Google+ Badge

sexta-feira, 26 de dezembro de 2014

Conheça os segredos de quem é bom de cama

Todo mundo quer dar e receber prazer. É basicamente por isso que transamos e nos interessamos tanto por sexo: para curtir momentos de prazer. Mas nem sempre conseguimos fazer o que temos na cabeça e a realidade passa bem longe da expectativa.

Para aproximar mais as duas coisas, fomos atrás de dicas de quem é bom em dar prazer para o outro, fazer a hora H ser mais interessante e chegar os orgasmo. Tem coisa que pode parecer infantil, mas pessoas de todas as idades ainda sofrem com elas. Preparada?
Vá além dos genitais
O primeiro passo para se dar bem na cama é entender que sexo não se resume a penetração ou genitais. O corpo todo tem terminações nervosas que levam sensações gostosas ao cérebro e ele devolve isso como tesão. Entender isso e usar ao seu favor é uma das coisas que pessoas boas de cama fazem.
Agridoce
Sabe aqueles chicletes que você coloca na boca e o sabor faz você fazer uma careta? Mas aí você morde e sai um gostinho doce e tudo fica perfeito? O sexo é assim. Ser carinhosa e ao mesmo tempo intensa é perfeito para manter o momento interessante. É importante lembrar que intensidade não é agressividade e que a resposta do outro é sempre importante.
GPS do corpo
Não tenha vergonha de dar as direções. Não precisa ser algo tão direto como “pegue no meu peito”, pode ser “mais para a direita”, “mais devagar” ou “isso, fica aí”. Com o tempo você vai se sentindo mais segura para dizer exatamente o que quer, como sente mais tesão e o sexo vai ficando cada vez melhor.
Olhe para o outro
Não adianta fazer estripulias sexuais sem olhar para os olhos do outro. Ver, de verdade, quem está ali com você e criar laços. No fim das contas, não importa se é só uma transa de uma noite ou se é entre um casal que está junto há anos: sem laços, momentâneos ou não, não existe sexo gostoso.
Beije com vontade
Transar sem beijo é como se faltasse alguma coisa, como se uma parte da coisa toda estivesse sendo ignorada. A boca, além de tudo, é uma zona erógena e perfeita para ajudar a esquentar o clima.
Sem roteiro
Depois de certo tempo de relacionamento a gente já sabe o que dá certo. Começa assim, vai para lá, coloca a mão aqui, beija ali e pronto, tudo funcionou. Mas funcionar é o que a gente espera de um eletrodoméstico, não do sexo. Sexo tem que surpreender, ser interessante e gostoso. Fugir da rotina é ótimo, surpreender o outro e ser surpreendida. Sair do roteiro torna as coisas mais excitantes e é exatamente isso que a gente busca no sexo, não é?
Sem frescura
Entender que vocês vão ficar suados, que os pelos existem e que sentir nojo das coisas e ter prazer não combinam, são coisas importantes. É claro que para tudo há limites, mas se esforçar um pouquinho e entender que nem tudo o que parece nojento, realmente o é, pode ajudar bastante.
Divirta-se
Não procure a perfeição. Sexo é molhado, suado, escorregadio e acidentes - como as coisas não encaixarem, barulhos estranhos, a posição dar errado - acontecem. A melhor coisa a fazer nesse momento é rir. E isso ainda vai criar um laço entre vocês.

Você tem alguma dúvida sobre sexo? Manda para mim no preliminarescomcarol@yahoo.com.br e siga-me no Twitter (@carolpatrocinio).