, ontem, ao relatar o fato à polícia diz que se sente arrependido. Sobre o dia do crime, ele disse que estava no conjunto Tocantins, onde morava, quando Denilson, conhecido pelo apelido de “Alex”, chegou falando que tinha se envolvido em uma briga no trânsito. O homem, que segundo a polícia tem envolvimento com o tráfico de drogas, disse que um ciclista tinha quebrado o retrovisor do veículo e não quis arcar com o prejuízo. (Pararijos NEWS)